conecte-se conosco


Brasileirão Série A

Santos é condenado a pagar DIS por direitos de André, hoje no Corinthians

Publicado

André Corinthians (Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians)André foi vendido em 2010 ao Dínamo de Kiev (Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians)

Seis anos após o atacante André deixar o Santos para se
transferir para o Dínamo de Kiev, da Ucrânia, a Justiça condenou o clube a
pagar 25% do valor da transferência para o fundo de investimentos DIS, numa das
mais antigas disputas entre o clube e o ex-parceiro, que também fez negócios
por Neymar, Wesley e Paulo Henrique Ganso.

A sentença é de 4 de maio, mas foi publicada no
Diário de Justiça nesta quarta-feira. O clube terá que pagar R$ 2.557.955, corrigido
pelo IGP-M (FGV), além de multa de 10% e juros.

André foi um dos sete atletas da base que tiveram parte de
seus direitos econômicos vendidos ao fundo DIS pelo ex-presidente Marcelo
Teixeixa por 1,25 milhão de euros em 2008. Dois anos depois, sob a gestão de
Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro, o clube contestou o negócio.

No mesmo ano, ao vender André para o Dínamo e Wesley para o
Werder Bremen, da Alemanha, o Santos se recusou a repassar ao DIS os 25% da empresa, que procurou a Justiça. 

Leia mais:   Em Minas, Cuiabá perde para o líder Atlético-MG e cai invencibilidade

O clube também processou a empresa, pedindo que a venda dos
direitos seja considerada nula – uma decisão de primeira instância negou a
demanda, mas já houve recursos. 

André rendeu
cerca de R$ 17,7 milhões aos donos de seus direitos, que eram divididos entre o
Santos (35%), Cabofriense (40%) e DIS (25%). 

Antes de recusar o pagamento ao fundo, o Santos chegou a
repassar, em agosto daquele ano, R$ 1.797.090 ao parceiro, que tinha direito a
cerca de R$ 4,4 milhões. O valor da condenação refere-se a esses R$ 4,4 milhões,
descontados o que já foi pago e impostos.

O valor da dívida por André é de cerca de R$ 2,5 milhões, que terão que ser corrigidos. O DIS também cobra outros R$ 4,4 milhões por Wesley e contesta a venda de Neymar ao Barcelona. O Santos irá recorrer da condenação recente.

André ficou no Dínamo até 2011, quando foi comprado pelo
Atlético-MG. No ano seguinte, retornou ao Santos, por empréstimo, mas não
repetiu as atuações da primeira passagem. Hoje o atacante defende o
Corinthians, onde é contestado pela torcida.

Leia mais:   Em Minas, Cuiabá perde para o líder Atlético-MG e cai invencibilidade

O DIS também processa o Santos em cerca de R$ 4 milhões por
parte da venda de Wesley, hoje no São Paulo, ao Werder Bremen, em 2010. O clube
também é alvo da empresa pela transferência de Neymar ao Barcelona, em 2013, e
teve papel importante na saída de Paulo Henrique Ganso da Vila Belmiro, em
2012.

O diretor do DIS, Roberto Moreno, afirma que a empresa tem interesse em um acordo:

– Já conversei várias
vezes com o presidente Modesto Roma Júnior de fazermos uma composição nesses casos. O Santos já perdeu em
primeira instância. O caso está avançado, está na hora de cair a ficha e
sentar para conversar.

O Santos irá recorrer da decisão, por entender que os contratos são nulos.

Nesta semana, o clube venceu uma outra batalha na Justiça, que extinguiu uma ação do Doyen que pedia R$ 74 milhões por Leandro Damião. Assim como no caso do DIS, o Santos também pretende anular os acordos com os investidores do fundo maltês.

Fonte: Globo Esporte

Comentários Facebook

Brasileirão Série A

Em Minas, Cuiabá perde para o líder Atlético-MG e cai invencibilidade

Publicado

A Gazeta

Após 12 jogos sem derrotas fora de casa pelo Campeonato Brasileiro, o Cuiabá perdeu a longa invencibilidade que acumulava na série A para o líder Atlético-MG neste domingo (24), em Belo Horizonte, pela 28ª rodada do Brasileirão. O galo venceu por 2 a 1 e pôs fim a longa série do auriverde sem derrotas longe de casa.

O Dourado continua com 35 pontos, em décimo lugar na tabela de classificação. O Galo, por sua vez, chegou aos 59 tentos e é mais líder do que nunca.

A mil por hora, assim começou o início do jogo entre Cuiabá e Atlético-MG no Mineirão. Logo aos 2 minutos, Nathan Silva, contra, inaugurou o marcador em recuo infeliz para Everton, que viu a bola entrar lentamente no gol. Aos 4, Hulk, dentro da pequena área, deixou tudo igual após jogada ensaiada de escanteio.

O time mineiro conseguiu a virada com Jair, que completou de cabeça para as redes após assistência de Guilherme Arana.

No início da etapa final, Hulk marcou o terceiro para o Atlético, mas o gol foi anulado após a arbitragem pegar um toque de mão do atacante. Daí em diante o Atlético continuou pressionando, mas sempre parando nas defesas seguras do goleiro Walter.

Leia mais:   Em Minas, Cuiabá perde para o líder Atlético-MG e cai invencibilidade

À medida que o relógio foi passando, o Atlético deixou o Cuiabá mais a vontade para trabalhar com a bola e passou a contar com os contra-ataques. O Dourado martelou, porém não conseguiu criar chances claras de gol.

O próximo compromisso do Cuiabá no campeonato brasileiro é contra o Red Bull Bragantino no dia 1º de novembro, na Arena Pantanal, às 19h30 (de MT.

Comentários Facebook
Continue lendo

Brasileirão Série A

Seleção Brasileira encerra preparação para amistoso contra República Tcheca

Publicado

Programa No Mundo da Bola desta segunda-feira (25) também destacou a reta final dos principais campeonatos estaduais do país; ouça na íntegra

O programa No Mundo da Bola desta segunda-feira (25) destacou o amistoso da Seleção Brasileira com a República Tcheca. Waldir Luiz, Márcio Guedes, Bruno Mendes e toda a nossa equipe também analisaram a reta final dos principais campeonatos estaduais do país e as principais notícias do esporte nacional e internacional.

Clique no player e ouça o programa na íntegra:

No Mundo da Bola é transmitido pela Rádio Nacional do Rio de Janeiro, de segunda a sexta-feira, a partir das 17h. Para participar das transmissões, o internauta deve ligar para (21) 2117-6918 ou (21) 2117-6919.

Fale com a equipe de esportes das Rádios EBC pelo e-mail: esporte.radios@ebc.com.br.

Agencia Brasil
Comentários Facebook
Leia mais:   Em Minas, Cuiabá perde para o líder Atlético-MG e cai invencibilidade
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana