Connect with us
Carrossel - Roger (Foto: Arte / GloboEsporte.com)Roger definirá substituto de Luan
(Foto: Arte / GloboEsporte.com)

Roger Machado irá a campo nesta quarta-feira, no CT Luiz Carvalho, com uma indefinição em mente a ser sanada no último treino do Grêmio em Porto Alegre antes de rumar a Belo Horizonte para encarar o Atlético-MG, nesta quinta. Após observações minuciosas nos dois primeiros trabalhos da semana, o comandante enfim decidirá quem será o substituto de Miller Bolaños na trinca de meias. Até lá, nutrirá reflexões entre tecer o retorno “natural” de Douglas ou deslocar Luan ao meio, com o ingresso dos extremas Everton ou Pedro Rocha.

Já sem o equatoriano, que já se apresentou a sua seleção, aos cuidados de Gustavo Quinteros, para a disputa da Copa América, Roger ainda não comandou atividades com seus titulares – o que deve ocorrer nesta quarta. Assim, aproveitou os trabalhos táticos em campo reduzido para analisar o desempenho do trio de substitutos, que sempre treinaram no mesmo time de reservas nesta segunda e nesta terça-feira. 

LEIA MAIS
> Grêmio renova vínculo com Lincoln até 2019
> Wallace se diz ansioso para jogar no Grêmio
> Grêmio mira repetir jogo perfeito com Galo

01

troca “natural”

A escolha terá como base o posicionamento do rival, Atlético-MG, e a necessidade que este implicará para abrir caminho ao ataque. Caso a estratégia indique a presença de Douglas como centralizador das jogadas, a equipe, de acordo com o anseio de Roger, tem mais cadência para trabalhar a bola e “acalmar” a bola, evitando um jogo de transições.

Grêmio campinho sem bolanos (Foto: Reprodução)Ataque com um dos extremas na vaga de Bolaños (Foto: Reprodução)

01

luan pelo meio

Com um dos extremas como titulares – seja Everton ou Pedro Rocha – o Grêmio ganha com a proximidade de Luan ao gol, mesmo que mais recuado. Neste caso, o escolhido tem a incumbência de atrair o defensor rival e abrir espaço para as penetrações do camisa 7 dentro da área. 

– Coloquei o Douglas no jogo contra o Flamengo por identificar que precisava de retenção de bola. O jogo virou um confronto de transições. Nós nos abrimos para jogar  e devolvíamos a bola para o Flamengo. Isso nos deixava muito expostos. Posso ter a função do Douglas como substituto natural, com o Luan pelo lado. Assim como eu posso usar o Luan pelo meio. Ele faz isso muito bem. Com o Everton ou o Pedro aberto…. Depende muito do que a gente imagina que o jogo irá nos proporcionar, mas não vai fugir dessas opções – avalia o treinador.

Grêmio campinho sem bolanos (Foto: Reprodução)Ataque com Douglas na vaga de Bolaños (Foto: Reprodução)

01

amostragem contra o fla

Luan contra o Flamengo  (Foto: Lucas Uebel / Grêmio, DVG)Contra o Galo, Luan foi descartado como “falso 9” (Foto: Lucas Uebel / Grêmio, DVG)

A amostragem apresentada na vitória por 1 a 0 sobre o Flamengo, no último domingo, indica o ingresso de Everton na equipe. O garoto foi a campo no intervalo, mas na vaga de Bobô, com o deslocamento de Luan à referência, ainda com Miller Bolaños em campo. Com o garoto no time, o Tricolor apresentou seu melhor desempenho na partida. Douglas ingressou apenas nos minutos finais, para cadenciar o jogo.

Por falar na saída de Bobô, o retorno de Luan ao posto de referência do ataque foi até cogitada, mas acabou eliminada pelo comandante. Ao menos, num primeiro momento. A ideia é ter o camisa 13 em campo para ganhar campo no ataque com imposição e segurar a linha defensiva.

– Também tem essa possibilidade. Inicialmente não seria minha primeira opção. Entendo precisar do Bobô. O que credencia é o número de gols. É o artilheiro de gols no ano. Ele tem no seu jogo a responsabilidade de criar espaços, segurar a linha defensiva. Ter a presença dentro da área me dá condição de progredir em campo com sua figura centralizada, ora atingindo profundidade pelo lado. No jogo contra o Corinthians, as nossas duas melhores oportunidades de gol foram do Bobô – destaca o treinador.

01

chance remota

Grêmio, Roger, técnico, lincoln, treino (Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação)Lincoln não atua há três jogos (Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação)

Também há uma possibilidade remota, mas que poderia ocorrer no decorrer da partida ou em outros jogos. De contrato renovado, o garoto Lincoln deverá ganhar mais oportunidades. Em 2016, com Roger Machado, tem 19 jogos e quatro gols, três dos quais em jogos seguidos, num recorde com o atual comandante. Tratado como joia, ficou de fora das últimas três partidas na equipe tricolor. 

O Tricolor retoma os treinamentos para sanar essa dúvida nesta quarta-feira pela manhã. Em seguida, ruma a Belo Horizonte, onde encara o Atlético-MG nesta quinta-feira, às 21h, pela 3ª rodada do Brasileirão.

Veja as informações do próximo jogo do Grêmio:
Próximo adversário: Atlético-MG
Local: Independência, Belo Horizonte 
Data e horário: quinta-feira, 21h (horário de Brasília) 
Escalação provável: Marcelo Grohe; Edílson, Geromel, Fred e Marcelo Oliveira; Walace, Maicon, Giuliano, Douglas (Everton) e Luan; Bobô.  
Desfalques: Douglas Friedrich, Wesley e Moisés 
Arbitragem: Raphael Claus (SP), auxiliado por Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo (SP) e Gustavo Rodrigues de Oliveira (SP)

Confira as notícias do esporte gaúcho no globoesporte.com/rs

Fonte: Globo Esporte

Comentários Facebook

Entretenimento

Eclipse lunar traz ‘Lua de sangue’ no domingo (15); saiba mais

Published

on

No próximo domingo (15), acontecerá o primeiro eclipse lunar de 2022. Será um eclipse do tipo total, que ocorre quando a Lua cheia se move para a chamada sombra umbral profunda da Terra (parte mais interna e escura). Isso ocorre porque nosso planeta passa em frente à luz solar enviada para o nosso satélite natural.

De acordo com o astrofísico americano Fred Espenak, conhecido por prever eclipses, como a Lua cheia do dia 15 de maio é a chamada superlua, por estar no perigeu, o ponto mais próximo da Terra, esse eclipse será considerado uma superlua de sangue. O fenômeno, que poderá ser visto em todo o Brasil, ocorre quando a luz do sol passa pela atmosfera terrestre, mas desvia pelos comprimentos de onda para refletir de forma avermelhada na Lua.

Diagrama da sombra do eclipse lunar do dia 15 de maio. (Fonte: NASA/Divulgação.)Fonte:  NASA 

Quando acontecerá o eclipse total da Lua no domingo?

Conforme o perfil Astronomiaum no Twitter, nas cidades com fuso horário de Brasília, o eclipse lunar de domingo terá início às 22h32, e terá o seu ápice na madrugada de segunda-feira (16) à 1h11, com o término ocorrendo às 3h51. Além do Brasil, a Lua de sangue poderá ser vista também nos EUA e Canadá, além de partes da África e Europa.

Diferentemente do eclipse solar, que só é observável em uma área relativamente pequena do mundo, os eclipses lunares podem ser vistos em qualquer lugar no lado noturno da Terra. A sua visualização também é mais segura, pois esses fenômenos não necessitam de nenhum tipo de proteção para os olhos, pois são mais escuros do que a própria lua cheia em si.

Para quem mora em grandes cidades, e não pretende viajar para locais com baixa poluição visual para assistir ao eclipse total da Lua no domingo, será possível visualizá-lo através do canal oficial da NASA do YouTube. O telescópio da agência aeroespacial norte-americana irá iniciar a transmissão das imagens do fenômeno a partir da zero hora do dia 16 de maio, no horário de Brasília.

Para assistir, basta clicar no link acima para definir o lembrete e, na hora marcada, acompanhar os detalhes em alta resolução.

Fonte: https://www.tecmundo.com.br/ciencia/238420-eclipse-lunar-traz-lua-sangue-domingo-15-saiba.htm

Comentários Facebook
Continue Reading

Brasileirão Série A

Em Minas, Cuiabá perde para o líder Atlético-MG e cai invencibilidade

Published

on

A Gazeta

Após 12 jogos sem derrotas fora de casa pelo Campeonato Brasileiro, o Cuiabá perdeu a longa invencibilidade que acumulava na série A para o líder Atlético-MG neste domingo (24), em Belo Horizonte, pela 28ª rodada do Brasileirão. O galo venceu por 2 a 1 e pôs fim a longa série do auriverde sem derrotas longe de casa.

O Dourado continua com 35 pontos, em décimo lugar na tabela de classificação. O Galo, por sua vez, chegou aos 59 tentos e é mais líder do que nunca.

A mil por hora, assim começou o início do jogo entre Cuiabá e Atlético-MG no Mineirão. Logo aos 2 minutos, Nathan Silva, contra, inaugurou o marcador em recuo infeliz para Everton, que viu a bola entrar lentamente no gol. Aos 4, Hulk, dentro da pequena área, deixou tudo igual após jogada ensaiada de escanteio.

O time mineiro conseguiu a virada com Jair, que completou de cabeça para as redes após assistência de Guilherme Arana.

No início da etapa final, Hulk marcou o terceiro para o Atlético, mas o gol foi anulado após a arbitragem pegar um toque de mão do atacante. Daí em diante o Atlético continuou pressionando, mas sempre parando nas defesas seguras do goleiro Walter.

À medida que o relógio foi passando, o Atlético deixou o Cuiabá mais a vontade para trabalhar com a bola e passou a contar com os contra-ataques. O Dourado martelou, porém não conseguiu criar chances claras de gol.

O próximo compromisso do Cuiabá no campeonato brasileiro é contra o Red Bull Bragantino no dia 1º de novembro, na Arena Pantanal, às 19h30 (de MT.

Comentários Facebook
Continue Reading

Mais Lidas da Semana