conecte-se conosco


Mato Grosso

Três alunas chegam ao topo da classificação geral do ensino médio em Escola Militar

Publicado

Heloíse, Novack e Dayelle conquistaram as melhores notas na classificação geral do Ensino Médio da Escola Militar Tiradentes de Cuiabá. Ás vésperas da formatura, as três jovens se destacam não apenas pela pontuação, mas pela dedicação aos estudos e a forte representativa feminina no ranking de melhores alunas da instituição.

Do bairro Despraiado, Heloíse Bastos, de 18 anos, entrou na escolar militar por meio de processo seletivo há seis anos. A aluna 01 do ensino médio, alcançou a primeira colação com 9,33 pontos. Depois da formatura, Heloíse vai usufruir das férias, e em seguida volta aos estudos para entrar na faculdade de Engenharia da Computação.

“Entrei na Escola Militar no 7º ano, aprendi a ter uma rotina de estudo, abri mão de alguns lazeres para estudar. Fui me adaptando o sistema avaliativo da escola, não imaginava conquistar a primeira colocação e ainda mais dividir esse ranking com mais duas mulheres. É muito bom saber que estamos conquistando espaços de representatividade e empoderamento feminino”, diz orgulhosa Heloíse. 

Natalia Novack, de 17 anos reside no bairro Morada do Ouro e, para ela, estudar na escola militar é a realização de um sonho. Após a formatura, ela continuará firme nos estudos para conquistar uma vaga no curso de Medicina.  A estudante relembra que para alcançar as boas notas se apegou a uma rotina de estudos.

Leia mais:   Mudança para o novo padrão de placa veicular será gradativa em MT

“Sempre gostei de ter boas notas, quando cheguei ao ensino médio tive que pegar mais pesado nos estudos. É muito bom ver nossa evolução na escola. O topo dessa colocação ao longo do ano estava sendo ocupado por meninas, então nos dedicamos muito para vencer esse desafio, não contra os outros, mas de algo com a gente mesmo, de saber que se nos dedicássemos íamos encerrar o ano nessa classificação”, explica Novack.

Do bairro CPA, Dayelle Barros, de 18 anos, ingressou na escola no 1º ano, ela conta que o seu bom desempenho e de suas colegas é o reflexo da qualificação dos professores da instituição. A estudante que pretende cursar Direito conta que o ensino militar contribui na formação de grandes cidadãos.

“Um dia li um livro que diz que por trás de toda pessoa excepcional, existe grandes professores excepcionais, é assim que vejo essa instituição que tanto colabora com a minha formação. Os professores nos inspiram a cada aula”, ressalta a Dayelle. 

As três jovens destacam que a escola militar ajuda a sociedade a construir cidadãos líderes e autoconfiantes. Depois da solenidade de formatura, as três iniciam um novo ciclo de vida com mais estudos só que agora voltados para vestibulares e Enem. Ao deixarem a escola militar, elas concordam que carregam para toda a vida os princípios ensinados pela instituição. Heloíse diz que aprendeu a ser uma pessoa autoconfiante.

Leia mais:   Adolescentes são apreendidos por tentativa de roubo de Cáceres

“Nós aprendemos a nos tornarmos líderes, é muito fácil falar por trás de uma tela de celular, mas se comunicar com respeito e autoconfiança é algo que aprendemos ao cuidar de um pelotão na escola, zelar pelo nosso uniforme e principalmente respeitar todas as pessoas”, explica a estudante.

Há dez anos, a mulheres lideram a classificação geral do ensino médio da Escola Tirandentes de Cuiabá. Para a diretora da insituição, tenente-coronel Evandra Caroline Taques, é gratificante ver as mulheres se empenhando e se dedicando.

Na próxima segunda-feira (16.12), a Escola Estadual Tiradentes de Cuiabá realizará no pátio do Comando Geral da Polícia Militar, a tradicional solenidade de formatura de 235 estudantes da instituição com troca de fiel dos alunos formandos do 9º ano, que ingressarão no nível médio e a colação de grau do 3º ano.

Diretora da Escola Militar Tiradentes, tenente-coronel Evandra destaca a dedicação aos estudos das jovens

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook

Mato Grosso

Polícia Civil cumpre mandados contra quadrilha de roubos e furtos de veículos de locadoras

Publicado

A Polícia Judiciária Civil, através da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (DERF) de Barra do Garças (509 km a Leste de Cuiabá), com o apoio operacional da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), deflagrou nesta quarta-feira (22.01) a Operação Localiza, que investiga uma associação criminosa responsável por subtrair, mediante fraude, veículos de propriedade de locadoras em todo o estado de Mato Grosso.

Na operação, as equipes da GCCO ficaram responsáveis por três ordens judiciais, expedidas pela comarca de Barra do Garças com base nas investigações da DERF do município, sendo cumpridos um mandado de prisão preventiva e dois de buscas e apreensões domiciliares em Cuiabá.

De acordo com o delegado da DERF Barra do Garças, Nélder Martins Pereira, responsável pelas investigações, somente no mês de julho de 2019 os integrantes da quadrilha roubaram uma pick-up Fiat Strada e um Volkswagen Voyage de uma empresa da cidade de Barra do Garças e, em seguida, fugiram para a capital mato-grossense.

Há também fortes indícios de atuação do grupo criminoso nas cidades de Nova Mutum, Jaciara, Sorriso e até também em Aragarças, estado de Goiás.

Leia mais:   Colônia de férias na biblioteca oferece aprendizado com diversão para as crianças

As investigações indicam que a quadrilha, em clara divisão de tarefas, simulava o roubo/furto de um veículo segurado (registrando boletim de ocorrência do sinistro) e acionava a empresa seguradora, solicitando, inclusive, um veículo reserva junto a uma empresa de locação.

“Geralmente, usando documentos pessoais e ‘cheques caução’ falsos, um integrante fazia, sem grandes dificuldades, a retirada/subtração do veículo locado. Dias depois, registravam o boletim de ocorrência de recuperação do veículo segurado e o transferiam a terceiro”, explicou o delegado.

As diligências continuam para localizar e prender outros suspeitos. As investigações prosseguem na DERF de Barra do Garças, sendo os investigados responsabilizados pelos crimes de furto mediante fraude e associação criminosa, sem prejuízo de apuração de outras infrações penais conexas.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Polícia Civil prende homem que agrediu ex-companheira com chave de fenda em Várzea Grande

Publicado

Um homem acusado de agredir a namorada com golpes de chave de fenda teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Judiciária Civil nesta quarta-feira (22.01), em ação da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, Criança e Idoso de Várzea Grande (DEDMCI-VG) com apoio da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cáceres (228 km a Oeste de Cuiabá).

O suspeito conviveu cinco anos com a vítima e já havia a agredido anteriormente, no mês de dezembro de 2019. Assim que saiu da prisão, em janeiro, mesmo ciente das medidas protetivas, rompeu a tornezeleira eletrônica para praticar a nova agressão.

O crime ocorreu no dia 10 de janeiro em uma residência no bairro Parque do Lago, em Várzea Grande. O suspeito, pelo fato de não aceitar o fim do relacionamento, pulou o muro da casa em que a vítima estava e a agrediu com diversos golpes com chave de fenda, ferindo a vítima na barriga,  costas, nuca, tórax e rosto.

Enquanto a agredia, o suspeito xingava, ameaçava de morte e ao mesmo tempo pedia perdão à vítima. Após o crime, o agressor foi embora, porém, voltou a passar em frente à casa, apontado uma arma de fogo e dizendo que iria matar a vítima.

Leia mais:   Reunião debate a organização da cadeia produtiva da borracha em Mato Grosso

Diante da gravidade da situação e para evitar um futuro feminicídio, a delegada Mariel Antonini Dias representou pela prisão preventiva do suspeito, que foi deferida pela Justiça. A ordem judicial foi cumprida nesta quarta-feira (22), na cidade de Cáceres, com apoio da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher do município.

“Para evitar consequências maiores, como um possível feminicídio, a Delegacia da Mulher de Várzea Grande atuou de maneira grave e eficaz, fazendo que o agressor retornasse à prisão”, disse a delegada.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Mais Lidas da Semana