conecte-se conosco


Policial

Senasp cria manual de recomendações para profissionais de segurança

Publicado

Assessoria | Polícia Civil-MT

O ministério da Justiça e Segurança Pública, através da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), publicou o Manual de Ações para Ocorrências de Atendimento em Casos Suspeitos de Covid-19. O documento visa passar recomendações sobre a atuação dos profissionais de segurança diante de ocorrências em que haja suspeita do novo coronavírus.

O material desenvolvido pela Senasp tem o objetivo de padronizar e estabelecer diretrizes a todas as Unidades da Federação neste momento de pandemia e busca com a medida facilitar o acesso dos profissionais de Segurança Pública às orientações quanto à abordagem e utilização de Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s)

O direcionamento às instituições de Segurança Pública tem como base procedimentos estabelecidos pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e pela Agência Nacional de Vigilãncia Sanitária (Anvisa). O manual também foi desenvolvido com a consultoria de profissionais da saúde e do Corpo de Bombeiros Militar.

Entre as recomendações previstas estão orientações gerais de biossegurança e etiquetas de higiene que devem ser observadas; cuidado com as informações da Internet; orientações às equipes das unidades de atendimento pré-hospitalar móvel – autocuidado e cuidados com os pacientes; procedimentos policiais no atendimento de pessoas com sintomas de Covid-19; Procedimentos policiais ao receber acionamento para atuar em descumprimento de medida sanitária preventiva; Abordagem, prisão/condução de pessoas durante período de grande propagação do vírus; e erros a serem evitados.

Leia mais:   Traficante de Castanheira é preso pela Polícia Civil em Comodoro

O manual traz ainda respostas das dúvidas mais frequentes na atuação dos profissionais de Segurança Pública.

Confira aqui o Manual de Ações para Ocorrências de Atendimento em Casos Suspeitos de Covid-19.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook

Policial

Polícia Civil cumpre três mandados contra mulher suspeita de atuar com tráfico de drogas na Capital

Publicado

Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil, através da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), cumpriu três ordens judiciais contra uma mulher conhecida pela atuação com o tráfico de entorpecentes e organização criminosa na Capital.

Os mandados, sendo duas ordens de prisão e uma de busca e apreensão domiciliar, foram expedidos pela 9ª Vara Criminal de Cuiabá com base em investigações feitas pela equipe da DRE após recebimentos de denúncias anônimas.

Após monitoramento do local, os policiais realizaram a abordagem da suspeita, no momento em que ela saia de sua residência, no bairro Santa Isabel, em Cuiabá. Em buscas na casa, não foi encontrado nenhum material ilícito porém havia várias inscrições na parede fazendo apologia a uma facção criminosa.

Além das buscas, os policiais cumpriram os dois mandados de prisão contra a traficante que foi conduzida a DRE para as providências de praxe.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Leia mais:   Polícia Civil cumpre seis mandados em operação de combate ao tráfico de drogas em Juína
Continue lendo

Policial

Polícia Civil cumpre prisão de mulher por latrocínio ocorrido em 2012 em Várzea Grande

Publicado

Assessoria/Polícia Civil-MT

A autora de um latrocínio ocorrido no ano de 2012 em Várzea Grande teve o mandado de prisão cumprido, pela Polícia Civil nesta terça-feira (02.06), através da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP). Considerada foragida, a suspeita estava com sentença condenatória expedida pelo Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJ/MT).

Após receberem informações sobre o possível paradeiro da procurada, os policiais da DHPP com apoio do Núcleo de Inteligência da unidade foram até o endereço indicado, uma empresa na região da Avenida Fernando Corrêa, na Capital.

Em checagem no sistema, foi constatado o mandado de prisão preventiva em aberto decorrente de sentença condenatória pelo latrocínio que vitimou um eletricista na região conhecida como “Zero”, em Várzea Grande.

Depois de ter a ordem de prisão cumprida, a suspeita foi conduzida a DHPP, posteriormente encaminhada para realização do exame de corpo de delito e em seguida para o Presídio Maria Couto, onde ficará a disposição da justiça.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Leia mais:   Polícia Civil prende traficante com animal silvestre e mais de R$ 3,3 mil em dinheiro na Capital
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana