conecte-se conosco


Brasileirão Série A

Pachequinho não perdoa erro em bolas paradas: "Claro que vou cobrar"

Publicado

Pachequinho (Foto: Divulgação/Coritiba)Para técnico Pachequinho, Coritiba conseguiu mostrar que tem capacidade de reverter situação (Foto: Divulgação/Coritiba)

O empate em 1 a 1 com o Internacional, na noite de quinta-feira, não era o resultado que o Coritiba precisava. Castigado por um erro em uma bola parada, o time, que teve os melhores números na partida, teve que se contentar com apenas um ponto dentro de casa. A dificuldade de o Alviverde corrigir os descuidos defensivos foi a principal crítica do técnico Pachequinho depois da partida. 

? A gente sempre cobra. Os jogadores mesmos falam. Enquanto juiz não acabar o jogo, não pode se descuidar. Tem lance muito rápido. Tem que haver a antecipação de um jogador em determinadas bolas, tem que estar sempre pensando no que vai acontecer em uma situação de dificuldade. Mas é claro que eu vou cobrar. A gente tem que corrigir para não ter esses erros que acabam atrapalhando. Temos que reverter uma situação adversa e eles sabem disso. Eles mesmos vão se cobrar. Nós, da comissão técnica, vamos mostrar, treinar e diminuir a margem de erro nos jogos. Temos que conseguir sair na frente e não tomar os gols da forma que a gente toma.

O erro decisivo, que fez com que o time gaúcho saísse na frente na partida, não foi exclusividade do jogo de quinta. É a segunda partida no Couto Pereira que o Alviverde toma um gol originado de um lateral ? contra o Palmeiras, o lance de descuido já havia acontecido. 

? A gente trabalha, insiste e corrige para que não haja os erros. Mais uma vez, fomos punidos por erro de bola parada. O gol deles saiu de um arremesso lateral. Os jogadores, no intervalo, estavam chateados e tristes, porque eles também se cobram no dia a dia. Essa é uma bola que você tem que atacar e não deixar o adversário ganhar por cima ? ensina Pachequinho.

Veja também
Tabela e classificação do Campeonato Brasileiro da Série A
Ex-Vasco, meia Bernardo assina com o Coritiba e deve ser apresentado sexta

Apesar das observações críticas em relação às falhas do Coritiba, o balanço que o técnico fez foi positivo, pela partida que fez o time. Pachequinho lamentou a sequência de jogos difíceis contra equipes bem colocadas no Campeonato Brasileiro. 

 A tabela não ajuda nesse momento, porque você tem que lutar contra os adversários que estão lá em cima

Pachequinho, técnico

? A gente não pode perder o rumo, a linha de trabalho. O jogo que a gente fez hoje aqui é a prova disso. Temos totais condições de reverter e temos que almejar melhorar nossa pontuação e classificação na competição. Mas é só com trabalho. Nos últimos oito jogos, pegamos os sete melhores colocados. A tabela não ajuda nesse momento, porque você tem que lutar contra os adversários que estão lá em cima. A partir do momento em que tivermos uma sequência de resultados bons, a gente com certeza vai subir na classificação.

Sobre a possibilidade de Milton Cruz assumir como técnico do Coritiba, Pachequinho diz não ter informações. Nos bastidores do clube, a versão é de que o ex-interino do São Paulo vem para ser gerente de futebol. 

? Não foi passado nada. Deve ser situação com a diretoria. Para mim, segue o trabalho e continuamos da mesma forma. Não foi passada nenhuma informação ? disse o técnico, de forma sucinta. 

Com Pachequinho no comando, o Coritiba entra a campo no próximo domingo. O Alviverde vai a Florianópolis enfrentar o Figueirense, às 18h30 (horário de Brasília). 

Confira mais notícias do esporte paranaense no globoesporte.com/parana

Comentários Facebook

Brasileirão Série A

Seleção Brasileira encerra preparação para amistoso contra República Tcheca

Publicado

Programa No Mundo da Bola desta segunda-feira (25) também destacou a reta final dos principais campeonatos estaduais do país; ouça na íntegra

O programa No Mundo da Bola desta segunda-feira (25) destacou o amistoso da Seleção Brasileira com a República Tcheca. Waldir Luiz, Márcio Guedes, Bruno Mendes e toda a nossa equipe também analisaram a reta final dos principais campeonatos estaduais do país e as principais notícias do esporte nacional e internacional.

Clique no player e ouça o programa na íntegra:

No Mundo da Bola é transmitido pela Rádio Nacional do Rio de Janeiro, de segunda a sexta-feira, a partir das 17h. Para participar das transmissões, o internauta deve ligar para (21) 2117-6918 ou (21) 2117-6919.

Fale com a equipe de esportes das Rádios EBC pelo e-mail: esporte.radios@ebc.com.br.

Agencia Brasil
Comentários Facebook
Continue lendo

Esportes

Palmeiras volta a ter time feminino depois de 9 anos

Publicado

Repórter Lincoln Chaves trouxe todas as informações da preparação do Verdão para o Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino dentro do programa No Mundo da Bola desta quinta-feira (14); ouça na íntegra
Começa neste sábado (16) a sétima edição do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino. E a Rádio Nacional traz uma série de matérias sobre a principal competição do futebol feminino no país. A terceira reportagem fala do Palmeiras e dos seus reforços para disputar a competição além do projeto da diretoria para a modalidade. O repórter Lincoln Chaves trouxe todas as informações do Verdão dentro do programa No Mundo da Bola desta quinta-feira (14).

Ouça no player abaixo:

O Palmeiras retorna ao feminino após nove anos. O time vai jogar em Vinhedo, cidade parceira do versão nesta edição.

A equipe foi apresentada em meados de fevereiro e é comandada pela treinadora Ana Lúcia Gonçalves.

O No Mundo da Bola é transmitido pela Rádio Nacional do Rio de Janeiro, de segunda a sexta-feira, a partir das 17h. Para participar das transmissões, o internauta deve ligar para (21) 2117-6918 ou (21) 2117-6919. Fale com a equipe de esportes das Rádios EBC pelo e-mail: esporte.radios@ebc.com.br.
Tags: Palmeiras Futebol Feminino Brasileirão Feminino

Agência Brasil

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana