conecte-se conosco


Política

“Uma honra”, afirma brasileiro após levar futsal do Cazaquistão a Mundial

Publicado

Ex-jogador da seleção brasileira, potiguar Cacau comemora classificação para Copa do Mundo da Colômbia e reconhecimento, e divide méritos com jogadores

Sob a batuta de um técnico brasileiro, a seleção de futsal do Cazaquistão está classificada para a Copa do Mundo de Futsal Fifa 2016, na Colômbia. O potiguar Ricardo Sobral, o Cacau, ex-jogador da seleção brasileira, é o responsável por conduzir o país europeu a esse feito. Após a conquista, Cacau conversou com o GloboEsporte.com e se mostrou muito feliz com a conquista.

– Estarão as melhores seleções do mundo e o Cazaquistão estará presente. Para mim, é uma honra levantar a bandeira dos treinadores brasileiros e me sinto mais realizado ainda de estar no país há nove anos e ser respeitado, reconhecido e valorizado pelo meu clube, por minha federação. Posso dizer que foi o dia mais feliz da minha vida (terça-feira). Agradeço muito aos meus familiares que torceram muito em Natal, minha família, amigos e dizer que estou emocionado por essa vitória. Esses atletas são heróis em transformar o futsal do Cazaquistão em tão pouco tempo – destacou.

A trajetória para a classificação começou em dezembro do ano passado. No Grupo 5 da Eliminatórias Europeias, o Cazaquistão venceu a República Tcheca por 3 a 2. Depois veio o empate em 2 a 2 com a Eslovênia. A equipe fechou sua participação na fase de grupos vencendo a seleção da França por 4 a 2. O primeiro lugar na chave deu a vantagem de decidir a vaga para o Mundial em casa diante da Polônia. No jogo de ida, um empate em 1 a 1. Na partida de volta, a goleada por 7 a 0, na última terça-feira. Em êxtase com o desempenho de seus comandados, Cacau exalta a atmosfera do ginásio onde o jogo aconteceu.

Leia mais:   Dr. Leonardo pede para Governo Federal reduzir importação de leite

– Fomos coroados com o melhor jogo da nossa seleção. Nossa torcida compareceu em peso. É muito bonito ver o progresso do futsal do Cazaquistão. As pessoas torcem como os brasileiros. Gritam, xingam os juízes, vaiam o adversário. É uma coisa incrível – relatou.

Essa não é a primeira importante campanha que o Cazaquistão faz sob o comando de Cacau. Em fevereiro, a seleção cazaque ficou com a medalha de bronze na Eurocopa de Futsal, ao bater a Sérvia por 5 a 2 na disputa do terceiro lugar. Esta foi a primeira participação do país no torneio continental. Além dos títulos pela seleção, Cacau faturou duas Copas da UEFA de Futsal, o mais importante torneio de clubes do continente, com o Kairat Almaty. Pelo clube cazaque, ele também venceu a Super Copa do Mundo FIFA de Futsal. Nestas conquistas, teve a companhia de brasileiros naturalizados como o goleiro Léo Higuita e o fixo Douglas Junior, que também é potiguar.

– Hoje posso dizer que me sinto realizado. Por ganhar duas Copas da Europa; por levar o Cazaquistão, pela primeira vez, ao terceiro lugar da Europa, isso há menos de dois meses; e agora levar o Cazaquistão pela primeira vez na história para o Mundial da Colômbia em setembro. Foi algo incrível – comentou.

Leia mais:   Vereadores de Sorriso debatem agricultura familiar com Botelho

A Copa do Mundo Fifa de Futsal acontece em setembro, na Colômbia. As cidades de Cali, Medellin e Bucaramanga receberão as partidas. Será a volta da competição à América do Sul após oito anos.

Cacau técnico do Cazaquistão futsal (Foto: Divulgação)Cacau comemora classificação do Cazaquistão para a Copa do Mundo de Futsal da FIFA 2016 (Foto: Divulgação)
Comentários Facebook

Cáceres e Região

Vereador quer saber onde estão UTIs que foram anunciadas por Eliene em janeiro

Publicado

Assessoria

O vereador Marcos Ribeiro (PSDB) voltou a cobrar da prefeitura de Cáceres onde estão os 10 leitos de UTIs anunciados pela prefeitura no dia 16 de janeiro. Na época, a prefeita Eliene Liberato(PSB) disse que viabilizaria leitos de unidade de terapia intensiva para o Hospital São Luiz e que a ação traria novo alento à população e seria um instrumento na tentativa de salvar vidas.

O pedido de Marcos acontece após a prefeitura e o Comitê de Enfrentamento da Covid-19 se reunir na tarde desta sexta-feira(26) e estudar a possibilidade de se implantar medidas mais duras que pode prejudicar ainda mais o comércio local na cidade.

‘Pedimos providências à prefeita Eliene. Estou sabendo de uma reunião do Comitê da Covid que aconteceu hoje(26) que pretende implantar medidas mais duras. O nosso comércio não aguenta mais, e essas medidas estão sendo tomadas porque não tem leitos de UTI na cidade. Cadê os 10 leitos de UTIs que foram anunciados pela prefeita Eliene e pelo secretário municipal de saúde, Sérgio Arruda’ questiona o vereador.

Leia mais:   Operadoras devem informar redução de velocidade de internet em tempo real

Nas suas redes sociais, o vereador perguntou para seus seguidores sobre o aumento das restrições e mais da metade das respostas são contra as medidas mais severas. A prefeitura de Cáceres ainda não divulgou nenhum resultado da chegada de novas UTIs no Hospital São Luiz.

Cáceres já está com 90% de taxa de ocupação nos leitos das UTIs no Hospital Regional de Cáceres, segundo boletim epidemiológico da SES-MT divulgado nesta sexta(26).

Comentários Facebook
Continue lendo

Destaque

No ‘aniversário da pandemia’, Bolsonaro critica lockdowns

Publicado

R7

No dia em que o Brasil completa um ano do registro do primeiro caso de contaminação pela covid-19, o presidente Jair Bolsonaro disparou, mais uma vez, contra as medidas sanitárias de distanciamento social parcial e completa (lockdowns) promovidas por prefeitos e governadores para conter a disseminação do novo coronavírus.

“Aos políticos do executivo que me criticam, sugiro que façam o que eu faço. O povo não consegue mais ficar em casa. O povo quer trabalhar. Esses que fecham tudo e destroem empregos estão na contramão do que o povo quer. Vá para o meio do povo mesmo depois das eleições”, afirmou o presidente, durante evento para retomada de obras em rodovias federais na cidade de Tianguá, região da Serra da Ibiapaba, no Ceará.

Acompanhado de ministros e deputados federais, Bolsonaro, como de costume, promoveu aglomeração, não usou máscaras e reuniu crianças ao seu redor.

O país contabiliza, até esta quinta-feira (25), 10.324.463 casos de covid-19. Já são mais de 249 mil mortos. Foram computadas 1.428 óbitos em 24 horas, de quarta para quinta-feira, o segundo maior registro de mortes deste ano.

Leia mais:   Vereador quer saber onde estão UTIs que foram anunciadas por Eliene em janeiro

O governador do estado, Camilo Santana (PT), adversário político do presidente, não esteve no evento. À imprensa local, criticou a presença do chefe do Executivo nacional em um momento que o Ceará registra mais de 11 mil mortes pela pandemia.

Durante a assinatura das ordens de serviço, Bolsonaro rebateu as críticas de seus opositores, repetindo que é “imbrochável”. “Não me vão fazer desistir, porque afinal de contas eu sou imbrochável! Tenho certeza que deixarei o Brasil melhor do que eu recebi em 2019, mesmo com a pandemia.”

As obras

Depois de discursar, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, assinou a autorização para ordens de serviço de retomada de três obras no Estado: a travessia urbana na cidade, na BR-222, paralisada desde 2011; os novos traçados nos municípios nas variantes (acessos) de Umirim e Frios, interrompidos em 2016; e a conclusão do viaduto que liga a cidade de Horizonte à região metropolitana de Fortaleza – obra estava sem continuidade desde 2018.

O investimento é de R$ 88 milhões.

Leia mais:   Faissal tenta barrar aumento de 14% nas contas de energia

“Não tem preço estar no meio de vocês. Quis o destino que o Flamengo fosse campeão [do Campeonato Brasileiro, nesta quinta, 25]. Hoje também eu sou Flamengo. A nossa história e nossa alma estão ligadas ao futebol. Realmente venceu e foi campeão o melhor. No Brasil, a política é no mesmo caminho”, disse Bolsonaro.

Também participaram da cerimônia o ministro o ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Ônix Lorenzoni; o diretor-geral do DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), Antonio Leite dos Santos Filho; o titular da pasta do Turismo, Gilson Machado Neto; o prefeito de Tianguá, Luiz Menezes de Lima (PSD), além de parlamentares.

O Ceará foi o terceiro destino do presidente nesta semana. Na quarta-feira, visitou Rio Branco (Acre) e, na quinta, Foz do Iguaçú (PR).

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana