conecte-se conosco


Geral

STJD intima Ana Cláudia Lemos para audiência nesta sexta, em São Paulo

Publicado

Flagrada no exame antidoping em março, durante testes fora do período de competição, velocista tem seu futuro indefinido e precisará se defender

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva intimou nesta segunda-feira a velocista brasileira Ana Cláudia Lemos. A atleta foi convocada para participar da audiência que acontece nesta sexta-feira, dia 15, às 17h30, em São Paulo, para se defender do resultado adverso em seus exames de controle antidoping. No mês de março, Ana Cláudia foi flagrada com a substância proibida Oxandrolona em testes fora de competição. Desde então, está preventivamente suspensa e não participou do Mundial Indoor, no mesmo mês, em Portland, nos Estados Unidos.

A Oxandrolona tem ação anabolizante. Após a divulgação do resultado do teste em 8 de março, a Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) demorou, mas tomou a decisão de suspendê-la desde 29 de março. Ao saber o resultado negativo, Ana Cláudia solicitou a abertura de uma amostra B do seu exame no dia 9 de março. A abertura do frasco aconteceu no dia 24 no Laboratório Brasileiro de Controle de Dopagem (LBCD), no Rio, quando foi confirmada a presença da Oxandrolona no organismo da corredora.  O processo foi encaminhado ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva do Atletismo para as providências cabíveis, uma vez que o Tribunal Único para julgamento de processos de dopagem encontra-se em fase de instalação.

Leia mais:   Distrito do Caramujo Recebe Prefeita Eliene Liberato

Ana Cláudia Lemos é dona do recorde brasileiro dos 200m (22s48, que também é recorde sul-americano). Ela optou por não participar de nenhuma competição indoor neste primeiro semestre. Mesmo com índice, preferiu não competir no Mundial Indoor, que aconteceu de 16 a 21 de março, em Portland. A previsão era que ela começasse a competir em pista aberta em abril.

edital stjd ana cláudia lemos julgamento (Foto: Reprodução)

 

 

Comentários Facebook

Cáceres e Região

PF flagra exploração de bolivianos em Cáceres

Publicado

Assessoria
A Polícia Federal cumpriu mandados judiciais, na manhã desta quinta-feira (14), no município de Cáceres (MT), localizado a 220 quilômetros da capital Cuiabá, com o objetivo de combater o tráfico de pessoas e a promoção de migração ilegal de bolivianos.

Os mandados de busca e apreensão, expedidos pela 2ª vara da Justiça Federal da Subseção Judiciária de Cáceres, foram cumpridos em endereços de pessoas físicas e jurídicas suspeitas de promover o ingresso de bolivianos de forma ilegal no território brasileiro.

As investigações tiveram início a partir de informações de que bolivianos eram aliciados e transportados da cidade de Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia, para Cáceres (MT – Brasil) para trabalharem na construção civil. O transporte era realizado sem qualquer tipo de controle migratório.

A Polícia Federal apura ainda se os imigrantes eram submetidos a situação degradante em razão das circunstâncias em que estavam alojados e a jornada de trabalho a que eram submetidos. Até o momento, apenas uma pessoa foi presa. A operação ainda está em andamento.

Leia mais:   Mato Grosso registra 195.988 casos e 4.747 óbitos por Covid-19

Nenhuma descrição de foto disponível.

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Vice-presidente do PDT assume coordenação do Procon de Cáceres

Publicado

Assessoria

O advogado Alexandre Quida, 33 anos, filho do ex-procurador do município Ricardo Quida, é novo coordenador do Procon de Cáceres.

Ele é vice-presidente do PDT de Cáceres e atendeu a um convite da prefeita Eliene Liberato Dias (PSB).

‘Agradeço a confiança da prefeita Eliene e do Dr Odenilson pelo convite, para atuarmos à frente deste importante órgão que é o PROCON. Buscaremos sempre equilibrar e harmonizar as relações entre consumidores e fornecedores. Em especial nesse período de pandemia do novo coronavírus, intensificaremos as ações visando fiscalizar eventuais abusos de preços, reforçando esse controle em prol do consumidor, que é a parte mais frágil na relação de consumo. Nosso compromisso é o de fazer um grande trabalho, estaremos sempre à disposição da população’, frisou.

Nascido em Cáceres, Alexandre é advogado e empresário, formado em 2010 pela Unemat, pós-graduado em Direito Processo Civil, Pós-graduando em Direito Eleitoral e Direito Médico e da Saúde, membro da Comissão de Direito Eleitoral da OAB/MT.

Comentários Facebook
Leia mais:   Blairo Maggi e familiares são diagnosticados com covid-19
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana