conecte-se conosco


Brasileirão Série A

Veja pontos contra e a favor para a volta de Alexandre Pato ao Corinthians

Publicado

Alexandre Pato Chelsea Everton (Foto: Getty Images)Desde fevereiro no Chelsea, Pato disputou apenas duas partidas (Foto: Getty Images)

Parece
“Vale a pena ver de novo”. A novela Alexandre Pato recomeçou nesta
semana no Corinthians, já que o contrato de empréstimo do atacante com o
Chlesea termina nesta quinta-feira. Como não há nem sinal de que os ingleses
exercerão a preferência de compra do jogador, ele provavelmente terá de se reapresentar ao Timão na sexta. Emprestado em fevereiro, Pato jogou apenas duas partidas pelo clube londrino.

Vinculado
ao Corinthians até 31 de dezembro, Pato tem dois caminhos a seguir:
deixar o clube novamente, seja para um novo empréstimo ou em definitivo
em uma eventual negociação, ou ser reintegrado ao elenco alvinegro para as disputas do Brasileirão e da Copa do Brasil. Nesta terça, surgiu a informação do interesse do Internacional no jogador. O Colorado tentou o empréstimo até o fim do ano, mas o Timão rechaçou a hipótese.

O GloboEsporte.com listou fatores que jogam contra e a favor à volta do atacante de 26 anos ao Timão. Leia, tire suas conclusões e comente.

PONTOS A FAVOR

Tite Pato Corinthians x Fluminense (Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians)Tite se decepcionou com Pato
(Foto: Daniel Augusto Jr / Agência Corinthians)

Troca de técnico
Alexandre
Pato não teria chance de jogar no Corinthians caso o treinador ainda
fosse Tite. Hoje na seleção brasileira, o treinador gaúcho não enxerga
no jogador elementos fundamentais para que possa ser escalado em sua
equipe, como entrega em campo, maturidade e jogo em equipe. Como a
jornalista Camila Mattoso revelou no livro “Tite”, biografia do treinador, o jogador foi chamado de egoísta pelo treinador após
perder um pênalti em tentativa de cavadinha na Copa do Brasil de 2013.
Logo que chegou, Cristóvão Borges foi perguntado se gostaria de contar
com o atacante, mas desconversou. O desejo dele pode jogar a favor.

Mudanças no elenco
O
grupo corintiano sofreu inúmeras mudanças desde a primeira saída de Alexandre Pato,
no primeiro semestre de 2014 (quando foi trocado por Jadson com o São Paulo). Deste grupo que disputa o Brasileirão,
quem teve mais contato com ele foram os goleiros Cássio e Walter e os
meias Danilo e Rodriguinho. Outros, como os laterais Fagner e Uendel,o
volante Bruno Henrique e o atacante Luciano conviveram pouco mais de um
mês com ele em 2014. A rejeição do grupo, que antes era maior, hoje já
não tem tanta interferência para a tomada de decisão.

Carência no ataque
O
Corinthians precisa de um reforço para o ataque. E o
mercado, segundo os dirigentes do clube, oferece poucas opções. Apesar
de ter mostrado com Tite que não é um centroavante e que tem
dificuldades para marcar o lateral adversário em um esquema com pontas, a manutenção de Pato no elenco poderia levar Cristóvão Borges a
mexer no esquema tático, possibilitando maior liberdade ao jogador, que
rende melhor como um segundo atacante. Em situação financeira não muito
confortável, o Corinthians passaria a ter um reforço sem precisar
colocar muito a mão no bolso. Exceto, é claro, pelo astronômico salário
de R$ 800 mil.

PONTOS CONTRA

 

Rejeição da torcida
Pato sofre com enorme rejeição
dos torcedores. Nem mesmo jogadores que participaram da campanha do
rebaixamento do clube para a Série B em 2007 ficaram tão marcados
negativamente com a torcida. O pênalti desperdiçado contra Dida, do
Grêmio, em 2013 (veja acima), foi o fator principal, mas outros fatores também
pesaram contra: o alto investimento feito pelo clube, de R$ 40 milhões
para tirá-lo do Milan, e a identificação que o atleta teve com o São
Paulo em 2014 e 2015.

Falta de interesse
Alexandre
Pato não se vê vestindo novamente a camisa do Corinthians. Voltar ao Timão não o agrada. O presidente
Roberto de Andrade e Andrés Sanchez, ex-mandatário do clube, também não
querem vê-lo no clube. A sensação dos dirigentes é de que o
jogador protagonizou um dos maiores micos da história do clube. A
relação ficou ainda pior em 2015, quando Pato entrou na Justiça
para receber direitos de imagem atrasados. Apesar de ter buscado seus direitos, o atleta desagradou à diretoria. Andrés chegou a dizer que, quando voltasse, Pato
passaria a jogar no Bragantino, clube que tem parceria com o Timão. 

Por qualquer grana…
O
Corinthians gastou R$ 40 milhões para tirar Alexandre Pato do Milan.
Com salários, já gastou mais cerca de R$ 20 milhões. Com seis meses de contrato
pela frente, um negócio com qualquer clube renderia um valor fixo e mais
a economia em salários (R$ 4,8 milhões). No clube, há quem pense que
qualquer valor arrecadado pelo jogador neste momento pode amenizar o
prejuízo que se desenha para janeiro, quando o jogador sairá livre do
Corinthians, sem render nenhum tostão.

Comentários Facebook

Entretenimento

Eclipse lunar traz ‘Lua de sangue’ no domingo (15); saiba mais

Publicado

No próximo domingo (15), acontecerá o primeiro eclipse lunar de 2022. Será um eclipse do tipo total, que ocorre quando a Lua cheia se move para a chamada sombra umbral profunda da Terra (parte mais interna e escura). Isso ocorre porque nosso planeta passa em frente à luz solar enviada para o nosso satélite natural.

De acordo com o astrofísico americano Fred Espenak, conhecido por prever eclipses, como a Lua cheia do dia 15 de maio é a chamada superlua, por estar no perigeu, o ponto mais próximo da Terra, esse eclipse será considerado uma superlua de sangue. O fenômeno, que poderá ser visto em todo o Brasil, ocorre quando a luz do sol passa pela atmosfera terrestre, mas desvia pelos comprimentos de onda para refletir de forma avermelhada na Lua.

Diagrama da sombra do eclipse lunar do dia 15 de maio. (Fonte: NASA/Divulgação.)Fonte:  NASA 

Quando acontecerá o eclipse total da Lua no domingo?

Conforme o perfil Astronomiaum no Twitter, nas cidades com fuso horário de Brasília, o eclipse lunar de domingo terá início às 22h32, e terá o seu ápice na madrugada de segunda-feira (16) à 1h11, com o término ocorrendo às 3h51. Além do Brasil, a Lua de sangue poderá ser vista também nos EUA e Canadá, além de partes da África e Europa.

Diferentemente do eclipse solar, que só é observável em uma área relativamente pequena do mundo, os eclipses lunares podem ser vistos em qualquer lugar no lado noturno da Terra. A sua visualização também é mais segura, pois esses fenômenos não necessitam de nenhum tipo de proteção para os olhos, pois são mais escuros do que a própria lua cheia em si.

Para quem mora em grandes cidades, e não pretende viajar para locais com baixa poluição visual para assistir ao eclipse total da Lua no domingo, será possível visualizá-lo através do canal oficial da NASA do YouTube. O telescópio da agência aeroespacial norte-americana irá iniciar a transmissão das imagens do fenômeno a partir da zero hora do dia 16 de maio, no horário de Brasília.

Para assistir, basta clicar no link acima para definir o lembrete e, na hora marcada, acompanhar os detalhes em alta resolução.

Fonte: https://www.tecmundo.com.br/ciencia/238420-eclipse-lunar-traz-lua-sangue-domingo-15-saiba.htm

Comentários Facebook
Continue lendo

Brasileirão Série A

Em Minas, Cuiabá perde para o líder Atlético-MG e cai invencibilidade

Publicado

A Gazeta

Após 12 jogos sem derrotas fora de casa pelo Campeonato Brasileiro, o Cuiabá perdeu a longa invencibilidade que acumulava na série A para o líder Atlético-MG neste domingo (24), em Belo Horizonte, pela 28ª rodada do Brasileirão. O galo venceu por 2 a 1 e pôs fim a longa série do auriverde sem derrotas longe de casa.

O Dourado continua com 35 pontos, em décimo lugar na tabela de classificação. O Galo, por sua vez, chegou aos 59 tentos e é mais líder do que nunca.

A mil por hora, assim começou o início do jogo entre Cuiabá e Atlético-MG no Mineirão. Logo aos 2 minutos, Nathan Silva, contra, inaugurou o marcador em recuo infeliz para Everton, que viu a bola entrar lentamente no gol. Aos 4, Hulk, dentro da pequena área, deixou tudo igual após jogada ensaiada de escanteio.

O time mineiro conseguiu a virada com Jair, que completou de cabeça para as redes após assistência de Guilherme Arana.

No início da etapa final, Hulk marcou o terceiro para o Atlético, mas o gol foi anulado após a arbitragem pegar um toque de mão do atacante. Daí em diante o Atlético continuou pressionando, mas sempre parando nas defesas seguras do goleiro Walter.

À medida que o relógio foi passando, o Atlético deixou o Cuiabá mais a vontade para trabalhar com a bola e passou a contar com os contra-ataques. O Dourado martelou, porém não conseguiu criar chances claras de gol.

O próximo compromisso do Cuiabá no campeonato brasileiro é contra o Red Bull Bragantino no dia 1º de novembro, na Arena Pantanal, às 19h30 (de MT.

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana