conecte-se conosco


Destaque

Três nomes já são lembrados para sucessão municipal

Publicado

O desempenho negativo nas urnas, dos principais adversários – ex-prefeito Túlio Fontes (PV) e o ex-reitor da Unemat, professor Adriano Silva (DEM) – pode, pelo menos, aparentemente, favorecer o grupo do prefeito Francis Maris Crus (PSDB) e do deputado federal eleito doutor Leonardo Albuquerque (SD), nas eleições municipais de 2020. Fragilizados pelos resultados, tanto Túlio quanto Adriano descarta quaisquer possibilidades de candidaturas a prefeito,

O ex-prefeito Túlio Fontes diz que “nem pensa” em se candidatar. Por sua vez, Adriano Silva, cotado para assumir a secretaria de Estado de Educação, no governo Mauro Mendes (DEM), diz que também não é candidato. Porém, segundo ele, independente de assumir ou não a secretaria, irá trabalhar para construção de uma candidatura alternativa ao grupo do prefeito. “Não sou candidato, mas vou construir uma candidatura alternativa a essa administração”.

Embora, ninguém confirme publicamente, nos bastidores já se percebe articulações visando o lançamento de, pelo menos, três pré-candidaturas, pelo grupo Francis/Leonardo: a do secretário de Meio Ambiente e Turismo, Júnior Cesar Trindade do ex-secretário de Obras, Valdeci Rodrigues e da vice-prefeita e secretária de Educação Eliene Liberato Dias.

Leia mais:   RECONHECIMENTO - GEFRON-MT será homenageado na Câmara Federal

Ninguém confirma, mas também, não descartam. O ex-secretário de Obras, Valdeci Rodrigues, apontado como um dos mais conceituados da administração, diz que “me sinto honrado por meu nome estar sendo lembrado. Mas, não sou candidato de mim mesmo. Vai depender de quem estiver melhor no período eleitoral. Se o meu nome for indicado, não vou furtar a esse compromisso” afirmou.

Secretário de Meio Ambiente e Turismo, Junior Trindade, segue o mesmo discurso. “Vejo que está muito cedo para falar em eleição. Atualmente quero continuar trabalhando com seriedade e determinação para que a gestão Francis seja ainda mais reconhecida. Mas, se o meu nome for o escolhido, estarei disposto a aceitar o desafio”, disse afirmando que o grupo fará uma pesquisa meses antes das eleições para escolher o nome apoiado pela população.

Vice-prefeita nos dois mandatos do prefeito Francis, a professora Eliene Liberato Dias, que acumula a função com o cargo de secretária de Educação é ainda mais modesta.

“Eu não me sinto envaidecida por meu nome estar sendo lembrado. Pelo contrário: reforça ainda mais o meu compromisso de lutar pelo desenvolvimento da nossa cidade” diz acrescentando que “mas se for a vontade da população estarei à disposição. Não vou impor nada e tampouco incorrer no erro como no lançamento de várias candidaturas a deputado estadual, das últimas eleições, que acabou não elegendo ninguém e penalizando a cidade”.

Leia mais:   DESENVOLVIMENTO - Estado prevê investir R$ 60 milhoes na ZPE

Editoria – Sinézio Alcântara

Comentários Facebook

Destaque

RECONHECIMENTO – GEFRON-MT será homenageado na Câmara Federal

Publicado

As ações do Grupo Especial de Fronteira (Gefron) somente no primeiro trimestre de 2019 resultaram em registros de 52 ocorrências com apreensão de mais de uma tonelada de drogas. Como reconhecimento pelo efetivo trabalho de combate ao crime na região de fronteira de Mato Grosso, o deputado federal Dr. Leonardo (Solidariedade) apresentou à Câmara Federal requerimento para entrega de moção de aplauso ao grupo. A homenagem foi aprovada na terça-feira (16.04) pela Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado.

“A vulnerabilidade da fronteira oeste representa fator considerável nas estatísticas criminais de Mato Grosso e de vários outros estados da federação. Daí a importância da presença da segurança pública na região para coibir as atividades ilegais desenvolvidas. Além de cobrar mais investimentos do Governo e trabalhar para que o GEFRON tenha seu efetivo fortalecido, precisamos enaltecer o trabalho dos profissionais que estão ali para nos defender”, afirmou Dr. Leonardo.

O Grupo Especial de Fronteira foi criado no Estado de Mato Grosso em 2002, integrando o trabalho da Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros Militar. Sua missão é apoiar os órgãos federais responsáveis pela segurança na fronteira do Brasil com a Bolívia dentro do Estado de Mato Grosso, desencadeando na região, operações sistemáticas de prevenção e repressão ao tráfico de drogas, contrabando e descaminho de bens e valores, roubo e furto de veículos e invasões de propriedades.

Leia mais:   Justiça afasta tabeliães na Baixada e nomeia interventor judicial

A base operacional do Grupamento fica no município Porto Esperidião. Outros pontos de fiscalização estão distribuídos na região do Matão (município de Pontes e Lacerda), Vila Cardoso e Avião Caído (em Cáceres), Canil Integrado (Cáceres), além da sede administrativa que fica na Sesp (Secretaria de Estado de Segurança Pública), em Cuiabá.

Durante sua fala na Comissão de Segurança Pública, Dr. Leonardo relatou as últimas ações dos policiais. No final de semana, o GEFRON apreendeu 90 kg de substância análoga a pasta base de cocaína, às margens da Rodovia MT-473, em Pontes e Lacerda (450 km a Oeste de Cuiabá). Na semana passada, um Fuzil AM-15, 21 tabletes de cocaína, uma carabina e 48 munições calibre 5,56mm em 2 carregadores foram apreendido na região de Avião Caído, um dos postos do grupamento no município de Cáceres (a 234 km de Cuiabá).

SEGURANÇA – Nesta semana, outra ação envolvendo a segurança de fronteira foi aprovada por articulação do deputado Dr. Leonardo. A Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado da Câmara Federal irá promover uma Audiência Pública, nas próximas semanas, para tratar do tema “Segurança Pública na Zona de Fronteira do Brasil”. “O Estado brasileiro tem sido incompetente e omisso no controle, fiscalização e proteção de nossas fronteiras. Aliar presença do estado, investimentos em infraestrutura para promoção do desenvolvimento econômico e uso intensivo de tecnologia é a melhor forma de se garantir segurança nas áreas de fronteira”, defende o parlamentar.

Leia mais:   A 15 dias do fim do prazo, menos da metade declarou Imposto de Renda

Jardel P. Arruda
Assessoria de Imprensa
Deputado Dr. Leonardo
(65) 99267 9309

Jean Campos

Assessoria de Imprensa
Deputado Dr. Leonardo
(61) 99967-1232
Comentários Facebook
Continue lendo

Destaque

Vereadores se reúnem com Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa para relatar necessidade do município

Publicado

Vereadores da Câmara Municipal de Cáceres se reuniram com representantes da Comissão de Saúde, Previdência e Assistência Social da Assembleia Legislativa do Mato Grosso (ALMT) na última segunda-feira (15), no auditório do Hospital Regional.

Participaram da reunião o vereador Elias Pereira (AVANTE), a vereadora Valdeníria Dutra (PSDB) e o vereador Jerônimo Gonçalves (PSB) – estes dois últimos representando a Comissão de Saúde da Câmara. “Informamos aos deputados que o hospital está prejudicado devido ao atraso de repasses financeiros. Também é preciso regulamentar o serviço de oncologia e realizar a montagem de alguns aparelhos”, relata Valdeníria.

A Comissão de Saúde da ALMT é composta pelos deputados Paulo Araújo (PP), Lúdio Cabral (PT) – presidente e vice-presidente, respectivamente –, Dr. Gimenez (PV), Dr. Eugênio (PSB) e Dr. João (MDB), que estão fazendo visitas técnicas a hospitais do estado para verificar as necessidades mais urgentes de cada unidade. Após Cáceres, a Comissão visitará o Hospital Municipal de Várzea Grande. Idas aos municípios de Sinop, Rondonópolis, Sorriso e Água Boa também estão previstas.

Leia mais:   Comissão de Constituição e Justiça tem 22 matérias na pauta dessa terça-feira

A Câmara Municipal de Cáceres agradece a visita dos deputados, que relatarão as necessidades do sistema de saúde da cidade ao Governo do Estado.

Felipe Deliberaes/Assessoria de Imprensa
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Mais Lidas da Semana