conecte-se conosco


Mato Grosso

Setasc doa 400 kg em alimentos, produtos de limpeza e higiene a entidades filantrópicas

Publicado

As entidades filantrópicas Pastoral dos Migrantes e Escola Espírita Irmão Praieiro receberam na sexta-feira (29.11) cerca de 400 quilos de alimentos, produtos de limpeza e higiene pessoal. A inciativa foi realizada pela Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc-MT), em parceria com o Instituto de Pesos e Medidas de Mato Grosso (Ipem-MT).

Na Pastoral dos Migrantes, estão acolhidas 110 pessoas, entre crianças, adultos e idosos, que sobrevivem das doações. Fugindo da crise socioeconômica e política na Venezuela, o casal Leidismar Gonzales e Angel Gonzales, chegou recentemente em Cuiabá e foi amparado pela entidade. Desempregados e com dois filhos para criar, eles viram a necessidade de buscar qualidade de vida e oportunidade de emprego no Brasil.

“Chegamos aqui na Pastoral e fomos muito bem recebidos. Temos muita ajuda com comida e fraldas. Estamos agradecidos pelas doações do Governo do Estado, que vão auxiliar muito com as crianças e com minha bebê que está chegando”, externou Leidismar.

A secretária-executiva da Pastoral, Lorena Sanchez, afirmou ser importante a conscientização dos órgãos públicos e privados em relação às doações voltadas para este público.“Tendo essa conscientização de contribuição do Estado e dos empresários conseguimos nos manter. A nossa despesa é diária, além dos adultos, temos as crianças. Toda ajuda é bem-vinda”, disse.

Leia mais:   Mudança para o novo padrão de placa veicular será gradativa em MT

Outra entidade beneficiada com os produtos doados, foi a Escola Espírita Irmão Praieiro, que faz parte de uma rede de escolas espíritas vinculadas à Associação Espírita Wantuil de Freitas. Atualmente a escola atende cerca de 190 crianças do maternal ao 5º ano. 

“Estamos com a despensa vazia e esses produtos, principalmente, os alimentos, chegaram em boa hora”, pontuou Genilia Godoes, diretora da unidade desde 2004.

A secretária adjunta de Cidadania e Inclusão Socioprodutiva da Setasc, Rosineide Porcionato, falou da atuação da pasta com a doação.

“Estamos sempre atendendo ao pedido da primeira-dama Virgínia Mendes, que tem um olhar sensível para nossas entidades. Poder auxiliar na educação das crianças e na vida dos migrantes é gratificante. Espero voltar em breve para ajudar essa e outras comunidades carentes”, destacou.

Cadastro

A Setasc solicita que as associações, instituições e organizações do terceiro setor (organizações de iniciativa privada, sem fins lucrativos e que prestam serviços de caráter público) que, porventura tenham interesse em ser parceiras da pasta, atualizem seus cadastros.

As entidades devem informar como fazem o atendimento ao público-alvo, o número de pessoas atendidas, cidade, endereço e última visita realizada ao público que atende. Em um segundo momento, caso venha a ocorrer a celebração de convênios, a Setasc solicitará também a situação legal da instituição.

Leia mais:   Mais de 1200 empreendedores acreditam no Programa de Inovação de MT

Como atualizar os dados

Instituições e/ou associações interessadas em atualizar os dados ou fazerem parte deste banco da Setasc devem mandar um e-mail para o endereço: gabinetesac@setasc.mt.gov.br/ colocar no título “Atualização Cadastral – Nome da entidade”.

Outras duas opções: ligar no telefone (65) 3613-4705 ou ainda procurar a Setasc e atualizar pessoalmente. O endereço da Setasc é Rua Júlio Domingos de Campos, nº 100, Centro Político Administrativo (CPA), em Cuiabá.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook

Mato Grosso

Polícia Civil cumpre mandados contra quadrilha de roubos e furtos de veículos de locadoras

Publicado

A Polícia Judiciária Civil, através da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (DERF) de Barra do Garças (509 km a Leste de Cuiabá), com o apoio operacional da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), deflagrou nesta quarta-feira (22.01) a Operação Localiza, que investiga uma associação criminosa responsável por subtrair, mediante fraude, veículos de propriedade de locadoras em todo o estado de Mato Grosso.

Na operação, as equipes da GCCO ficaram responsáveis por três ordens judiciais, expedidas pela comarca de Barra do Garças com base nas investigações da DERF do município, sendo cumpridos um mandado de prisão preventiva e dois de buscas e apreensões domiciliares em Cuiabá.

De acordo com o delegado da DERF Barra do Garças, Nélder Martins Pereira, responsável pelas investigações, somente no mês de julho de 2019 os integrantes da quadrilha roubaram uma pick-up Fiat Strada e um Volkswagen Voyage de uma empresa da cidade de Barra do Garças e, em seguida, fugiram para a capital mato-grossense.

Há também fortes indícios de atuação do grupo criminoso nas cidades de Nova Mutum, Jaciara, Sorriso e até também em Aragarças, estado de Goiás.

Leia mais:   Polícia Civil cumpre mandados contra quadrilha de roubos e furtos de veículos de locadoras

As investigações indicam que a quadrilha, em clara divisão de tarefas, simulava o roubo/furto de um veículo segurado (registrando boletim de ocorrência do sinistro) e acionava a empresa seguradora, solicitando, inclusive, um veículo reserva junto a uma empresa de locação.

“Geralmente, usando documentos pessoais e ‘cheques caução’ falsos, um integrante fazia, sem grandes dificuldades, a retirada/subtração do veículo locado. Dias depois, registravam o boletim de ocorrência de recuperação do veículo segurado e o transferiam a terceiro”, explicou o delegado.

As diligências continuam para localizar e prender outros suspeitos. As investigações prosseguem na DERF de Barra do Garças, sendo os investigados responsabilizados pelos crimes de furto mediante fraude e associação criminosa, sem prejuízo de apuração de outras infrações penais conexas.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Polícia Civil prende homem que agrediu ex-companheira com chave de fenda em Várzea Grande

Publicado

Um homem acusado de agredir a namorada com golpes de chave de fenda teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Judiciária Civil nesta quarta-feira (22.01), em ação da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, Criança e Idoso de Várzea Grande (DEDMCI-VG) com apoio da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cáceres (228 km a Oeste de Cuiabá).

O suspeito conviveu cinco anos com a vítima e já havia a agredido anteriormente, no mês de dezembro de 2019. Assim que saiu da prisão, em janeiro, mesmo ciente das medidas protetivas, rompeu a tornezeleira eletrônica para praticar a nova agressão.

O crime ocorreu no dia 10 de janeiro em uma residência no bairro Parque do Lago, em Várzea Grande. O suspeito, pelo fato de não aceitar o fim do relacionamento, pulou o muro da casa em que a vítima estava e a agrediu com diversos golpes com chave de fenda, ferindo a vítima na barriga,  costas, nuca, tórax e rosto.

Enquanto a agredia, o suspeito xingava, ameaçava de morte e ao mesmo tempo pedia perdão à vítima. Após o crime, o agressor foi embora, porém, voltou a passar em frente à casa, apontado uma arma de fogo e dizendo que iria matar a vítima.

Leia mais:   CGE disponibiliza modelos de memorando de entendimento e proposta de acordo de leniência

Diante da gravidade da situação e para evitar um futuro feminicídio, a delegada Mariel Antonini Dias representou pela prisão preventiva do suspeito, que foi deferida pela Justiça. A ordem judicial foi cumprida nesta quarta-feira (22), na cidade de Cáceres, com apoio da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher do município.

“Para evitar consequências maiores, como um possível feminicídio, a Delegacia da Mulher de Várzea Grande atuou de maneira grave e eficaz, fazendo que o agressor retornasse à prisão”, disse a delegada.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Mais Lidas da Semana