conecte-se conosco


Cáceres e Região

Cáceres recebe mais 1.050 doses de AstraZeneca e CoronaVac para vacinação contra Covid-19

Publicado

Assessoria

O Escritório Regional de Saúde de Cáceres recebeu nesta terça-feira (26), 720 doses da vacina contra Covid-19 desenvolvida pelo laboratório britânico AstraZeneca, conhecida como “vacina de Oxford”, também chegaram mais 330 novas doses da CoronaVac. As doses foram distribuídas pela Secretaria de Saúde do Estado do Mato Grosso.

Na semana passada, a cidade recebeu 955 doses da CoronaVac, desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan.

Diferentemente da primeira remessa neste lote o Ministério da Saúde decidiu encaminhar os imunizantes relativos especificamente à primeira dose, de forma que todo o quantitativo será utilizado na primeira aplicação.

91333cbf-28e3-408c-a9e5-827f8210db01.jpg

De acordo com SES-MT o quantitativo encaminhado pelo Ministério da Saúde e será totalmente destinado aos trabalhadores que atuam na linha de frente do combate ao coronavírus.

As doses de Cáceres e dos outros 11 municípios da região oeste chegaram de Aeroporto Nelson Dantas e foram escoltadas pela Policia Militar até o Escritório Regional de Saúde de Cáceres.

VEJA OS DEMAIS MUNÍCIPIOS

Leia mais:   Secretário diz que doses de vacinas recebidas pelo estado são insuficientes para atingir meta: 'O problema não é vacinar, é ter vacinas'

Araputanga – 80 (AstraZeneca) 30 (CoronaVac)

Cáceres – 720 (AstraZeneca) 330 (CoronaVac)

Curvelândia – 10 (AstraZeneca) 10 (CoronaVac)

Glória D’Oeste – 10(AstraZeneca) 10 (CoronaVac)

Indiavaí – 10 (AstraZeneca) 10(CoronaVac)

Lambari D’Oeste – 20 (AstraZeneca) 10 (CoronaVac)

Mirassol d’Oeste – 130 (AstraZeneca) 60(CoronaVac)

Porto Esperidião – 60(AstraZeneca) 30(CoronaVac)

Reserva do Cabaçal – 10 (AstraZeneca) 10 (CoronaVac)

Rio Branco – 20 (AstraZeneca) 10 (CoronaVac)

Salto do Céu – 20 (AstraZeneca) 10 (CoronaVac)

São José dos Quatro Marcos – 90 (AstraZeneca) 40 (CoronaVac)

Comentários Facebook

Cáceres e Região

Advogado de Cáceres vai palestrar sobre Lojas Francas em reunião da OAB em MT

Publicado

Assessoria

O advogado Ledson Catelan participará nesta quarta-feira(03) de uma reunião especial da Comissão de Direito Internacional da Ordem de Advogados do Brasil que discutirá as 33 cidades gêmeas no país.

Ledson falará sobre as lojas duty free e o turismo de compras e geração de empregos. A conferência acontecerá online pela Ordem de Advogados do Brasil no Estado. O advogado é consultor jurídico no grupo de trabalho de implantação dos free shops em Cáceres. A cidade é a 33ª cidade no país que foi nomeada ‘cidade gêmea’ desde abril de 2019 pelo Governo Federal pela sua proximidade com a Bolívia. O grupo é comandado pelo governador Mauro Mendes, o vice-governador, Otaviano Pivetta e o deputado estadual Silvio Fávero; além do Secretário de Estado da Fazenda, Rogério Gallo.

Ao ser considerada cidade-gêmea, a localidade mato-grossense poderá comercializar produtos importados com isenção de impostos, usufruindo do livre comércio na região de fronteira. O encontro vai acontecer por videoconferência.

Comentários Facebook
Leia mais:   No 'aniversário da pandemia', Bolsonaro critica lockdowns
Continue lendo

Cáceres e Região

Vereador apresenta projeto de Lei que proíbe ‘lockdown’ em Cáceres

Publicado

Assessoria

O vereador Lacerda do Aki (PRTB) apresentou o Projeto de Lei 13.97906/2020 no legislativo cacerense que proíbe o ‘lockdown’ na cidade. O projeto determina que em nenhuma hipótese a prefeitura poderá decretar bloqueio total da cidade, que a PL entende como medida restritiva mais severa.

Segundo o Projeto, o ‘lockdown’ não é uma prerrogativa do município, pois é a maior medida restritiva do ordenamento pátrio consagrado como Estado de Sítio. A PL apresentada por Lacerda também regulamenta as medidas restritivas que podem ser tomadas pela prefeitura de Cáceres durante o enfrentamento da covid-19.

‘A prefeitura não apresentou nenhum planejamento amplo para se combater a covid-19 em Cáceres, apesar de todo o recurso que já veio para a cidade. Precisamos de um Executivo que saiba o que está fazendo se baseando em ações pontuais que combatam e não só castigue a economia local. Vemos muito discurso e pouca ação’, pontuou Lacerda do Aki.

O projeto determina que a prefeitura só poderá tomar medidas restritivas com a apresentação de estudo técnico científico que justifique a medida. O projeto defende que o combate deve ser pautado em estratégicas em saúde.

Leia mais:   Seduc prorroga prazo para distribuição dos kits alimentação escolar

No 2º artigo, o projeto determina que todas as medidas restritivas, poderão serem direcionadas pessoas, lugares ou coisas contaminadas ou com suspeitas da covid-19. O projeto define como pessoas saudáveis aquelas que não estão contaminadas, com suspeitas de contaminação ou que não pertençam ao grupo de risco conforme lista dos órgãos de saúde internacional e nacional.

O Projeto vai ser apresentado na sessão desta segunda-feira(01) na Câmara Municipal de Cáceres.

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana