conecte-se conosco


Mato Grosso

Reeducandos de Lucas do Rio Verde farão manutenção de viaturas e carros oficiais

Publicado

Um termo de cooperação permitirá que reeducandos façam a manutenção de viaturas das forças de segurança e dos órgãos da Prefeitura de Lucas do Rio Verde (334 km ao Norte de Cuiabá). O documento foi assinado pelo secretário de Estado de Segurança, Alexandre Bustamante, e o prefeito, Flori Luiz Binotti. A formalização da parceria ocorreu nesta quinta-feira (18.10), durante a inauguração da ala dos trabalhadores e alojamento dos servidores do Centro de Detenção Provisória (CDP) de Lucas do Rio Verde.

Em seguida, o titular da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) foi recebido no gabinete do chefe do Executivo Municipal. Binotti ressaltou a sinergia dos órgãos públicos em prol da segurança. “As forças policiais locais são cobradas pela sociedade, mas também muito respeitadas, pelo trabalho dedicado que prestam na nossa cidade”, frisou. Ele agradeceu o empenho dos profissionais que compõem a Polícia Militar (PM-MT), Polícia Judiciária Civil (PJC-MT) e Corpo de Bombeiros Militar (CBM-MT) e ressaltou que podem contar com o apoio da Prefeitura.

Leia mais:   Parceria entre Estado e produtores levará primeira etapa de pavimentação a Gaúcha do Norte

Alexandre Bustamante destacou que este reconhecimento é importante, porque os policiais trabalham no limite. “Limite de tempo, do convívio com a família, de risco de morte, com recursos também finitos, porque o Estado está comprometido financeiramente. Por isso, estamos tentando melhorar a tecnologia, com projetos de ampliação de videomonitoramento, por exemplo, que aperfeiçoam muito os processos com economia de recursos públicos”.

Com relação ao termo de cooperação firmado, o secretário de Estado de Segurança Pública frisou que a iniciativa viabilizará a capacitação dos reeducandos como mecânicos, visando tanto à profissionalização da mão de obra quanto à redução de gastos públicos. “Conseguiremos reduzir o valor da manutenção dos veículos, garantindo a eficiência econômica e, ao mesmo tempo, vamos fortalecer a política de ressocialização que reflete na redução da violência, uma vez que dando oportunidade de trabalho evitamos que haja reincidência no sistema penitenciário”.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook

Mato Grosso

Criança recém-nascida é salva após orientações dadas por bombeiro militar

Publicado

O Corpo de Bombeiros Militar em Juína (14ª CIBM), a 740 km de Cuiabá, recebeu o chamado de uma mãe desesperada informando que seu bebê estava engasgado. A equipe foi acionada na noite de quarta-feira (27/05). Pelo telefone, o 3º Sgt BM Fausto realizou rapidamente o atendimento, passando para a mãe todos os procedimentos a serem realizados. Graças às instruções, o bebê de apenas um mês de vida foi salvo.

Após terem sido passados os procedimentos que seguem protocolo de atendimento, o bebê expeliu o que estava preso em suas vias aéreas. Uma guarnição também se deslocou até a residência para avaliar a situação da criança e levá-la, juntamente com os pais, para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Os pais não souberam dizer ao certo qual o motivo do engasgamento, no entanto, a suspeita é de que a bebê tenha se engasgado com a própria saliva. Vale ressaltar que é comum as crianças nascidas a pouco tempo se engasgarem com a própria saliva ou até mesmo com o leite materno.

“Quando ele chorou ficamos aliviados, pois foi um sinal de que o procedimento foi bem-sucedido. Em seguida, acalmamos a mãe também”, disse o Sgt BM Fausto.

Leia mais:   Soldado da PM ajuda criança, sensibiliza pessoas nas redes sociais e arrecada donativos

O bebê foi encaminhado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Juína. O Corpo de Bombeiros Militar orienta que em situações de emergência, o contato via 193 deve ser realizado imediatamente.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Premiados têm até segunda-feira para regularizar cadastros

Publicado

Os sorteados no Programa Nota MT que ainda não receberam seus prêmios por alguma irregularidade têm prazo até segunda-feira, dia 1º de junho, para fazer os ajustes.  De acordo com a lei que criou o programa, o prazo para regularização e entrega dos prêmios expira em 90 dias

Ao todo a coordenação do programa detectou que 77 sorteados estão com dados bancários incorretos. Para que não percam a chance de receber, a Sefaz enviou e-mails e tentou ligar para os contribuintes que estão nessa situação.

Essa prorrogação de prazo foi feita pela Sefaz, juntamente com algumas no decreto 139, do dia 14 de junho de 2019, que instituiu o Programa Nota MT. As alterações estão contidas no decreto Nº 471/20, publicado na edição extra do Diário Oficial do Estado que circulou no dia 05 de maio de 2020.

Uma das alterações é justamente a chance de que os participantes premiados nos sorteios de julho a dezembro de 2019 (já vencidos), possam receber o prêmio.

Leia mais:   Unemat fará debate online sobre a Importância do Isolamento Social no dia 27

Segundo José Humberto Holanda, coordenador do Programa Nota MT, as medidas previstas no Decreto 471, que alteram o regulamento do Nota MT, visam melhorias para todos, aprimoram o programa e beneficiam os usuários. “Esses ajustes são necessários e comprovam o nosso compromisso com a lisura e a evolução do Programa Nota MT”, aponta José Humberto Holanda.

Ainda de acordo com José Humberto, muitos participantes não informam os dados cadastrais corretamente, e finalizam o cadastro sem informação da conta bancária.  “Quem deixou de colocar a conta bancária ou não apresentou Certidão Negativa de Débito com o Fisco estadual, não terá a oportunidade de receber, conforme prevê o decreto nª139/2019”, explica o coordenador do Nota MT.

Após a primeira tentativa de pagamento, se ocorrer algum erro, o sistema identifica o problema, e notifica o ganhador pelo e-mail cadastrado, pelo aplicativo e também pelo portal do Nota MT.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana