conecte-se conosco


Brasileirão Série A

Jonathan diz que escolha de Levir foi drástica: "Estou bem fisicamente"

Publicado

Jonathan, Fluminense (Foto: Mailson Santana/Fluminense FC)Jonathan completará três jogos sem ser relacionado (Foto:Mailson Santana/Fluminense FC)

Surpresa no Fla-Flu, realidade nos dois jogos seguintes.
Jonathan não só perdeu a titularidade como sequer faz parte da lista de
relacionados por Levir Culpi. Após a vitória sobre o Flamengo, domingo, dia 26
de junho, o treinador alegou questões físicas. Pois o atleta, ao garantir estar
bem fisicamente, definiu a opção do comandante como ?drástica?. Não reclamou,
disse respeitar o momento.

 

Jonathan se manifestou por meio da assessoria de imprensa
pessoal. Dos 12 jogos no Brasileirão, o lateral atuou em dez. Todos como
titular. Foi substituído em três. Esteve em campo, portanto, 824 dos 900
minutos disputados.

 

– Foi uma medida drástica, já que eu vinha tendo a sequência
de jogos que tanto procurei no Fluminense e, de repente, me vejo fora até das
concentrações. Acredito que estava cumprindo bem o meu papel dentro de campo e,
claro, procurando evoluir cada vez mais sem nunca me sentir acomodado com a
titularidade. Tive alguns incômodos em alguns jogos do Brasileiro, mas, graças
ao trabalho do pessoal da fisiologia, pude me recuperar rapidamente e estar à
disposição para o confronto seguinte. Isso era algo que estava me deixando
feliz, permanecer disponível mesmo numa maratona de dez partidas em pouco mais
de um mês. A gente sabe que quando não estamos completamente aptos não faz
sentido sermos relacionados, pois podemos prejudicar o treinador e queimar uma
substituição à toa. Porém, estou me sentido bem fisicamente, participei
normalmente dos últimos treinos, mesmo que à parte. Uma lesão não permitiria
que eu voltasse a treinar tão rapidamente. Dessa forma, a ideia é seguir
trabalhando forte e provar que estou preparado para ajudar o Fluminense –
analisou o jogador.

 

Relembre: Do erro médico na Itália à boa fase no Flu: Jonathan renasce e desabafa

Sem Jonathan, Levir apostou em Wellington Silva pela
direita, Giovanni na esquerda. Foi assim no Fla-Flu, contra o São Paulo. E
continuará diante do Coritiba. O treinador explicou após a vitória diante do Fla:

 

– Mais a questão tática. Achei que hoje teríamos um jogo
difícil e forte fisicamente nas laterais. Tecnicamente, o Jonathan é superior a
eles, mas fisicamente gostei muito da atuação dos dois (Wellington Silva e
Giovanni). Ele vinha sentindo algumas coisas musculares.

 

Nas dez rodadas em que esteve em campo com o Fluminense pelo
Campeonato Brasileiro, Jonathan soma três vitórias, quatro empates e três
derrotas. Apesar da ausência, o atleta afirma entender as motivações do
técnico:

 

– Embora eu me sinta apto para continuar jogando
normalmente, como vinha fazendo, eu entendo a decisão do Levir. O treinador precisa
olhar o grupo como um todo, sem privilegiar um ou outro. Se ele viu que era
necessário fazer ajustes, a gente precisa respeitar sempre. Talvez tenha sido
uma opção técnica baseada na percepção tática que ele fez das últimas atuações
da equipe. Só me resta continuar trabalhando firme em cada treinamento, me
mantendo preparado física e tecnicamente e mostrando que minha dedicação não
diminuiu com o que aconteceu. Respeito muito a trajetória do Levir, inclusive,
já trabalhamos juntos quando eu ainda estava começando minha carreira. Sou
grato por ele ter confiado no meu futebol quando chegou ao Fluminense. Agora,
pretendo me empenhar ainda mais para tentar recuperar o espaço na equipe.

Jonathan tem contrato até dezembro com o Flu. Por ora, não
há definição se continuará no clube das Laranjeiras. Após quatro anos jogando
pela Internazionale de Milão, chegou ao Fluminense em setembro do ano passado.
Desde então, o lateral disputou 26 jogos e somou 11 vitórias, oito empates e
sete derrotas, além de três assistências.

Comentários Facebook

Brasileirão Série A

Em Minas, Cuiabá perde para o líder Atlético-MG e cai invencibilidade

Publicado

A Gazeta

Após 12 jogos sem derrotas fora de casa pelo Campeonato Brasileiro, o Cuiabá perdeu a longa invencibilidade que acumulava na série A para o líder Atlético-MG neste domingo (24), em Belo Horizonte, pela 28ª rodada do Brasileirão. O galo venceu por 2 a 1 e pôs fim a longa série do auriverde sem derrotas longe de casa.

O Dourado continua com 35 pontos, em décimo lugar na tabela de classificação. O Galo, por sua vez, chegou aos 59 tentos e é mais líder do que nunca.

A mil por hora, assim começou o início do jogo entre Cuiabá e Atlético-MG no Mineirão. Logo aos 2 minutos, Nathan Silva, contra, inaugurou o marcador em recuo infeliz para Everton, que viu a bola entrar lentamente no gol. Aos 4, Hulk, dentro da pequena área, deixou tudo igual após jogada ensaiada de escanteio.

O time mineiro conseguiu a virada com Jair, que completou de cabeça para as redes após assistência de Guilherme Arana.

No início da etapa final, Hulk marcou o terceiro para o Atlético, mas o gol foi anulado após a arbitragem pegar um toque de mão do atacante. Daí em diante o Atlético continuou pressionando, mas sempre parando nas defesas seguras do goleiro Walter.

À medida que o relógio foi passando, o Atlético deixou o Cuiabá mais a vontade para trabalhar com a bola e passou a contar com os contra-ataques. O Dourado martelou, porém não conseguiu criar chances claras de gol.

O próximo compromisso do Cuiabá no campeonato brasileiro é contra o Red Bull Bragantino no dia 1º de novembro, na Arena Pantanal, às 19h30 (de MT.

Comentários Facebook
Continue lendo

Brasileirão Série A

Seleção Brasileira encerra preparação para amistoso contra República Tcheca

Publicado

Programa No Mundo da Bola desta segunda-feira (25) também destacou a reta final dos principais campeonatos estaduais do país; ouça na íntegra

O programa No Mundo da Bola desta segunda-feira (25) destacou o amistoso da Seleção Brasileira com a República Tcheca. Waldir Luiz, Márcio Guedes, Bruno Mendes e toda a nossa equipe também analisaram a reta final dos principais campeonatos estaduais do país e as principais notícias do esporte nacional e internacional.

Clique no player e ouça o programa na íntegra:

No Mundo da Bola é transmitido pela Rádio Nacional do Rio de Janeiro, de segunda a sexta-feira, a partir das 17h. Para participar das transmissões, o internauta deve ligar para (21) 2117-6918 ou (21) 2117-6919.

Fale com a equipe de esportes das Rádios EBC pelo e-mail: esporte.radios@ebc.com.br.

Agencia Brasil
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana