conecte-se conosco


Brasileirão Série A

Coritiba apresenta Alex Brasil como o novo diretor de futebol do clube

Publicado

O Coritiba apresentou na tarde desta quarta-feira o novo diretor de futebol do clube, Alex Brasil. Com passagens pelo Londrina, Paraná e Caxias, o profissional estava no Paysandu como executivo de futebol e assume o lugar deixado por Valdir Barbosa, demitido no fim de maio.

Ao lado do presidente Rogério Bacellar e do primeiro vice-presidente Dr. José Fernando Macedo, ele agradeceu o convite, disse estar motivado para o desafio e afirmou que teve o primeiro contato com o elenco alviverde em um hotel da cidade. A delegação está concentrada para o clássico Atletiba, marcado para as 21h (de Brasília), no Couto Pereira.

– Para mim é motivo de muita satisfação voltar ao futebol paranaense, que me deu muitas conquistas, apesar de vivenciar isso aqui há muitos anos. Estou extremamente motivado e muito feliz. Tenho certeza de que vou contribuir ao máximo com todos os profissionais que aqui estão. Tive o privilégio de conhecer o grupo hoje no hotel e sinto que estão 100% comprometidos. Vou fazer ao máximo para poder ajudar todos aqui que trabalham no Coritiba. Podem esperar todo esse empenho, e que eu seja vitorioso aqui também assim como os lugares por onde passei – disse Brasil.

Alex Brasil Coritiba (Foto: Divulgação/ Coritiba)Alex Brasil foi apresentado pelo Coritiba ao lado do presidente Rogério Bacellar (Foto: Divulgação/ Coritiba)

Antes de fechar com o diretor, o Coritiba sondou Milton Cruz, ex-treinador do São Paulo, mas as negociações não evoluíram. No último sábado, o clube divulgou uma nota sobre o fim das conversas. Segundo Bacellar, o perfil de Brasil atende o que o Coxa estava procurando.

– O Alex é uma pessoa dentro do perfil que nós gostaríamos e se encaixou. Fomos atrás dele e o trouxemos para o Coritiba. Estamos com a política, e vamos ficar sempre em pé, de total reestruturação nas partes administrativas, financeira e de futebol. Como o futebol é profissional, queremos que o departamento seja cada vez mais profissional dentro do Coritiba. Tudo que temos feito é com os pés no chão. Nada é com pressão porque isso não nos leva a lugar nenhum. Queremos resultados, e tenho certeza que eles vão acontecer dentro do campo – pontuou o presidente.

Durante a coletiva, Bacellar foi questionado sobre a permanência de Pachequinho, que assumiu a equipe na 6ª rodada do Campeonato Brasileiro, na partida contra o Corinthians, após a demissão do técnico Gilson Kleina. De lá para cá, além da derrota para o Timão (2 a 1), venceu o Sport (3 a 2), empatou com o Palmeiras (2 a 2), Internacional (1 a 1) e Figueirense (0 a 0) e perdeu para o América-MG (2 a 1).

 Queremos que o departamento seja cada vez mais profissional dentro do Coritiba. Tudo que temos feito é com os pés no chão. Nada é com pressão porque isso não nos leva a lugar nenhum
Rogério Bacellar, presidente do Coritiba

– Hoje o Pachequinho é o nosso técnico e vai ser até a hora que acharmos que temos que substituir. Por enquanto não temos razão nenhuma para mudar. O trabalho dele é excelente, eu tenho acompanhado – disse.

Brasil reforçou o discurso do presidente e pontuou que os assuntos envolvendo o comando técnico serão tratados de forma interna no clube.

– Eu compactuo com o presidente sobre o Pacheco, confio no trabalho não só dele, mas de todos os profissionais que estão aqui. Todos acham que a função de executivo é só contratar, pelo contrário. Já passei isso aos atletas, tem outros fatores, tem todo um departamento de futebol, são diversas áreas, e nós temos que organizá-las – disse o novo diretor.

Alex Rodrigues Brasil foi avaliador de jogadores para empresas que negociam atletas e trabalhado como scout técnico do Parma, da Itália, entre os anos de 2009 e 2011. No Paraná, o dirigente foi campeão da Divisão de Acesso estadual, em 2012, e no ano seguinte terminou a Série B do Brasileiro na oitava colocação, a três pontos do G-4. No Londrina, ele teve duas passagens. Em 2014, conquistou o título paranaense e o acesso à Série C do Brasileiro. No ano seguinte, ajudou o clube no acesso à Série B. No Paysandu, Alex Brasil foi campeão da Copa Verde e do Campeonato Paraense. 

Confira mais notícias do esporte paranaense no globoesporte.com/parana

Comentários Facebook

Brasileirão Série A

Em Minas, Cuiabá perde para o líder Atlético-MG e cai invencibilidade

Publicado

A Gazeta

Após 12 jogos sem derrotas fora de casa pelo Campeonato Brasileiro, o Cuiabá perdeu a longa invencibilidade que acumulava na série A para o líder Atlético-MG neste domingo (24), em Belo Horizonte, pela 28ª rodada do Brasileirão. O galo venceu por 2 a 1 e pôs fim a longa série do auriverde sem derrotas longe de casa.

O Dourado continua com 35 pontos, em décimo lugar na tabela de classificação. O Galo, por sua vez, chegou aos 59 tentos e é mais líder do que nunca.

A mil por hora, assim começou o início do jogo entre Cuiabá e Atlético-MG no Mineirão. Logo aos 2 minutos, Nathan Silva, contra, inaugurou o marcador em recuo infeliz para Everton, que viu a bola entrar lentamente no gol. Aos 4, Hulk, dentro da pequena área, deixou tudo igual após jogada ensaiada de escanteio.

O time mineiro conseguiu a virada com Jair, que completou de cabeça para as redes após assistência de Guilherme Arana.

No início da etapa final, Hulk marcou o terceiro para o Atlético, mas o gol foi anulado após a arbitragem pegar um toque de mão do atacante. Daí em diante o Atlético continuou pressionando, mas sempre parando nas defesas seguras do goleiro Walter.

À medida que o relógio foi passando, o Atlético deixou o Cuiabá mais a vontade para trabalhar com a bola e passou a contar com os contra-ataques. O Dourado martelou, porém não conseguiu criar chances claras de gol.

O próximo compromisso do Cuiabá no campeonato brasileiro é contra o Red Bull Bragantino no dia 1º de novembro, na Arena Pantanal, às 19h30 (de MT.

Comentários Facebook
Continue lendo

Brasileirão Série A

Seleção Brasileira encerra preparação para amistoso contra República Tcheca

Publicado

Programa No Mundo da Bola desta segunda-feira (25) também destacou a reta final dos principais campeonatos estaduais do país; ouça na íntegra

O programa No Mundo da Bola desta segunda-feira (25) destacou o amistoso da Seleção Brasileira com a República Tcheca. Waldir Luiz, Márcio Guedes, Bruno Mendes e toda a nossa equipe também analisaram a reta final dos principais campeonatos estaduais do país e as principais notícias do esporte nacional e internacional.

Clique no player e ouça o programa na íntegra:

No Mundo da Bola é transmitido pela Rádio Nacional do Rio de Janeiro, de segunda a sexta-feira, a partir das 17h. Para participar das transmissões, o internauta deve ligar para (21) 2117-6918 ou (21) 2117-6919.

Fale com a equipe de esportes das Rádios EBC pelo e-mail: esporte.radios@ebc.com.br.

Agencia Brasil
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana