conecte-se conosco


Cáceres e Região

Teatro Plenilúnio abre temporada de apresentações de 2021

Publicado

Assessoria

O ano de 2021 começou a todo vapor no campo das artes no município de Cáceres com apresentações de diversos projetos nos mais variados segmentos e linguagens artísticas. Por meio do Edital de Seleção Pública nº 01/2020 Cultura Cáceres, da prefeitura de Cáceres, através da Secretaria Municipal de Turismo e Cultura (SMTC) houve o fomento à produção de inúmeros projetos para o setor, com os recursos da Lei Aldir Blanc. É sempre bom lembrar que o setor artístico foi um dos primeiros a parar as atividades com o início da pandemia, que assola o mundo desde o início do ano passado, e ganhou um respiro com a aprovação da lei emergencial para o setor, possibilitando a continuação das atividades de pesquisa e produção artísticas no país.

O Teatro Plenilúnio, grupo de pesquisa e estudo das artes da cena, da cidade de Cáceres, como todos os artistas do mundo, precisou se reinventar nesse período e foi descobrindo as novas formas do fazer teatral. Descobriu os recursos das plataformas digitais fazendo cursos e dialogando com outros colegas e principalmente experimentando coisas e modos de expressar sua arte. Desse processo surgiram apresentações de teatro, performances, vídeo performances que fazem parte do repertório da trupe de teatreiros e podem ser conferidas esta semana a partir do dia 13.

A programação se inicia com a participação no Projeto Live Cênica com a apresentação de dois trabalhos. No dia 13 (quarta), o ator Ismael Diniz traz para a cena, da obra de Nelson Rodrigues, Para sempre fiel, a história de um homem que não acreditava na fidelidade. Utilizando uma mistura de linguagens, o ator apresenta as relações conturbadas de um casal que entra em conflito pelos pontos de vista antagônicos sobre a vida a dois, levando a mocinha ao extremo para provar sua fidelidade. Um clássico de Edgar Alan Poe é apresentado na quinta (14) pelo ator Luis Guilherme, trata-se da montagem de Coração delator, uma narrativa de suspense sobre um velho adoentado e os delírios de seu cuidador, que ao cometer um crime é perseguido pelas batidas de um coração denunciador. As apresentações acontecem sempre às 18horas (horário local), pelo Instagram de cada artista.

Leia mais:   Prefeita Eliene acompanha vacinação no município

A participação no Projeto Monólogos: arte contemporânea em solo cacerense acontece de 15 a 17, às 20 horas (horário local), também pelo Instagram, no perfil oficial da mostra @monologosarte. O Teatro Plenilúnio traz a cena os espetáculos O pirotécnico Zacarias (15­), Quarto de despejo (16) e encerra com uma palestra perfomativa sobre Coração delator (17). Pirotécnico Zacarias é uma narrativa fantástica, adaptada da obra de Murilo Rubião, encenada pelo ator Gabriel Ferreira, que conta a história de um homem após um atropelamento e sua nova condição no mundo. Alessandra Mellyssa, discute em Quarto de despejo a situação de Carolina Maria de Jesus, escritora, negra, favelada, mulher, mãe. A atriz apresenta cenas do cotidiano dessa importante escritora do Brasil, suas angústias, frustações e felicidades num Brasil preconceituoso e racista. Encerrando a participação na mostra, o ator Luis Guilherme, conversa com o público sobre o processo de montagem de uma cena teatral na pandemia. Explana como foi feita a adaptação do texto, a criação da personagem, ensaios, criação de luz e som dentro do seu próprio quarto. A discussão é pontuada com cenas da peça Coração delator.

Leia mais:   Vereadores pedem que Executivo amplie quadro de funcionários na central de Covid-19 e apresente plano de aplicação dos R$5,5 milhões do caixa da Saúde

Nos dias 15 e 16 as apresentações são voltadas a música e a poesia da nossa cidade. O diretor Luciano Paullo apresenta seu híbrido de teatro, vídeo e música em Sinestesia do Mato – poesia de se ver, às 19 horas, em seu canal do YouTube (abre.ai/sinestesiadomato). Em uma espécie de minidocumentário, o trabalho apresenta autores contemporâneos de poesia de Mato Grosso, em especial da cidade de Cáceres, que contam suas trajetórias e tem seus textos encenados pelos atores Ludymilla Landes, Well Oliveira e Luciano Paullo.

No dia 16, às 16 horas (MT), é a vez da obra do imortal Natalino Ferreira Mendes e da música autoral cacerense surgirem no Sarau Pantaneiro 2.0, com Gabriel Ferreira, Ismael Diniz, Luis Guilherme e Pedro Garcia. Os atores e músicos cantam e declamam as vozes cacerenses, tanto pelos poemas quanto pelas músicas, num formato muito comum da cidade, o sarau. Você pode conferir o trabalho no perfil do Instagram do projeto @saraupantaneiro.

Um fim de semana cheio de arte e cultura na nossa cidade. Evoé!

Comentários Facebook

Cáceres e Região

MPF pede informações sobre o consumo de oxigênio na região de Cáceres

Publicado

Assessoria GD

O Ministério Público Federal (MPF), por meio da unidade no município de Cáceres (MT), solicitou ao Escritório Regional de Saúde em Cáceres, ao Hospital São Luiz e às secretarias municipais de Saúde de Cáceres, Mirassol D’Oeste, Pontes e Lacerda e Comodoro informações sobre o consumo e a regularidade do abastecimento de oxigênio medicinal nas respectivas unidades de saúde.

Conforme despacho do procurador da República Bernardo Meyer, é notório o caos vivenciado em parte do país pela ausência de oxigênio nas unidades de saúde, após o substancial aumento no consumo do gás resultado, principalmente, do aumento do número de casos de contaminação pelo Sars-COV-2, de novembro de 2020 até janeiro de 2021.

Além disso, ressalta que “é de conhecimento de todos que a insuficiência de oxigênio gera consequências danosas como a morte de pacientes internados em hospitais ou em tratamento em home care ou graves sequelas causadas pela asfixia. Ademais, o problema é ainda maior pois tem o potencial de atingir indistintamente todas as pessoas internadas que dependem do oxigênio, independentemente se a causa da assistência médico-hospitalar for a covid-19”.

O procurador também ressalta que o estado do Mato Grosso vive atualmente novo crescimento de casos – fenômeno que vem ocorrendo em outros estados da Federação – em razão de diversos fatores, o que poderá resultar em um pico acentuado da doença, com o consequente aumento nos casos de assistência hospitalar e internações, resultando, eventualmente, em vertiginoso aumento no consumo de oxigênio medicinal. “A título ilustrativo, o painel analítico da covid-19 mostra que o Mato Grosso registrou 1.979 novos casos e 31 novos óbitos, com a respectiva média móvel de 1.310 casos e 17,5 mortes”.

Leia mais:   MT define quantidade de vacinas para cada grupo prioritário

Dessa forma, o MPF requisitou ao Escritório Regional de Saúde em Cáceres, ao Hospital São Luiz e às secretarias municipais de Saúde de Cáceres, Mirassol D’Oeste, Pontes e Lacerda e Comodoro, informações, com prazo de cinco dias para a resposta, acerca do consumo médio de oxigênio medicinal pelas unidades de saúde (m³) e a regularização do abastecimento e estoque de oxigênio medicinal para o provimento das respectivas unidades de saúde.

Solicitou aos destinatários, ainda, que seja realizado o monitoramento contínuo do estoque de oxigênio medicinal (na forma líquida ou gasosa), a fim de identificar substancial aumento no consumo – se comparado ao consumo médio -, potencial ou a iminência de falta de oxigênio medicinal (líquido ou gasoso). Em caso de potencial insuficiência ou iminente falta do referido oxigênio medicinal, devem notificar os responsáveis pelo reabastecimento com o intuito de manter o estoque regularizado e o normal fornecimento dos estabelecimentos de saúde.

Procedimento administrativo

Tramita no Ministério Público Federal em Cáceres o procedimento administrativo para acompanhamento de políticas públicas relacionadas às ações emergenciais e de enfrentamento da pandemia da covid-19. O objetivo é fiscalizar as medidas adotadas para a prevenção e tratamento da doença causada pelo vírus na área de atribuição da unidade.

Leia mais:   Técnica de enfermagem negra é a primeira a ser vacinada contra covid em MT

Assim, em razão do aumento do número de casos verificado no estado de Mato Grosso e da elevada ocupação de leitos clínicos e de terapia intensiva (UTI), a triste e lamentável situação vivenciada pela população no estado de Amazonas e, mais recentemente, no Pará, em razão da ausência de oxigênio, e a necessidade de acompanhamento contínuo das medidas tomadas no enfrentamento da atual pandemia, o MPF em Cáceres requisitou, no bojo do mencionado procedimento, as informações sobre o consumo e a regularidade do abastecimento de oxigênio medicinal nas respectivas unidades de saúde.

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Fim de semana será de chuva e com alerta de temporais para 10 cidades

Publicado

Assessoria GD

A sexta-feira (22) amanheceu com céu encoberto e temperatura amena. O clima deve permanecer durante todo o fim de semana. Há alerta de temporais para 10 cidades.

De acordo com o Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (Cptec), a mínima chega a 24°C e a máxima não passa de 34°C em Cuiabá. Não deve chover somente no sábado (23).Em Chapada dos Guimarães (67 km ao Norte), a mínima chega a 18°C e máxima a 30°C. Fim de semana chuvoso.A previsão do tempo para Cáceres (225 km a Oeste) é de termômetros marcando entre 22°C e 31°C. Deve chover nos próximos dias.Já em Sinop (500 km ao Norte), chove todos os dias e a temperatura varia de 21°C a 34°C.Chove todos os dias em Rondonópolis (225 km ao Sul) e os termômetros marcam entre 23°C e 33°C.

Confira cidades sob alerta

Alto Araguaia
Alto Taquari
Barão de Melgaço
Cáceres
Itiquira
Nossa Senhora do Livramento
Pedra Preta
Poconé
Rondonópolis
Santo Antônio do Leverger

Comentários Facebook
Leia mais:   Seciteci abre inscrições para o processo seletivo para a contratação de professores temporários
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana