conecte-se conosco


Brasileirão Série A

Invicto no novo Mané Garrinha, Cruzeiro se inspira em jogo de 2014

Publicado

Henrique Cruzeiro x Shakhtar (Foto: Adalberto Marques / Agência Estado)Henrique esteve presente na última vez que o Cruzeiro jogou no estádio Mané Garrincha (Foto: Adalberto Marques / Agência Estado)

O Cruzeiro ainda não perdeu no Mané Garrincha, depois que o estádio foi reformado para a Copa do Mundo de 2014. Tudo bem, tudo bem, foram apenas dois jogos – empate no amistoso contra o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, em janeiro do ano passado, e vitória contra o Atlético-PR, no Brasileirão de 2014. Mais de um ano depois, a Raposa volta à capital federal com uma missão indigesta: vencer a primeira no Campeonato Brasileiro e deixar a penúltima colocação da tabela.

Realmente é um clima, uma atmosfera diferente. Tem a presença do nosso torcedor em Brasília e isso acaba nos favorecendo porque eles enchem o estádio. Mas sabemos que lá dentro de campo é uma questão de estarmos concentrados e voltados para o jogo, para que possamos sair de lá com nossa primeira vitória.
 
Léo, zagueiro do Cruzeiro

Apesar do mando ser da equipe carioca, o jogo deve ter uma torcida equilibrada, visto que o Cruzeiro tem muitos torcedores em Brasília. Isso pode ser uma vantagem, já que a equipe de Paulo Bento pode atuar com uma pressão amenizada do que se estivesse jogando no Rio de Janeiro.

O zagueiro Léo, que ganhou a posição de Bruno Rodrigo no jogo contra o América-MG, acredita que, de fato, o clima em Brasília será diferente do que se o jogo fosse realizado no Rio de Janeiro. O jogador do Cruzeiro espera que a torcida celeste na capital federal empurre o time para sair desse momento incômodo. 

– Realmente é um clima, uma atmosfera diferente. Tem a presença do nosso torcedor em Brasília e isso acaba nos favorecendo porque eles enchem o estádio. Mas sabemos que lá dentro de campo é uma questão de estarmos concentrados e voltados para o jogo, para que possamos sair de lá com nossa primeira vitória. 

Mané Garrincha, Vila Nova x Vasco (Foto: Sofia Miranda)Mané Garrincha, é palco de Botafogo e Cruzeiro  (Foto: Sofia Miranda)

Arrascaeta analisou a pressão vivida pelo adversário também, que perdeu a final do Estadual e está na 13ª colocação no Brasileiro, com quatro pontos. 

– A pressão tem pra eles como tem pra gente também. Acho que vai ser
como até agora, um jogo difícil, tem coisas boas e coisas a melhorar, então se
jogar sério, podemos ganhar a partida.

No novo estádio, a estreia foi no início do Brasileirão de 2014, quando o time vinha da euforia da conquista da competição nacional, em 2013. Na terceira rodada, o jogo contra o Atlético-PR foi para o estádio de Brasília. Dentro de campo, o Cruzeiro ficou atrás por duas vezes no placar, mas conseguiu reagir e virou a partida, levando o resultado positivo por 3 a 2 (relembre no vídeo abaixo). Pontos que, mais tarde, ajudariam no conquista do bi. Nilton, Souza e Marcelo Moreno anotaram para a Raposa. Daquela partida, apenas Fábio deve atuar nesta quarta, contra o Botafogo.

 

Retorno

No ano passado, o Cruzeiro fez seu primeiro jogo da temporada no estádio de Brasília. Um amistoso internacional contra o Shakthar Donetsk. Na ocasião, a Raposa empatou com a equipe ucraniana por 1 a 1 (relembre abaixo). Ainda sob o comando de Marcelo Oliveira, treinador do bicampeonato, quem marcou para o time celeste foi o jovem Judivan, que atualmente se recupera de uma cirurgia no joelho. 

 

O Cruzeiro tem alguns desfalques importantes para a próxima partida. A começar pelo treinador Paulo Bento, que foi expulso contra o América-MG, por uma confusão com o treinador Givanildo Oliveira. No
departamento médico seguem Dedé, Mayke, Manoel, Judivan, Marcos
Vinícius, Rafael Silva e Allano. 

Fonte: Globo Esporte

Comentários Facebook

Brasileirão Série A

Em Minas, Cuiabá perde para o líder Atlético-MG e cai invencibilidade

Publicado

A Gazeta

Após 12 jogos sem derrotas fora de casa pelo Campeonato Brasileiro, o Cuiabá perdeu a longa invencibilidade que acumulava na série A para o líder Atlético-MG neste domingo (24), em Belo Horizonte, pela 28ª rodada do Brasileirão. O galo venceu por 2 a 1 e pôs fim a longa série do auriverde sem derrotas longe de casa.

O Dourado continua com 35 pontos, em décimo lugar na tabela de classificação. O Galo, por sua vez, chegou aos 59 tentos e é mais líder do que nunca.

A mil por hora, assim começou o início do jogo entre Cuiabá e Atlético-MG no Mineirão. Logo aos 2 minutos, Nathan Silva, contra, inaugurou o marcador em recuo infeliz para Everton, que viu a bola entrar lentamente no gol. Aos 4, Hulk, dentro da pequena área, deixou tudo igual após jogada ensaiada de escanteio.

O time mineiro conseguiu a virada com Jair, que completou de cabeça para as redes após assistência de Guilherme Arana.

No início da etapa final, Hulk marcou o terceiro para o Atlético, mas o gol foi anulado após a arbitragem pegar um toque de mão do atacante. Daí em diante o Atlético continuou pressionando, mas sempre parando nas defesas seguras do goleiro Walter.

À medida que o relógio foi passando, o Atlético deixou o Cuiabá mais a vontade para trabalhar com a bola e passou a contar com os contra-ataques. O Dourado martelou, porém não conseguiu criar chances claras de gol.

O próximo compromisso do Cuiabá no campeonato brasileiro é contra o Red Bull Bragantino no dia 1º de novembro, na Arena Pantanal, às 19h30 (de MT.

Comentários Facebook
Continue lendo

Brasileirão Série A

Seleção Brasileira encerra preparação para amistoso contra República Tcheca

Publicado

Programa No Mundo da Bola desta segunda-feira (25) também destacou a reta final dos principais campeonatos estaduais do país; ouça na íntegra

O programa No Mundo da Bola desta segunda-feira (25) destacou o amistoso da Seleção Brasileira com a República Tcheca. Waldir Luiz, Márcio Guedes, Bruno Mendes e toda a nossa equipe também analisaram a reta final dos principais campeonatos estaduais do país e as principais notícias do esporte nacional e internacional.

Clique no player e ouça o programa na íntegra:

No Mundo da Bola é transmitido pela Rádio Nacional do Rio de Janeiro, de segunda a sexta-feira, a partir das 17h. Para participar das transmissões, o internauta deve ligar para (21) 2117-6918 ou (21) 2117-6919.

Fale com a equipe de esportes das Rádios EBC pelo e-mail: esporte.radios@ebc.com.br.

Agencia Brasil
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana