conecte-se conosco


Mato Grosso

Seduc certifica mais de 400 alunos do Projeto Muxirum em Rosário Oeste

Publicado

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) entregou, nesta segunda-feira (10.06), 459 certificados aos alunos do projeto Muxirum da Alfabetização do município de Rosário Oeste (a 128 quilômetros de Cuiabá), que concluíram o curso nos anos de 2017 e 2018.

Durante a cerimônia, realizada no Cinema municipal de Rosário, foram entregues os certificados a 15 alunos. Como os demais são idosos e moram em localidades rurais e têm dificuldades de se locomover até o centro da cidade, os certificados foram entregues em suas próprias localidades.

A secretária de Estado de Educação, Marioneide Kliemaschewsk, informou que o Muxirum já alfabetizou em todo o Estado 10.165 pessoas em 31 municípios. O projeto é realizado nos municípios em parcerias com as Prefeituras, por meio das Secretarias Municipais de Educação.

“A educação transforma vidas e vai transformar a vida dessas pessoas que passaram pelo Muxirum. Projeto que tem como característica alfabetizar e oportunizar àqueles que não tiveram acesso à educação no período certo”.

Durante o evento, também foram entregues kits alfabetizandos para os alunos que se matricularam nas turmas de 2019. Cada kit é composto de caderno, lápis, borracha e caneta. Ao todo, estão matriculados nas turmas de 2019, no município de Rosário, 125 novos alunos, que serão atendidos por 16 professores alfabetizadores.

“Eu fico extremamente feliz ao ver que aqui no município 125 alunos já estão inscritos este ano. Se em cada município participante tiver inscritas 125 pessoas, imagina quantas vamos tirar da situação de exclusão do conhecimento?”, observou a secretária.

Leia mais:   Projeto utiliza cães na reabilitação de crianças com autismo e paralisia cerebral

Conforme ressaltou o prefeito de Rosário Oeste, João Antônio Albino, o conhecimento é capaz de diferenciar as pessoas na multidão, faz crescer e aumenta a autoestima de qualquer um. “Poder participar dessa etapa importante na vida de vocês e o início de muitas outras que se virão, é momento de muita alegria para mim”.

O prefeito destacou ainda que sempre que participa de eventos como o do Muxirum se lembra de seu avô. “Ele costumava me dizer que não tinha inveja de quem tinha uma casa ou um carro bom, mas sim de quem tinha estudo e condições de ler e escrever, oportunidade que ele não teve. Tenho certeza que se ele estivesse vivo estaria aqui, participando dessa simbólica formatura”, disse.

Dona Isabel Nonato Ferreira, 77 anos, estava emocionada com o seu certificado. “Nunca fui pra escola, não sabia escrever nem meu nome direito. Agora sei escrever e ler muita coisa e ainda tenho como comprovar que estudei”, disse.

Para a dona de casa Edalina Campos, 41 anos, o Muxirum lhe abriu as portas para que pudesse sonhar alto. “Sempre me senti mal por não conseguir ajudar meus filhos com as tarefas da escola, pois não sabia ler. Hoje me sinto outra pessoa e não quero mais parar de estudar”, disse Edalina, acrescentando que pretende se matricular numa turma de educação de jovens e adultos para cursar o ensino fundamental e o médio.

Leia mais:   Professores e alunos participam de videoconferência em inglês sobre astronomia

A professora Fabiane Lemes, uma das alfabetizadoras do Muxirum em Rosário Oeste, disse que se emocionava junto com os alunos toda vez que algum deles aprendia a escrever o nome. “É uma sensação maravilhosa participar desse momento e ver cada evolução deles”.

Também participaram do evento a secretária municipal de Educação de Rosário Oeste, Jane Tabarico, a assessora pedagógica do município, Gisele Lara Silva, a coordenadora local do Muxirum, Kely, o coordenador do Muxirum na Seduc, Manoel Satiro, e a formadora do projeto Nilseia Maldonado.

Atendimento e Investimentos

Para 2019, a previsão é atender em Mato Grosso 2.968 pessoas em 14 municípios, com 231 turmas e 231 alfabetizadores. Para tanto, serão investidos R$ 1,5 milhão.

Os municípios atendidos serão Acorizal, Barão de Melgaço, Jangada, Poconé, Nossa Senhora do Livramento, Alto Paraguai, Rosário Oeste, Cáceres, Figueirópolis D’Oeste, Jauru, Lambari D’Oeste, Curvelândia, Araputanga e Mirassol D’Oeste.

Um diferencial do projeto é que os responsáveis pelo curso desenvolvem uma etapa considerada essencial, que é o trabalho de acompanhamento, visitando as turmas in loco. O horário do curso é flexível, pois o alfabetizador e o alfabetizando definem o melhor período para o estudo.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook

Mato Grosso

Sema resgata 12 tartarugas nas Regiões do Araguaia e do Xingu; 8 pessoas foram presas

Publicado

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT), em parceria com a Diretoria de Unidade Desconcentrada de Confresa, ONG aliança da Terra e Polícia Militar, resgatou 12 tartarugas durante operação de 10 dias, realizada no fim de julho, que  abrangeu 13 municípios de Mato Grosso. A ação envolveu áreas de preservação permanente e do Parque Estadual do Xingu.

As tartarugas foram devolvidas ao seu habitat natural. Também foram apreendidos 110 quilos de peixes das espécies matrinchã, pacu, ferrada, piau, sardinha e pirarucu, carnes de caça e apetrechos proibidos de pesca como redes, espinhéis, arpão e bóias.

A operação ocorreu nos seguintes municípios: Bom Jesus do Araguaia, Serra Nova, Novo Santo Antônio, São Félix do Araguaia, Luciara, Santa Teresinha, Vila Rica, Confresa, Porto Alegre do Norte, Cana brava do Norte, Alto Boa Vista, Santa Cruz do Xingu e São José do Xingu.

Além das ações contra a pesca predatória, os fiscais atuaram também contra as queimadas florestais, ao se depararem com um foco de incêndio de grande porte em Jacaré Valente, Distrito de Confresa, atingindo cerca de 60 hectares de mata.

Leia mais:   Comando Geral celebra aniversário do Corpo de Bombeiros Militar nesta segunda (19)

Ao final da operação oito pessoas foram conduzidas para delegacia e os peixes apreendidos foram doados para o Hospital de São Félix do Araguaia.

Denúncias

O cidadão pode denunciar a pesca depredatória e outros crimes ambientais à Ouvidoria Setorial da Sema: 0800-65-3838 ou via WhatsApp no (65) 99281-4144. Outros telefones para informações e denúncias: (65) 3613-7394 (Setor Pesca), nas unidades regionais da Sema ou aplicativo MT Cidadão.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Curso de Técnicas de Controle da Rotam termina nesta segunda-feira (19)

Publicado

Depois de 27 dias, encerra nesta segunda-feira (19.08), às 9 horas, no auditório Comando Geral da Polícia Militar, o 2º Curso de Técnicas de Controle e Submissão, promovido pela Ronda Ostensiva Tático Metropolitana (Rotam). Os 17 alunos do aprimoramento receberam instruções de alternativas do uso da força, através de métodos de artes marciais adaptados para a atividade policial.

O objetivo do curso foi preparar os agentes públicos para situações críticas de manutenção da ordem, onde é necessário o emprego de técnicas, táticas e meios diferenciados de uso da força. Além de proporcionar aos alunos, maior capacidade técnica de resolução de conflitos, dentro dos princípios da legalidade, proporcionalidade, moderação e conveniência, resguardando os direitos e garantias fundamentais dos cidadãos. 

Participaram do curso policiais da Rotam, do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), Cavalaria, Força Tática do 1º CR, militares do 24º Batalhão,  Grupo Especial de Fronteira (Gefron), agentes penitenciários e investigadores da Polícia Judiciária Civil.

Na grade curricular, por exemplo, foram destacadas noções sobre Direitos Humanos; Legislação sobre o uso da força; História das algemas; Física aplicada à técnica policial; Sobrevivência policial; Defesa pessoal; Instrumentos de menor potencial ofensivo; Fundamentos de técnicas de solo e procedimentos de algemação tática, entre outros.

Leia mais:   Polícia Militar lamenta morte de sargento vítima de acidente doméstico

Serviço

Encerramento do 2º Curso de Técnicas de Controle e Submissão

Data e hora: segunda-feira (19.08), às 9h

Local: Auditório do Comando Geral da Polícia Militar

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Mais Lidas da Semana