conecte-se conosco


Destaque

Servidores são suspeitos de emperrar trabalhos na Câmara

Publicado

Excesso de burocracia e zelo, aliado ao despreparo de alguns servidores, estariam emperrando os trabalhos legislativos em Cáceres. Faltam, na Câmara, desde o tradicional cafezinho, até produtos essenciais como papel higiênico, desinfetante e água. A licitação para aquisição desses materiais vem se arrastando desde o mês de abril e até agora o processo não foi concluído. Presidente da Casa, o vereador Rubens Macedo, não comenta publicamente. Porém, admite que várias vezes teve que tirar dinheiro do bolso para comprar alguns desses produtos.

Um vereador que não quis se identificar “para não indispor com os servidores” afirmou que o computador do seu gabinete sofreu uma pane. E, mesmo informando no dia seguinte, para que fosse feito os reparos, durou quatro meses para que fosse providenciado o conserto. Alguns meios de comunicação evitam vender para a Câmara. O processo para aquisição de assinaturas de jornais, por exemplo, duram em média até sete meses. A contratação de uma agência para divulgação das ações da Casa se arrasta há vários meses, sem que até o momento aja uma definição.

Leia mais:   Júnior Trindade deve assumir Águas do Pantanal em substituição a Paulo Donizete

A situação divide os próprios servidores. Um chefe de sessão, que também se manifestou, sob anonimato, revelou que há suspeita de haver um suposto combinado de revezamento de falta no trabalho, em alguns setores. Revelou que, na última semana do mês de agosto, o setor de compras, um dos mais importantes da Câmara, ficou fechado todos os dias, porque cada dia foi um servidor que faltou, por determinado motivo. Com isso, atrasando ainda mais o andamento dos trabalhos.

Alguns vereadores acreditam que os servidores que, supostamente, “emperram” o andamento dos trabalhos estariam se valendo do fato de serem concursados para dificultar o andamento dos trabalhos. “Aparentemente seja o fato de serem concursados. Porque, curiosamente, não temos nenhum problema com os servidores contratados” disse um vereador.

Cauteloso, o presidente da Câmara, evita comentar e até minimiza a situação. Embora afirme que já tirou dinheiro do bolso para comprar alguns materiais, Macedo diz que não acredita que esteja havendo complô ou uma ação orquestrada para comprometer a administração, como já se comentou. “Não há nada de maior gravidade. Existe algum setor, que por algum motivo, não está funcionando a contento. Mas, não creio que esteja havendo complô ou ação orquestrada. Vamos conversar e resolver as coisas da melhor forma possível” garantiu.

Leia mais:   Projeto de Thiago Silva proíbe nomeação de condenados por racismo no serviço público estadual

Editoria – Sinézio Alcântara

Comentários Facebook

Destaque

Dona de casa de Pontes e Lacerda morre por coronavirus no Hospital São Luiz

Publicado

Um novo óbito por coronavirus foi confirmado, na noite desta quarta-feira (3/6) no Hospital São Luiz, em Cáceres. A dona de casa Maria Wanderleia Massavi, 52 anos, moradora de Pontes e Lacerda, faleceu por volta das 19h30.

Ela foi transferida para Cáceres há 10 dias, depois de iniciar o tratamento em Pontes e Lacerda.  Wanderlei deixa esposo e três filhas. O corpo, de acordo com familiares, será trasladado para o município da vítima, nas próximas horas.

Foi o segundo quadro de complicação fatal no hospital, em apenas, um dia. Primeiro foi o do professor da Unemat, Adriano Silva. O ex-reitor foi internado na segunda-feira. O quadro clínico se agravou, teve problema pulmonar, foi entubado, levado as pressas para Cuiabá, faleceu no início da noite.

De acordo com Boletim Médico expedido pelo hospital, às 16h30 antes nas mortes, havia internados na unidade cinco pacientes. Sendo dois confirmados e três suspeito com a Covid-19. Três pacientes estavam na enfermaria e dois internados na UTI.

De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde – SES existem em Cáceres, 34 casos confirmados do novo coronavirus e 43 suspeitos. E, ainda 229 casos descartados da doença. Foram computados para o município três óbitos.

Leia mais:   Deputado Thiago cobra mais leitos de UTI para os municípios-polo no interior

Sinézio Alcântara – Expressão Notícias

Comentários Facebook
Continue lendo

Destaque

Presidente da Fapemat, Adriano Silva, morre de covid-19

Publicado

Após parada cardiorrespiratória, o presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso, Adriano Silva, morreu na noite desta quarta-feira (3), em Cuiabá. Ele foi transferido de Cáceres, onde estava internado, para a clínica Femina na capital.

Professor do curso de Direito da Unemat, ele foi reitor da instituição. Adriano contou em uma rede social no dia 1º que passou mal e procurou um médico que o recomentou a internação.

Os sintomas eram da covid-19. Nesta quarta-feira, Adriano teve complicações pulmonares, foi entubado e transferido para Cuiabá, já que em Cáceres não tinha UTI para o caso do professor.

Por volta das 20h47, o governo de Mato Grosso confirmou a morte do presidente da Fapemat. A nota diz que no domingo (31), ele sentiu os sintomas da covid-19.  Foi internado em um hospital particular de Cáceres na segunda-feira. Ele estava internado em um leito de UTI na unidade.

“Nesta quarta-feira, teve uma parada cardíaca, ainda em Cáceres, quando foi estabilizado. A pedido da família foi transferido para uma unidade hospitalar da rede particular em Cuiabá, no final da tarde desta quarta-feira. Durante a transferência, em UTI aérea, sofreu duas paradas cardíacas. Ele não resistiu e morreu no início desta noite. O presidente fez o exame de Covid-19, cujo resultado ainda não saiu”. diz o governo.

Leia mais:   Proposta que prevê proteção ao cidadão, comércio e indústria é aprovada pela ALMT

O governador Mauro Mendes e a primeira-dama Virginia Mendes lamentam profundamente o falecimento do amigo e gestor e prestam condolências aos familiares. Suplente de deputado federal, Adriano estava filiado ao DEM.

pablo@gazetadigital.com.br

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana