conecte-se conosco


Cáceres e Região

Entrevista – Eliene diz que viveu dura e triste realidade; e que apesar dos entraves está fazendo a coisa certa e espera “de coração” que tenhamos em 2022 no máximo 3 candidatos a deputado

Publicado

Sinézio Alcântara – Expressão Notícias

    Ao completar um ano de gestão a prefeita de Cáceres, Eliene Liberato Dias diz que enfrentou “dura e triste realidade” nos 12 primeiros meses da administração. Afirma que apesar dos “entraves e desafios” está fazendo as coisas certas e no momento certo. Assinala que o alinhamento do município com Estado e Assembleia tem resultado em milhões de reais em obras para o município. Revela que Cáceres já atingiu 90% da população vacinada contra covid com a primeira dose. Em relação as eleições de 2022 enfatiza, que o compromisso é apoiar quem a apoiou e que “do fundo do coração” espera que tenhamos no máximo 3 candidatos a estadual pois assim poderemos vislumbrar a eleição de dois ou até mesmo os três “não podemos errar mais”. Leia abaixo a íntegra da entrevista ao site Expressão Notícias.

Site Expressão Notícias (E.N) – A senhora assumiu a gestão em um momento delicado em todos os setores, mas, principalmente, da saúde e economia, em razão da pandemia do coronavirus. Hoje, ao completar o primeiro ano da gestão, qual é a situação da prefeitura?

     Resposta – Eliene: Sim. O momento era muito delicado. Na posse, Júlio Parreira, que assumiria uma secretaria, estava ele muito mal no hospital e o meu vice-prefeito tomou posse de forma virtual. Os primeiros meses foram muito difíceis, enfrentamos uma dura e triste realidade, foram dias de muitas incertezas! Tivemos que ter um controle emocional muito grande para escolher o melhor caminho. Graças a Deus fomos fortes e conscientes nas decisões que tomamos.  A economia era uma incógnita. Muitos decretos foram publicados para o enfrentamento da Covid-19 no município. Isso ao mesmo tempo em que evitávamos a proliferação desse vírus, atingia de certa forma o comércio local e refletia na economia. Mas era um mal necessário. Hoje, a situação está bem melhor, estamos recuperando tudo o que ficou para trás… é vida que segue.

E.N – São inúmeros os problemas de qualquer administração. Na sua opinião, qual o seu maior desafio na prefeitura de Cáceres?

    R – Eliene: A frente de trabalho e as demandas são inúmeras, como já falado sobre a saúde, na educação, as estradas vicinais, as ruas não pavimentadas, a falta de água nos bairros e na zona rural a agricultura familiar, a reforma administrativa. Tudo tem seus entraves e desafios que precisam resolver. A decisão é do gestor. Não posso errar. Por enquanto, as escolhas que tomamos, estão dando resultados, sendo possível perceber os avanços nesse primeiro ano do nosso mandato. Isso é bom sinal e nos deixa tranquilos em saber que estamos fazendo as coisas certas no momento certo.

E.N – Diante do quadro é difícil não abordar a situação da pandemia. Existe vacina suficiente no município, a população está atendendo ao chamado para se imunizar?

     R – Eliene: Com a primeira dose, já atingimos 90% da população. Ainda estamos na busca daquelas pessoas que ainda não vacinaram nenhuma dose, que são quase 10 mil pessoas. A campanha continua normal para a segunda e as doses de reforço. Bem como as vacinas da Influenza.

Leia mais:   Mato Grosso recebe 140 mil doses de vacina contra a Covid-19 nesta terça-feira (18)

E.N – Ainda sobre a saúde. A senhora voltou para o Consórcio Intermunicipal de Saúde. O resultado é satisfatório?

    R- Eliene: Sim, estamos comemorando o retorno ao Consórcio CISOMT, que ocorreu em julho de 2021, pois através dele foi possível realizar 4.185 consultas com especialistas (neurologista, cardiologista, oftalmologista, ortopedista, urologista, infectologista e outros), realizamos 3.352 exames diagnósticos, onde foi possível zerar a demanda reprimida de mamografias. E ainda realizamos 61 procedimentos cirúrgicos de baixa complexidade, tudo realizado no município, sem precisar ir para Cuiabá, pois a nossa meta é encaminhar para Cuiabá apenas os serviços que não tenham no município. Totalizando 7.598 atendimentos (consultas, exames e cirurgias) realizados pelo CISOMT, em apenas 5 meses. Vale ressaltar que através do retorno ao Consórcio CISOMT, o município já está participando da adesão do Programa MT mais cirurgias para realização de cirurgias eletivas (hérnias, vesículas, histerectomia e outras que aguardam no SISREG), oferecendo tratamento e melhor qualidade de vida aos cacerenses.

E.N – Em relação a economia. Há quem diga que, o município nunca esteve tão bem financeiramente. A administração tem recebido recursos dos governos ou é a arrecadação mesmo que melhorou?

    R- Eliene: São vários fatores que vem contribuindo para um incremento na arrecadação. A confiança e a autoestima são perceptíveis no cidadão cacerense devido às obras que estamos realizando neste nosso primeiro ano de gestão. O percentual dos contribuintes que pagaram seus impostos, principalmente os IPTUs dentro do ano, aumentou em relação ao ano anterior. Isso reflete no aumento da receita, com certeza. Os recursos do Estado e Federal também tiveram um incremento que nos faz realizar as obras com recursos próprios, como a pavimentação da avenida Bandeirantes, no bairro DNER, a revitalização do muro do Cemitério São João Batista e a reforma e construção de Escola.

 E.N – O governador Mauro Mendes anunciou, recentemente, em Cáceres recursos para vários projetos. O município se transformará mesmo em um canteiro de obras em 2022?

    R- Eliene: O alinhamento tem dado resultado em dezenas de milhões de reais, como: reforma do Estádio Geraldão; revitalização da Praça Duque de Caxias; urbanização e reforma do Ginásio Didi Profeta; reforma do Mini-estádio Jardim Paraíso; asfaltamento da Via Aeroporto com 4 km; melhorias na infraestrutura do aeroporto Nelson Martins Dantas; segunda etapa das obras da Zona de Processamento de Exportação e finalização do último trecho da MT-343; construção de uma escola modelo no Jardim Universitário; são alguns exemplos de obras que serão executadas em 2022.

E.N – Sabe-se que, para “tocar” uma administração a contento é necessário bom entrosamento entre o Executivo e Legislativo. Como está essa situação em Cáceres?

    R – Eliene: Acredito que estamos com bom relacionamento com todos os vereadores. Cada qual tem seu jeito de cobrar, de fiscalizar. Eles têm o meu respeito e consideração. O entendimento e a compreensão, são fatores que geram harmonia entre os poderes e isso tem que prevalecer entre o Executivo e o Legislativo. Os nossos projetos encaminhados têm sido aprovados. O importante é a gestão dar seus passos sempre dentro da legalidade em prol do coletivo.

Leia mais:   Eliene se afasta e Dr. Odenilson assume a direção do município de 31 de janeiro a 6 de fevereiro

E.N – Ainda em se falando sobre alinhamento. Nunca se viu na história de Cáceres uma sintonia tão perfeita entre a administração municipal e o governo estadual, assim como a Assembleia Legislativa. Seria esse o motivo para o sucesso de sua administração?

      R – Eliene: Sem sombra de dúvidas. O alinhamento é necessário sim e para isso, precisa que a confiança seja mútua. O deputado estadual e presidente da Assembleia Legislativa, Max Russi tem feito ações importantes junto ao governador Mauro Mendes, em favor de Cáceres, nos ajudando muito. Assim como os deputados da região, Valmir Moretto e do próprio Túlio Fontes, que ficou na Assembleia Legislativa por quatro meses, e já deixou sua marca com mais de 5 milhões para Cáceres, bem como Dr Gimenes. Não podemos esquecer do deputado federal Dr. Leonardo, que tem mostrado muito trabalho, provando que é importante termos um representante na Câmara Federal. São mais de 40 milhões em obras de pavimentação asfálticas (20 milhões), cobertura da praça da feira, maquinários para a agricultura familiar, na Saúde, Assistência Social, Educação e tantas outras. Veja que tudo isso, quem ganha é a população.

E.N – O ano de 2022 será um ano de eleições. A senhora tem nome preferido para disputar uma cadeira na Assembleia Legislativa ou a Câmara Federal?

     R – Eliene: A nossa gestão tem o compromisso de apoiar quem nos apoiou na nossa campanha. O deputado federal Dr Leonardo é um deles que merece ter o nosso apoio, até porque vem trabalhando muito para Cáceres. Para deputado estadual, temos vários nomes que estiveram junto nas eleições do ano passado. Mas, no fundo do meu coração, gostaria que em 2022, tenhamos no máximo três candidatos à Estadual. Assim poderemos vislumbrar a eleição de dois ou até mesmo três deputados eleitos. Não podemos errar mais…

E.N – Para encerrar. O que podemos esperar da administração Eliene/Odenilson para 2022. Qual sua mensagem para a população?

    R – Eliene: A população pode ficar tranquila que sempre vai ter na nossa gestão, o compromisso de sempre agir com responsabilidade e respeito pelas coisas públicas. Vamos retribuir, cada centavo dos impostos que a população paga, com obras de qualidade e que venham beneficiar a coletividade. E, mais uma vez expressar minha solidariedade à todos que perderam seus familiares e amigos. Que o ano de 2022 seja um ano de conquistas, realizações para todos nós e as lições aprendidas no ano de 2021 sirvam para ressignificar e fortalecer a nossa fé e esperança em dias melhores. Desejar a todos um feliz ano novo com saúde e paz.

Comentários Facebook

Cáceres e Região

Vereador Flávio Negação é o novo presidente do DEM em Cáceres

Publicado

Sinézio Alcântara – Expressão Notícias

     O vereador Flávio Negação é o novo presidente do Diretório Municipal do Democratas – DEM, em Cáceres. A nova diretoria executiva do partido formada ainda por Anelise Silva – vice-presidente, Daniel Paesano, tesoureiro e Wenes Cardoso Silva, secretário, substitui a diretoria anterior destituída.

     Uma das propostas da nova diretoria, de acordo com Negação, será a promoção de ações visando uma ampla campanha de filiação partidária.

     “Embora seja um dos maiores do município e do Estado, assim como do país, o DEM estava, praticamente, desativado em nossa cidade. Somos conscientes de que existem muitas pessoas e muitos simpatizantes que desejam cerrar fileiras conosco para engrandecimento do partido” justificou.

       Além das filiações, conforme o novo presidente, a legenda que tem como maior líder o governador Mauro Mendes, pretende lançar candidaturas, nas próximas eleições, tanto a deputado estadual quanto a federal, na região.

     “Temos a maior liderança política do Estado que é o governador Mauro Mendes fazendo uma excelente gestão; uma base muito forte na Assembleia legislativa. Em Cáceres dispomos de bons nomes. Portanto, é necessário que tenhamos candidaturas a deputado estadual e federal para lutar e defender os interesses de nossa região” assinalou.

Leia mais:   PARA EDUCAÇÃO - Municípios de MT receberão R$ 2,4 bilhões do Fundeb em 2022

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Câmara aprova pedido de licença de Eliene com votos contrários dos vereadores Leandro, Mazéh e Valdeir

Publicado

Sinézio Alcântara – Expressão Notícias

     Por 12 votos favoráveis e três contrários, a Câmara de Cáceres aprovou, em sessão extraordinária, na manhã desta quinta-feira (20/01), o pedido de afastamento da prefeita Eliene Liberato Dias (PSB), por um período de 8 dias, para tratamento de assuntos particulares.

     Votaram contra os vereadores professor Leandro dos Santos (DEM), a professora Mazéh Silva (PT) e Valdeir do Caramujo (PRTB). O representante do distrito do Caramujo não justificou a contrariedade. Já, os professores Mazéh e Leandro, argumentaram que o momento não é oportuno.

      “A população está inconformada, principalmente, com o aumento do IPTU. Não é momento para tirar licença e deixar a batata quente nas mãos dos vereadores. Responsabilizar somente a gestão passada não convence porque, ela (Eliene) era vice-prefeita, então tinha conhecimento do impacto” justificou Leandro.

       “Sabemos que todos têm direito ao descanso. Mas, é bastante conveniente sair em um momento desse. Além do aumento abusivo do IPTU, tem a questão do redimensionamento na educação que irá prejudicar, principalmente, os alunos mais humildes. A prefeita tem é que mostrar a cara a sociedade” completou Mazéh.

Leia mais:   PARA EDUCAÇÃO - Municípios de MT receberão R$ 2,4 bilhões do Fundeb em 2022

        Os demais foram favoráveis. “É salutar o descanso. Eliene enfrentou e continua enfrentando dificuldades e turbulências em todos os setores, principalmente, na área da saúde, por causa da pandemia. Além disso, a prefeitura será entregue a um homem íntegro que é dr. Odenilson” assinalou Manga Rosa (PSB).

       “Foi um ano bastante intenso. É merecida essa licença. São apenas oito dias que não fará diferença alguma. Além do mais, não irá causar nenhum prejuízo financeiro aos cofres públicos” explicou Isaias Bezerra (Cidadania).

      “É merecida essa licença. Eliene vai voltar com mais vontade e certamente com novas ideias para trabalhar” enfatizou Luiz Landim (PV).

        “Tenho convicção de que um bom descanso fará muito bem para a prefeita. Mas, descansada ela encontrará alternativas para resolver os inúmeros  problemas do município, principalmente, aumento do IPTU” destacou Franco Valério (PROS)

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana