Uma das mais fortes representações femininas na política, o PSDB Mulher em Cáceres reestrutura seu diretório e inicia campanha de filiação de mulheres ao partido.

A presidente do PSDB Mulher estadual, Euda Oliveira, destaca a importância que o partido tem na cidade de Cáceres, tendo a vice-prefeita, Eliene Liberato, como maior exemplo.

Com a política nacional em descrédito, o coletivo de mulheres tucanas reconhece a necessidade de aumentar a participação feminina, nos cargos eletivos. Para isso, estão organizando, nacionalmente, uma grande campanha de filiação de mulheres, com o objetivo de engrossar as candidaturas de 2018 e 2020.

Sistema Zíper

Para o vereador Cézare Pastorello, secretário do PSDB em Cáceres, é preciso fazer alterações na legislação eleitoral, para garantir a presença feminina.

Pastorello defende o sistema Zíper, pelo qual a cota de mulheres no legislativo é observada na diplomação, e não na candidatura.

“Se para cada dois vereadores diplomados uma mulher for diplomada, garantimos um mínimo de participação feminina aceitável. Com a cota observada na diplomação, os partidos passarão a investir, de verdade, no desenvolvimento das lideranças femininas. Eu sou um ferrenho defensor dos direitos das mulheres, mas, não sou representante. Só quem pode representar as mulheres são elas próprias.”

O PSDB de Cáceres obteve o melhor desempenho de candidaturas femininas nas eleições de 2016. Do total de 7 candidatos lançados, 3 foram mulheres, que juntas, somaram 1.346 votos.

Assessoria

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here