conecte-se conosco


Destaque

Rondonópolis Hawks se prepara para enfrentar o Tangará Taurus

Publicado

Após perder para o Cuiabá Arsenal, por 60 a 13 no sábado passado (7), no Mini estádio ProSol, no Bairro Dom Aquino, na Capital do Estado, o Rondonópolis Hawks foca na preparação para a terceira partida pelo Campeonato Mato-grossense de Futebol Americano. No próximo sábado (14), a equipe rondonopolitana encara o Tangará Taurus, às 18h, no Estádio Luthero Lopes, em Rondonópolis.

De acordo com o presidente e jogador da posição de quaterback do Hawks, Matheus Barozzi, a equipe tem esperança de apresentar um desempenho melhor diante do time de Tangará da Serra, se comparado com o jogo do último sábado.

Apesar da derrota para o Cuiabá Arsenal, Barozzi comentou que a performance da equipe rondonopolitana evoluiu em vista do que o Hawks mostrou na derrota para o Sinop Coyotes, por 33 a 0, no dia 16 de abril, no Luthero Lopes. “Na partida contra o Cuiabá Arsenal a equipe teve uma intensidade de jogo maior e procuramos levar 28 atletas que realmente estavam preparados para encarar esse desafio”, disse o presidente.

Leia mais:   Programa “Estácio Tá Pago” beneficiará 15 mil novos estudantes oferecendo condições especiais

Para se preparar para o jogo contra o Tangará Taurus, o Rondonópolis Hawks treinará amanhã (11), a partir das 21h, e na quinta-feira (12), a partir das 18h, no campo de futebol do Bairro Coophalis. Os ingressos para o embate no próximo sábado custam R$ 10, a inteira, e R$ 5, a meia. Mais informações com Matheus Barozzi, pelo telefone (66) 9686-6268.

Fonte: Jornal Atribuna/MT

Comentários Facebook

Destaque

Secretário diz que doses de vacinas recebidas pelo estado são insuficientes para atingir meta: ‘O problema não é vacinar, é ter vacinas’

Publicado

G1 MT

O secretário de Saúde de Mato Grosso, Gilberto Figueiredo, afirmou que as doses que o estado recebeu até agora são insuficientes para atingir a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde.

O plano inicial estima vacinar 25% da população de Mato Grosso até o fim da campanha.

Segundo a Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT), até agora, o estado recebeu 167,6 mil doses da CoronaVac e 45 mil AstraZeneca/Oxford para a imunização dos grupos da primeira fase da Campanha de Vacinação contra a Covid-19.

O número total de vacinados até agora no estado representa pouco mais de 2% da população mato-grossense, que é de 3,5 milhões de pessoas.

“O problema não é vacinar, é ter vacinas. Nenhum estado está satisfeito com o fluxo de doses encaminhadas é tão pouco com o percentual de cobertura da população”, disse o secretário.

Segundo Gilberto, o estado tem 800 salas de imunização. O governo está fazendo uma análise para verificar se outros estados estão recebendo proporções maiores de doses em comparação com Mato Grosso.

Nessa terça-feira (23), o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu autorizar estados e municípios a comprar e a distribuir vacinas contra a Covid-19. A permissão valerá caso o governo federal não cumpra o Plano Nacional de Imunização ou caso as doses previstas no documento sejam insuficientes.

“A partir do momento em que o Ministério da Saúde assegurar que haverá doses suficientes para atingir 50% do público estabelecidos, Mato Grosso vai cumprir essa meta. Estamos fazendo um esforço para que o estado faça a aquisição adicional ao plano nacional, porque se depender só desse plano não vamos ter uma cobertura superior ”, afirmou.

De acordo com o secretário, o governo estuda a possibilidade de comprar vacinas adicionais por conta própria.

“Com essas aprovações do STF cria-se um cenário mais positivo. Nós continuamos empenhados para que, dentro da legislação, possamos fazer a aquisição de mais doses”, disse.

Ainda nesta semana, o estado deve receber 11,8 mil doses da vacina Coronavac que serão utilizadas como primeira e segunda aplicação. A secretaria afirma que ainda não tem previsão da data da chegada dessas doses da Coronavac.

Leia mais:   Governador prorroga novamente o vencimento do IPVA em Mato Grosso; confira as datas

Com a vacinação restrita desde a semana passada por causa da falta de vacinas, a Secretaria de Saúde de Cuiabá disse que vai retomar a vacinação dos grupos prioritários que estava comprometida. No entanto, vai depender da quantidade recebida, já que são pouco mais de 32 mil doses para ser distribuídas entre os 141 municípios.

Casos de Covid-19

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta quarta-feira (24), 246.469 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 5.716 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (52.822), Rondonópolis (18.741), Várzea Grande (15.622), Sinop (12.667), Sorriso (10.225), Tangará da Serra (9.903), Lucas do Rio Verde (9.256), Primavera do Leste (7.290), Cáceres (5.485) e Nova Mutum (5.037).

Comentários Facebook
Continue lendo

Destaque

Novas doses de vacina contra Covid-19 devem ser distribuídas aos municípios a partir de 2ª em MT, diz SES

Publicado

G1 MT

A nova remessa com mais de 32 mil doses de vacinas contra o coronavírus (Covid-19), que Mato Grosso recebeu entre quarta (24) e quinta-feira (25), deverá ser encaminhada aos municípios a partir de segunda-feira (1º).

A informação é da Secretaria Estadual de Saúde de Mato Grosso (SES-MT).

O tempo é necessário para que os as equipes da Vigilância Estadual trabalharem no recebimento das doses, na conferência da quantidade, na catalogação dos imunizantes e no encaixotamento para distribuição e retirada dos municípios.

A nova remessa da vacina CoronaVac chegará em Mato Grosso às 10h desta quinta-feira no Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, por um voo da Azul.

De acordo com o Ministério da Saúde, a previsão é de que cheguem 11,8 mil doses para a imunização dos grupos da primeira fase da Campanha de Vacinação contra a Covid-19.

Na manhã desta quarta-feira, o estado também recebeu 21 mil doses da vacina AstraZeneca. Até o momento, já foram recebidas 212.760 mil doses de imunizantes contra a Covid-19 em Mato Grosso.

Campanha

O secretário de Saúde de Mato Grosso, Gilberto Figueiredo, afirmou que as doses que o estado recebeu até agora são insuficientes para atingir a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde.

O plano inicial estima vacinar 25% da população de Mato Grosso até o fim da campanha. O número total de vacinados até agora no estado representa pouco mais de 2% da população mato-grossense, que é de 3,5 milhões de pessoas.

“O problema não é vacinar, é ter vacinas. Nenhum estado está satisfeito com o fluxo de doses encaminhadas é tão pouco com o percentual de cobertura da população”, disse o secretário.

Segundo Gilberto, o estado tem 800 salas de imunização. O governo está fazendo uma análise para verificar se outros estados estão recebendo proporções maiores de doses em comparação com Mato Grosso.

Leia mais:   Programa “Estácio Tá Pago” beneficiará 15 mil novos estudantes oferecendo condições especiais

Casos de Covid-19

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde desta quarta-feira (24), 246.469 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 5.716 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (52.822), Rondonópolis (18.741), Várzea Grande (15.622), Sinop (12.667), Sorriso (10.225), Tangará da Serra (9.903), Lucas do Rio Verde (9.256), Primavera do Leste (7.290), Cáceres (5.485) e Nova Mutum (5.037).

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana