conecte-se conosco


Brasileirão Série A

Sobis e Ábila têm mais que o dobro de gols que os atacantes do Cruzeiro

Publicado

Com a abertura da janela de transferências internacionais na última segunda-feira, a diretoria do Cruzeiro correu para reforçar o elenco. A prioridade era um centroavante, para solucionar o problema da falta de gols do time. Para isso, um camisa 9 nato, Ramón Ábila, foi anunciado nessa quarta. Um dia depois, outro anúncio: Rafael Sobis também vestirá o azul celeste no segundo semestre. A torcida espera que os dois atacantes sejam a solução dos problemas do ataque celeste. E, pelos menos nos números, eles parecem que vão dar resultado.

 

Em 2016, Ábila fez 26 jogos pelo Huracán, da Argentina,
marcando 16 gols (confira um deles, pela Libertadores), com uma média de 0,6 por jogo. O centroavante argentino
balançou a rede nove vezes no Campeonato Argentino e sete na
Libertadores. Também nesta temporada, Sobis, que não tem característica de
centroavante, marcou sete vezes, uma média de 0,3 por partida. Somados,
os dois tem 23 gols, mais que o dobro do que todo o ataque do
Cruzeiro marcou junto, em toda a temporada. 

LEIA MAIS
>>> Veja “pinturas” e outros lances de Ramón Ábila

Juntos,
Rafael Silva, Riascos, Willian e Douglas Coutinho marcaram 12
gols juntos. Rafael SIlva é o atacante que marcou mais gols, foram seis,
Douglas Coutinho balançou as redes três vezes, Allano duas, e Willian e
Riascos (este último que voltou de empréstimo em maio, do Vasco) fizeram um gol apenas. Nenhum deles é o artilheiro principal no ano do Cruzeiro. O meia Arrascaeta tem sete anotados.

 Comparação de gols 
– Sóbis e Ábila – 23 gols
Willian, Douglas Coutinho, Rafael Silva, Riascos e Allano – 10 gols

Apesar de ter goleado a Ponte Preta por 4 a 0, na última quarta-feira, todos os gols foram marcados por jogadores que não são atacantes de ofício. Contra a Macaca foi um do volante Henrique, outro do meia Alisson e os outros dois de Arrascaeta. 

O Cruzeiro é um dos times que mais finaliza no Campeonato Brasileiro, com 130 chutes, atrás apenas de Palmeiras, Atlético-MG e Fluminense. No entanto, até antes da goleada sobre a Ponte, a Raposa tinha um dos piores ataques da competição. 

Rafael Sobis, comemora gol do Tigres contra o Veracruz (Foto: Agência AFP)Rafael Sobis marcou o mesmo número de gols que o artilheiro do Cruzeiro na temporada (Foto: Agência AFP)
Comentários Facebook

Brasileirão Série A

Em Minas, Cuiabá perde para o líder Atlético-MG e cai invencibilidade

Publicado

A Gazeta

Após 12 jogos sem derrotas fora de casa pelo Campeonato Brasileiro, o Cuiabá perdeu a longa invencibilidade que acumulava na série A para o líder Atlético-MG neste domingo (24), em Belo Horizonte, pela 28ª rodada do Brasileirão. O galo venceu por 2 a 1 e pôs fim a longa série do auriverde sem derrotas longe de casa.

O Dourado continua com 35 pontos, em décimo lugar na tabela de classificação. O Galo, por sua vez, chegou aos 59 tentos e é mais líder do que nunca.

A mil por hora, assim começou o início do jogo entre Cuiabá e Atlético-MG no Mineirão. Logo aos 2 minutos, Nathan Silva, contra, inaugurou o marcador em recuo infeliz para Everton, que viu a bola entrar lentamente no gol. Aos 4, Hulk, dentro da pequena área, deixou tudo igual após jogada ensaiada de escanteio.

O time mineiro conseguiu a virada com Jair, que completou de cabeça para as redes após assistência de Guilherme Arana.

No início da etapa final, Hulk marcou o terceiro para o Atlético, mas o gol foi anulado após a arbitragem pegar um toque de mão do atacante. Daí em diante o Atlético continuou pressionando, mas sempre parando nas defesas seguras do goleiro Walter.

À medida que o relógio foi passando, o Atlético deixou o Cuiabá mais a vontade para trabalhar com a bola e passou a contar com os contra-ataques. O Dourado martelou, porém não conseguiu criar chances claras de gol.

O próximo compromisso do Cuiabá no campeonato brasileiro é contra o Red Bull Bragantino no dia 1º de novembro, na Arena Pantanal, às 19h30 (de MT.

Comentários Facebook
Continue lendo

Brasileirão Série A

Seleção Brasileira encerra preparação para amistoso contra República Tcheca

Publicado

Programa No Mundo da Bola desta segunda-feira (25) também destacou a reta final dos principais campeonatos estaduais do país; ouça na íntegra

O programa No Mundo da Bola desta segunda-feira (25) destacou o amistoso da Seleção Brasileira com a República Tcheca. Waldir Luiz, Márcio Guedes, Bruno Mendes e toda a nossa equipe também analisaram a reta final dos principais campeonatos estaduais do país e as principais notícias do esporte nacional e internacional.

Clique no player e ouça o programa na íntegra:

No Mundo da Bola é transmitido pela Rádio Nacional do Rio de Janeiro, de segunda a sexta-feira, a partir das 17h. Para participar das transmissões, o internauta deve ligar para (21) 2117-6918 ou (21) 2117-6919.

Fale com a equipe de esportes das Rádios EBC pelo e-mail: esporte.radios@ebc.com.br.

Agencia Brasil
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana