conecte-se conosco


Brasileirão Série A

Caio Júnior divide méritos da vitória da Chapecoense com a torcida: "Decisiva"

Publicado

 

A estreia de Caio Júnior pela Chapecoense não poderia ser melhor. Diante da torcida, na Arena Condá, vitória sobre o Cruzeiro, por 3 a 2. Triunfo que apaga a goleada sofrida na última rodada e com gols de dois atletas escolhidos pelo treinador para sair do banco, Arthur Maia e Kempes.

A força para buscar o empate foi destacada pelo treinador. Além dos próprios jogadores, a torcida teve um papel especial na visão de Caio. Mesmo com o empate aos 38 do segundo tempo, a arquibancada empurrou para a vitória.

– Temos
que ter os pés no chão sempre, nem se decepcionar na derrota e se empolgar na vitória. Vai ser difícil ganhar aqui, por causa do
espírito, foi importante a ajuda do torcedor também. Eu queria dedicar a eles,
foram decisivos na reta final do jogo – afirmou o técnico.

A Chapecoense volta a campo domingo, diante do Santos, na Vila Belmiro. Dois jogadores são desfalques certos. Gimenez, pelo terceiro cartão amarelo, e Marcelo, lesionado.

Confira os principais tópicos da entrevista coletiva do técnico Caio Júnior

ANÁLISE DA PARTIDA
– Foi sofrido, o final poderia ser melhor, o segundo gol foi
um pouco injusto, nem vou comentar se foi mão ou não. O resultado foi justo,
finalizamos mais e tivemos volume de jogo. Tomamos o gol muito cedo e isso foi
o mais interessante. A reação vindo de um resultado ruim foi de time confiante,
de grupo forte. Isso me animou muito. Mostramos uma equipe com personalidade
boa.

FORÇA DO CLUBE
– Eu procurei em dois dias assimilar o máximo de informações. Eu falei no
vestiário que estou no futebol há 30 anos e é raro eu ver uma atmosfera tão boa
quanto a do clube. As pessoas do clube vivem com emoção e entrega e isso me
motiva no futebol. Não imaginava que fosse tão bom esse ambiente interno. 

Paulo Bento e Caio Júnior, Cruzeiro e Chapecoense (Foto: Marcio Cunha / Light Press)Caio Júnior esteve no banco da Chapecoense pela primeira vez (Foto: Marcio Cunha / Light Press)

GIMENEZ E MARCELO FORA DO PRÓXIMO JOGO
– Vou ter que mexer em duas posições. O Rafael vai jogar, ele fez um jogo
espetacular. Não o conhecia tão bem, mostrou experiência e ficou contente. No
lugar do Gimenez vou pensar. Mas o fundamental é você conhecer o adversário.
Não precisa mudar o time, mas saber o que se fazer e às vezes tem que mexer.
Jogar em casa é um estilo, contra o Santos, na Vila Belmiro, é diferente.

MOTIVAÇÃO DOS JOGADORES COM A CHEGADA DO TREINADOR

– Eu programei para amanhã um coletivo entre os reservas justamente para
analisar, entender tecnicamente as características de todos. Na segunda-feira
também está programado um jogo-treino. Tem que estar motivado, preparado. E
jogadores que não estavam relacionados foram no vestiário antes do jogo, isso é
um clima forte.

Confira mais notícias do esporte de Santa Catarina no GloboEsporte.com/sc

Comentários Facebook

Brasileirão Série A

Em Minas, Cuiabá perde para o líder Atlético-MG e cai invencibilidade

Publicado

A Gazeta

Após 12 jogos sem derrotas fora de casa pelo Campeonato Brasileiro, o Cuiabá perdeu a longa invencibilidade que acumulava na série A para o líder Atlético-MG neste domingo (24), em Belo Horizonte, pela 28ª rodada do Brasileirão. O galo venceu por 2 a 1 e pôs fim a longa série do auriverde sem derrotas longe de casa.

O Dourado continua com 35 pontos, em décimo lugar na tabela de classificação. O Galo, por sua vez, chegou aos 59 tentos e é mais líder do que nunca.

A mil por hora, assim começou o início do jogo entre Cuiabá e Atlético-MG no Mineirão. Logo aos 2 minutos, Nathan Silva, contra, inaugurou o marcador em recuo infeliz para Everton, que viu a bola entrar lentamente no gol. Aos 4, Hulk, dentro da pequena área, deixou tudo igual após jogada ensaiada de escanteio.

O time mineiro conseguiu a virada com Jair, que completou de cabeça para as redes após assistência de Guilherme Arana.

No início da etapa final, Hulk marcou o terceiro para o Atlético, mas o gol foi anulado após a arbitragem pegar um toque de mão do atacante. Daí em diante o Atlético continuou pressionando, mas sempre parando nas defesas seguras do goleiro Walter.

À medida que o relógio foi passando, o Atlético deixou o Cuiabá mais a vontade para trabalhar com a bola e passou a contar com os contra-ataques. O Dourado martelou, porém não conseguiu criar chances claras de gol.

O próximo compromisso do Cuiabá no campeonato brasileiro é contra o Red Bull Bragantino no dia 1º de novembro, na Arena Pantanal, às 19h30 (de MT.

Comentários Facebook
Continue lendo

Brasileirão Série A

Seleção Brasileira encerra preparação para amistoso contra República Tcheca

Publicado

Programa No Mundo da Bola desta segunda-feira (25) também destacou a reta final dos principais campeonatos estaduais do país; ouça na íntegra

O programa No Mundo da Bola desta segunda-feira (25) destacou o amistoso da Seleção Brasileira com a República Tcheca. Waldir Luiz, Márcio Guedes, Bruno Mendes e toda a nossa equipe também analisaram a reta final dos principais campeonatos estaduais do país e as principais notícias do esporte nacional e internacional.

Clique no player e ouça o programa na íntegra:

No Mundo da Bola é transmitido pela Rádio Nacional do Rio de Janeiro, de segunda a sexta-feira, a partir das 17h. Para participar das transmissões, o internauta deve ligar para (21) 2117-6918 ou (21) 2117-6919.

Fale com a equipe de esportes das Rádios EBC pelo e-mail: esporte.radios@ebc.com.br.

Agencia Brasil
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana