conecte-se conosco


Brasileirão Série A

Substituto "natural" ou Luan pelo meio: as alternativas de Roger a Bolaños

Publicado

Carrossel - Roger (Foto: Arte / GloboEsporte.com)Roger definirá substituto de Luan
(Foto: Arte / GloboEsporte.com)

Roger Machado irá a campo nesta quarta-feira, no CT Luiz Carvalho, com uma indefinição em mente a ser sanada no último treino do Grêmio em Porto Alegre antes de rumar a Belo Horizonte para encarar o Atlético-MG, nesta quinta. Após observações minuciosas nos dois primeiros trabalhos da semana, o comandante enfim decidirá quem será o substituto de Miller Bolaños na trinca de meias. Até lá, nutrirá reflexões entre tecer o retorno “natural” de Douglas ou deslocar Luan ao meio, com o ingresso dos extremas Everton ou Pedro Rocha.

Já sem o equatoriano, que já se apresentou a sua seleção, aos cuidados de Gustavo Quinteros, para a disputa da Copa América, Roger ainda não comandou atividades com seus titulares – o que deve ocorrer nesta quarta. Assim, aproveitou os trabalhos táticos em campo reduzido para analisar o desempenho do trio de substitutos, que sempre treinaram no mesmo time de reservas nesta segunda e nesta terça-feira. 

LEIA MAIS
> Grêmio renova vínculo com Lincoln até 2019
> Wallace se diz ansioso para jogar no Grêmio
> Grêmio mira repetir jogo perfeito com Galo

01

troca “natural”

A escolha terá como base o posicionamento do rival, Atlético-MG, e a necessidade que este implicará para abrir caminho ao ataque. Caso a estratégia indique a presença de Douglas como centralizador das jogadas, a equipe, de acordo com o anseio de Roger, tem mais cadência para trabalhar a bola e “acalmar” a bola, evitando um jogo de transições.

Grêmio campinho sem bolanos (Foto: Reprodução)Ataque com um dos extremas na vaga de Bolaños (Foto: Reprodução)

01

luan pelo meio

Com um dos extremas como titulares – seja Everton ou Pedro Rocha – o Grêmio ganha com a proximidade de Luan ao gol, mesmo que mais recuado. Neste caso, o escolhido tem a incumbência de atrair o defensor rival e abrir espaço para as penetrações do camisa 7 dentro da área. 

– Coloquei o Douglas no jogo contra o Flamengo por identificar que precisava de retenção de bola. O jogo virou um confronto de transições. Nós nos abrimos para jogar  e devolvíamos a bola para o Flamengo. Isso nos deixava muito expostos. Posso ter a função do Douglas como substituto natural, com o Luan pelo lado. Assim como eu posso usar o Luan pelo meio. Ele faz isso muito bem. Com o Everton ou o Pedro aberto…. Depende muito do que a gente imagina que o jogo irá nos proporcionar, mas não vai fugir dessas opções – avalia o treinador.

Grêmio campinho sem bolanos (Foto: Reprodução)Ataque com Douglas na vaga de Bolaños (Foto: Reprodução)

01

amostragem contra o fla

Luan contra o Flamengo  (Foto: Lucas Uebel / Grêmio, DVG)Contra o Galo, Luan foi descartado como “falso 9” (Foto: Lucas Uebel / Grêmio, DVG)

A amostragem apresentada na vitória por 1 a 0 sobre o Flamengo, no último domingo, indica o ingresso de Everton na equipe. O garoto foi a campo no intervalo, mas na vaga de Bobô, com o deslocamento de Luan à referência, ainda com Miller Bolaños em campo. Com o garoto no time, o Tricolor apresentou seu melhor desempenho na partida. Douglas ingressou apenas nos minutos finais, para cadenciar o jogo.

Por falar na saída de Bobô, o retorno de Luan ao posto de referência do ataque foi até cogitada, mas acabou eliminada pelo comandante. Ao menos, num primeiro momento. A ideia é ter o camisa 13 em campo para ganhar campo no ataque com imposição e segurar a linha defensiva.

– Também tem essa possibilidade. Inicialmente não seria minha primeira opção. Entendo precisar do Bobô. O que credencia é o número de gols. É o artilheiro de gols no ano. Ele tem no seu jogo a responsabilidade de criar espaços, segurar a linha defensiva. Ter a presença dentro da área me dá condição de progredir em campo com sua figura centralizada, ora atingindo profundidade pelo lado. No jogo contra o Corinthians, as nossas duas melhores oportunidades de gol foram do Bobô – destaca o treinador.

01

chance remota

Grêmio, Roger, técnico, lincoln, treino (Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação)Lincoln não atua há três jogos (Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação)

Também há uma possibilidade remota, mas que poderia ocorrer no decorrer da partida ou em outros jogos. De contrato renovado, o garoto Lincoln deverá ganhar mais oportunidades. Em 2016, com Roger Machado, tem 19 jogos e quatro gols, três dos quais em jogos seguidos, num recorde com o atual comandante. Tratado como joia, ficou de fora das últimas três partidas na equipe tricolor. 

O Tricolor retoma os treinamentos para sanar essa dúvida nesta quarta-feira pela manhã. Em seguida, ruma a Belo Horizonte, onde encara o Atlético-MG nesta quinta-feira, às 21h, pela 3ª rodada do Brasileirão.

Veja as informações do próximo jogo do Grêmio:
Próximo adversário: Atlético-MG
Local: Independência, Belo Horizonte 
Data e horário: quinta-feira, 21h (horário de Brasília) 
Escalação provável: Marcelo Grohe; Edílson, Geromel, Fred e Marcelo Oliveira; Walace, Maicon, Giuliano, Douglas (Everton) e Luan; Bobô.  
Desfalques: Douglas Friedrich, Wesley e Moisés 
Arbitragem: Raphael Claus (SP), auxiliado por Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo (SP) e Gustavo Rodrigues de Oliveira (SP)

Confira as notícias do esporte gaúcho no globoesporte.com/rs

Fonte: Globo Esporte

Comentários Facebook

Brasileirão Série A

Em Minas, Cuiabá perde para o líder Atlético-MG e cai invencibilidade

Publicado

A Gazeta

Após 12 jogos sem derrotas fora de casa pelo Campeonato Brasileiro, o Cuiabá perdeu a longa invencibilidade que acumulava na série A para o líder Atlético-MG neste domingo (24), em Belo Horizonte, pela 28ª rodada do Brasileirão. O galo venceu por 2 a 1 e pôs fim a longa série do auriverde sem derrotas longe de casa.

O Dourado continua com 35 pontos, em décimo lugar na tabela de classificação. O Galo, por sua vez, chegou aos 59 tentos e é mais líder do que nunca.

A mil por hora, assim começou o início do jogo entre Cuiabá e Atlético-MG no Mineirão. Logo aos 2 minutos, Nathan Silva, contra, inaugurou o marcador em recuo infeliz para Everton, que viu a bola entrar lentamente no gol. Aos 4, Hulk, dentro da pequena área, deixou tudo igual após jogada ensaiada de escanteio.

O time mineiro conseguiu a virada com Jair, que completou de cabeça para as redes após assistência de Guilherme Arana.

No início da etapa final, Hulk marcou o terceiro para o Atlético, mas o gol foi anulado após a arbitragem pegar um toque de mão do atacante. Daí em diante o Atlético continuou pressionando, mas sempre parando nas defesas seguras do goleiro Walter.

À medida que o relógio foi passando, o Atlético deixou o Cuiabá mais a vontade para trabalhar com a bola e passou a contar com os contra-ataques. O Dourado martelou, porém não conseguiu criar chances claras de gol.

O próximo compromisso do Cuiabá no campeonato brasileiro é contra o Red Bull Bragantino no dia 1º de novembro, na Arena Pantanal, às 19h30 (de MT.

Comentários Facebook
Continue lendo

Brasileirão Série A

Seleção Brasileira encerra preparação para amistoso contra República Tcheca

Publicado

Programa No Mundo da Bola desta segunda-feira (25) também destacou a reta final dos principais campeonatos estaduais do país; ouça na íntegra

O programa No Mundo da Bola desta segunda-feira (25) destacou o amistoso da Seleção Brasileira com a República Tcheca. Waldir Luiz, Márcio Guedes, Bruno Mendes e toda a nossa equipe também analisaram a reta final dos principais campeonatos estaduais do país e as principais notícias do esporte nacional e internacional.

Clique no player e ouça o programa na íntegra:

No Mundo da Bola é transmitido pela Rádio Nacional do Rio de Janeiro, de segunda a sexta-feira, a partir das 17h. Para participar das transmissões, o internauta deve ligar para (21) 2117-6918 ou (21) 2117-6919.

Fale com a equipe de esportes das Rádios EBC pelo e-mail: esporte.radios@ebc.com.br.

Agencia Brasil
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana