conecte-se conosco


Mato Grosso

Sema resgata 12 tartarugas nas Regiões do Araguaia e do Xingu; 8 pessoas foram presas

Publicado

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT), em parceria com a Diretoria de Unidade Desconcentrada de Confresa, ONG aliança da Terra e Polícia Militar, resgatou 12 tartarugas durante operação de 10 dias, realizada no fim de julho, que  abrangeu 13 municípios de Mato Grosso. A ação envolveu áreas de preservação permanente e do Parque Estadual do Xingu.

As tartarugas foram devolvidas ao seu habitat natural. Também foram apreendidos 110 quilos de peixes das espécies matrinchã, pacu, ferrada, piau, sardinha e pirarucu, carnes de caça e apetrechos proibidos de pesca como redes, espinhéis, arpão e bóias.

A operação ocorreu nos seguintes municípios: Bom Jesus do Araguaia, Serra Nova, Novo Santo Antônio, São Félix do Araguaia, Luciara, Santa Teresinha, Vila Rica, Confresa, Porto Alegre do Norte, Cana brava do Norte, Alto Boa Vista, Santa Cruz do Xingu e São José do Xingu.

Além das ações contra a pesca predatória, os fiscais atuaram também contra as queimadas florestais, ao se depararem com um foco de incêndio de grande porte em Jacaré Valente, Distrito de Confresa, atingindo cerca de 60 hectares de mata.

Leia mais:   Gefron prende quatro pessoas e apreende 56 quilos de drogas no fim de semana

Ao final da operação oito pessoas foram conduzidas para delegacia e os peixes apreendidos foram doados para o Hospital de São Félix do Araguaia.

Denúncias

O cidadão pode denunciar a pesca depredatória e outros crimes ambientais à Ouvidoria Setorial da Sema: 0800-65-3838 ou via WhatsApp no (65) 99281-4144. Outros telefones para informações e denúncias: (65) 3613-7394 (Setor Pesca), nas unidades regionais da Sema ou aplicativo MT Cidadão.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook

Mato Grosso

“O Governo subiu o preço do plantão, mas há grande dificuldade para contratar”, relata governador

Publicado

O governador Mauro Mendes afirmou que o Estado de Mato Grosso está tendo grandes dificuldades em contratar profissionais de saúde para atuar no enfrentamento à covid-19, apesar de todos os esforços de chamamento.

A declaração foi dada nesta quinta-feira (09.07), durante entrevista ao apresentador José Luiz Datena, na rádio Bandeirantes.

De acordo com o governador, esse é atualmente um dos maiores empecilhos para colocar novas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) em funcionamento, uma vez que é necessária uma equipe considerável de profissionais de saúde capacitados para gerir as unidades.

“O nosso grande problema é a contratação de profissionais. O Governo está pagando mais caro, elevamos o preço, o salário, o plantão médico. Subimos e está em R$ 1.800 por 12 horas de trabalho de um médico, assim como subimos de outros profissionais que compõem as UTIs, para atender a população, que é o mínimo que a gente pode fazer”, explicou.

Ainda na entrevista, Mauro Mendes reforçou a orientação para que a população, ao sentir os primeiros sintomas de coronavírus (como tosse seca, febre e falta de ar), procure imediatamente um médico para que a situação não se agrave. O Governo do Estado está adquirindo grande quantidade de medicamentos para distribuir às prefeituras, de forma a estarem disponíveis para os pacientes na atenção básica.

Leia mais:   Apoio das forças de segurança na dispersão de aglomerações é legal e necessário; entenda

“O tratamento precoce é uma medida eficaz. Teve sintomas, não fique em casa. Procure um médico, tome o medicamento no início e isso está salvando milhares de vidas e pode salvar a vida de muita gente”, ressaltou.

Esforço para contratação

No momento, há um edital aberto para a contratação de médicos, enfermeiros, psicólogos, fisioterapeutas, assistentes sociais, técnicos de enfermagem, técnicos de laboratório e maqueiros, para atender a demanda nos Hospitais Regionais de Alta Floresta, Cáceres, Colíder, Rondonópolis, Hospital Metropolitano e Hospital Estadual Santa Casa.

Além disso, outro edital foi aberto nesta semana visando a contratação de 24 médicos para atuar no Centro de Triagem e Diagnóstico da Covid-19, em Cuiabá, que começará a atender nos próximos dias. As inscrições podem ser feitas por meio do link: cadastro.mt.gov.br

O Governo do Estado também vai enviar ainda nesta quinta-feira um projeto de lei à Assembleia propondo que os profissionais contratados da Saúde que porventura contraiam a covid-19, possam continuar a serem pagos enquanto estão em período de recuperação, de forma a não ficarem desassistidos. 

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Policiais Militares atuam na sanitização das unidades da PM no combate ao coronavírus

Publicado

Para evitar a proliferação do novo coronavírus, a Polícia Militar de Mato Grosso está capacitando os policiais para atuarem na sanitização e desinfecção das unidades da corporação. Neste primeiro momento, seis militares do Comando Geral da PM aprendem os procedimentos sanitários com policiais da unidade especializada que receberam a qualificação após instruções recebidas do Corpo de Bombeiros Militar.

Além de multiplicar conhecimento no combate a pandemia em se tratando da higienização dos espaços, o Comando Especializado da Polícia Militar entregou nesta semana  kits de desinfecção e equipamentos de proteção individual para todas as unidades especializadas da PM como Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA), Batalhão de Operações Policiais Especiais(Bope) Batalhão de Trânsito Urbano e Rodoviário e Regimento de Policiamento Montado- Cavalaria.

O comandante das unidades de policiamento especializado da PM, coronel Carlos Eduardo Pinheiro destaca que a união dos policiais em combater o coronavírus. “Desde quando começou a pandemia aqui no comando especializado adotamos todas as medidas preventivas que estavam ao nosso alcance, fizemos aquisições de luvas e máscaras para todas as nossas unidades operacionais, distribuímos termômetros infravermelho para todas unidades e por fim os kits de sanitização. Solicitamos ao Corpo de Bombeiros Militar a capacitação de um policial militar de cada unidade especializada para manusear e realizar a sanitização dos quartéis e viaturas”, explica coronel Pinheiro.

Leia mais:   Apoio das forças de segurança na dispersão de aglomerações é legal e necessário; entenda

O comandante da ajudância geral da sede da PM, tenente coronel Rodrigo Eduardo Costa conta que a capacitação dos policiais para higienizar os espaços e viaturas da sede da PM começou com dois policiais, mas a expectativa é preparar mais militares para atuarem nesta linha de frente no combate a Covid-19.

Tenente-coronel Eduardo ressalta a importância da união na instituição neste momento difícil para todos. “Com todos unidos podemos combater essa doença que assola tantas famílias. Queremos agradecer o Comando Especializado da PM por nos ajudar nesta missão de manter a higienização dos espaços da PM, isso é um trabalho preventivo que salva muitas vidas”, explica.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana