conecte-se conosco


Cáceres e Região

Alunos ocupam três escolas em MT contra projeto de PPP na Educação

Publicado

Escola Estadual Ubaldo Monteiro é a quarta unidade ocupada pelo grupo.
Eles saíram de uma das escolas, porém, após grupo se juntar ao manifesto.

 

A Escola Estadual Ubaldo Monteiro, localizada no bairro Jardim dos Estados, em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, foi ocupada por cerca de 50 estudantes na noite de quinta-feira (26). Os alunos são contrários ao projeto de parceria público-privada proposto pelo governo do estado para a gestão de 76 escolas estaduais.

Essa é a quarta unidade de ensino ocupada pelos estudantes. No entanto, a Escola Estadual Dunga Rodrigues, no bairro Jardim Maringá II, foi desocupada após um grupo, que não fazia parte do movimento, tentar depredar o patrimônio público, segundo o vice-presidente da Associação Mato-grossense dos Estudantes (AME), Gabriel Henrique Silva.

Outras duas escolas estaduais naquele município seguem ocupadas pelos estudantes: aElmaz Gattas Monteiro, no bairro Ipase, e a Marlene Marques Barros, no bairro Jardim Imperial. Segundo o vice-presidente da AME, todas as ocupações seguem por tempo indeterminado e novas unidades de ensino devem ser tomadas pelos estudantes durante os próximos dias.

Leia mais:   Instituto Cometa lança, nesta terça-feira campanha "Natal solidário 2021",

“Não vamos aceitar diálogo enquanto o governo não recuar da proposta de implantação da PPP. E os estudantes estão se organizando para que novas escolas sejam ocupadas durante os próximos dias”, afirmou.

Eleições
Nesta sexta-feira (27), o governador Pedro Taques (PMDB) determinou à Secretaria de Estado de Educação (Seduc) para que realize eleições nas escolas estaduais que estão em fase de estudo para a implantação de PPP. De acordo com o estado, serão realizadas audiências públicas e, na sequência, alunos, pais e professores das escolas é quem decidirão sobre o projeto. As datas das audiências públicas ainda não foram divulgadas.

O governador voltou a negar que o projeto vise a privatização das escolas estaduais e afirmou que o objetivo é garantir a reforma, manutenção e ampliação das unidades. Segundo o estado, a proposta de PPP contempla 76 escolas estaduais.

Comentários Facebook

Cáceres e Região

Juba Supermercados de Mirassol D’Oeste doa cilindros de oxigênio e cestas básicas para a prefeitura e carne para a comunidade

Publicado

 

Esdras Crepaldi/Assessori

Atendendo solicitação do prefeito Héctor Alvares, o Juba Supermercados de Mirassol D’Oeste aderiu à corrente de mobilização para ajudar pacientes internados com a Covid-19 no Hospital Samuel Greve e doou três cilindros de oxigênio de 50 litros para a Saúde Municipal e 50 cestas básicas para a prefeitura.

O evento aconteceu na tarde da última segunda-feira (19) e contou com as presenças do Gerente da loja Juba Aparecido Donizete Simão, do Prefeito Héctor Alvares, do Secretário de Saúde Caique Alvares, da Presidente do Hospital Samuel Greve, Daniela Santos Velosos Maraslis e colaboradores do Juba.

O município de Mirassol enfrenta quadros preocupantes de pessoas infectadas com a covid-19 e vive um aumento de casos e a dificuldade na aquisição de cilindros de oxigênio, indispensáveis nas ocorrências graves da doença. Segundo o gerente Aparecido Donizete , cada cilindro custou um pouco mais de quatro mil reais e tem capacidade de 50 litros de oxigênio.

“ O Grupo Juba e a Rede Juba de Supermercados tem nos seus valores a responsabilidade social e com isso tem buscado ser parceiro do município de Mirassol D’Oeste. Procuramos sempre estar presente nas ações humanitárias e de solidariedade e retribuir tudo o que os mirassolenses fazem por nós”, observou Cido.

Leia mais:   Instituto Cometa lança, nesta terça-feira campanha "Natal solidário 2021",

Para o Prefeito Hector Alvares esta doação é muito importante no momento difícil que passa a população. “São itens significativos e que vão nos ajudar muito. Três balas de oxigênio e 50 cestas básicas, vão nos ajudar muito. Agradeço a doação e a parceria do Juba Supermercados”, enalteceu o prefeito Héctor.

Já o Secretário Municipal de Saúde, Caique Alvares, noticiou que estão tendo muitas dificuldades no suprimento de 0². “É com satisfação que recebemos estas três balas de oxigênio e os alimentos, estas doações contribuem muito e fazem a diferença”, comemorou Caique.

Finalizando a Presidente do Hospital Samuel Greve – para onde serão destinados os cilindros – Daniela Santos Velosos Maraslis, observou que a doação é de suma importância, pois são muitos pacientes que necessitam de ventilação mecânica. “Muito obrigado Juba Supermercados, estamos precisando muito de oxigênio. A ventilação artificial é essencial para alguns pacientes com Covid-19, internados na nossa unidade”, agradeceu.

O Juba ainda doou 60 cestas básicas e 100 pacotes de três quilos de carne para famílias carentes de Mirassol D’Oeste.

Leia mais:   Unemat é pioneira na oferta de curso superior específico para indígenas na America Latina

 

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Instituto Cometa lança, nesta terça-feira campanha “Natal solidário 2021”,

Publicado

Assessoria

O projeto “Natal Solidário 2021”, realizado pelo Instituto Cometa em parcerias com a APDM, AMM E COEGEMAS, chega a sua 8ª edição e será lançado nesta terça-feira (20) às 14h, numa transmissão virtual, pelo Zoom e também através do Canal da APDM no Youtube.

O objetivo do projeto é arrecadar alimentos para serem distribuídos aos municípios que aderirem a campanha e para isso o Instituto Cometa doará os prêmios, sendo um veículo, uma moto, uma geladeira, um fogão e uma televisão e os participantes poderão trocar 5 quilos de alimentos não perecíveis por 1 cupom. Os responsáveis pela organização do evento, recebem os alimentos doados e trocam por cupons para o sorteio que será realizado através da internet.

Os participantes da live terão a oportunidade de capacitar a equipe dos municípios no desenvolvimento da campanha local, e também motivar os 141 municípios de Mato Grosso a aderirem a campanha.

A presidente da APDM, Scheila Pedroso, que recentemente tomou posse, abraçou esta campanha e afirmou que iniciativas como essa, principalmente num momento de pandemia são extremamente necessárias, pois a fome voltou a assombrar ainda mais as famílias que desde a chegada do corona vírus no País, já somam 125,6 milhões de brasileiros (59,3%) sem comerem em quantidade e qualidade ideais.

Leia mais:   DEU EM A GAZETA : TCE identifica 27 mortos entre os vacinados em Mato Grosso

A participação dos municípios será feito através de um “Termo de Parceria”, assinado pelos prefeitos e o Instituto Cometa, com a colaboração das secretarias municipais de assistência social e outras indicadas pelos gestores.

A campanha Natal Solidário do Instituto Cometa, conta com uma coordenação Estadual composta pela AMM, APDM e COEGEMAS, que estarão auxiliando a busca de parceiros das campanhas anteriores, bem como a orientação aos municípios para as parcerias locais com as organizações sociais, religiosas, movimentos comunitários, empresários locais, Instituições de ensino superior, entre outros.

A live contará com a participação de Francis Maris – sócio fundador e diretor do Grupo Cometa, Rosimari Ribeiro – presidente do Instituto Cometa, Scheila Pedroso – presidente da APDM, Neurilan Fraga – presidente da AMM e Jucelia Ferro – presidente do COEGEMAS/MT.

Os interessados na campanha devem inscrever no link abaixo:
https://www.sympla.com.br/lancamento-natal-solidario-8-edicao-2021__1188757

 IMPRIMIR
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana