conecte-se conosco


Política

Projetos dão prioridade a autistas no sistema de saúde e educação

Publicado

Foto: Karen Malagoli

O deputado estadual Wilson Santos (PSDB) é o autor de dois projetos de leis (PL 414/2019 e PL 442/2019) que favorecem crianças portadoras de autismo bem como crianças, adolescentes e adultos portadores de necessidades especiais. Ambos ainda estão pendentes de aprovação pela Assembleia Legislativa.

O primeiro foi apresentado no dia 16 de abril e assegura prioridade de pais e cuidadores de pessoas com Transtorno de Espectro Autista (TEA) em atendimento na rede pública, privada e filantrópica de saúde em todo o território de Mato Grosso.

Ainda é cobrado que a Secretaria de Estado de Saúde oferecerá apoio psicológico, psiquiátrico e social, quando necessário, de modo a minimizar o sofrimento a que possam estar sujeitas.

O segundo projeto apresentado em 23 de abril reivindica que todas as escolas da rede pública estadual, independentemente de suas condições físicas e sociais, devam oferecer um banheiro unissex com chuveiro para atender pessoas com necessidades especiais, das quais se incluem autistas, Síndrome de Down e Síndrome de Asperger.

Ainda é ressaltada a importância de ser utilizado um cronograma visual para que a pessoa com autismo possa se acostumar com o vaso sanitário e de que seja estabelecida uma maneira da criança se comunicar e conseguir independência de ir ao banheiro.

Leia mais:   Rondonópolis recebe palestra sobre Direitos Humanos nesta quinta-feira

No exercício do quarto mandato na Assembleia Legislativa, o deputado estadual Wilson Santos destaca que ambos os projetos foram apresentados atendendo pedidos de educadores e familiares que convivem diariamente com pessoas portadoras de autismo.

“Foram demandas que surgiram em meio ao debate sobre crianças portadoras de autismo no simpósio realizado pela Assembleia Legislativa no mês de abril e do qual tenho muito orgulho de ser um dos percursores. Essas leis têm como foco auxiliar em políticas públicas aos portadores de necessidades especiais”, disse.

Comentários Facebook

Política

Audiência pública debaterá desigualdade salarial entre homens e mulheres

Publicado

Max Russi comemora participação da BPW Cuiabá na organização da audiência

Foto: JLSIQUEIRA / ALMT

O primeiro-secretário da Assembleia Legislativa, deputado Max Russi (PSB), propôs a Casa de Leis a realização da audiência pública “Trabalho Igual, Salário Igual”, com o intuito de promover diretrizes, visando a igualdade entre mulheres e homens no mercado de trabalho. O evento, que contará com o apoio da Associação de Mulheres de Negócios e Profissionais, que faz parte da rede internacional Business Profissional Women (BPW), será no dia 27 de maio, a partir das 19h, no auditório Deputado Milton Figueiredo.

Conforme o parlamentar, a intenção é estimular esse debate dentro da sociedade de forma integral e buscar soluções para o preenchimento dessa lacuna entre os gêneros.

Max Russi destaca  que, mesmo com uma queda na desigualdade de salários entre 2012 e 2018, mulheres ainda ganham 20,5% a menos que os homens, conforme o dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

“Diversos fatores ainda são colocados. Além disso, estudos apontam que a maternidade é considerada um fator relevante para tal desigualdade salarial”, analisou.

Leia mais:   Elizeu Nascimento prestigia aniversário de sua cidade natal

Russi lembra ainda que, de acordo com o Ministério do Trabalho,  no Brasil houve crescimento da ocupação feminina, em postos formais de trabalho, de 40,8% em 2007 para 44% em 2016. Porém, essa é mais uma prova de que não houve mudanças significativas nos índices de desigualdade.

“Esses dados nos reafirmam que ainda não tempos o que comemorar, pois vemos que, mesmo com esse crescimento da ocupação feminina no mercado de trabalho, o ruído desfavorável a respeito do ganho salarial feminino continua”, reforçou.

Fundada em 2001 pela jornalista e empresária Sueli Batista, a BPW Cuiabá, grande parceria na realização dessa audiência pública, tem trabalhado na missão de agregar mulheres de negócios e profissionais, orientando e coordenando seu desenvolvimento pleno nas esferas de poder público e de mercado. Em um olhar lançados sobre esses 12 anos de história, através de seus projetos e ações, tem estimulado cenários propícios a mulheres no ramo do empreendimento.

Para o deputado Max Russi, essa participação direta será uma força essencial para o enriquecimento do debate. “Uma parceria fundamental para essa audiência, que também propõe desmistificar esse fórum de discussões, que não interessa somente as mulheres, mais sim a toda sociedade”, assegurou.

Comentários Facebook
Continue lendo

Política

Max Russi homenageia voluntários de projeto social VG Mais Ação

Publicado

VG Mais Ação surgiu a partir da união de um grupo de amigos

Foto: JLSIQUEIRA / ALMT

Voluntários do “VG Mais Ação” receberam moções de aplausos da Assembleia Legislativa nessa quinta-feira (16).  A sessão solene, aprovada por unanimidade pelos deputados, foi proposta pelo primeiro-secretário, o deputado Max Russi (PSB).

Russi é um dos grandes parceiros dessa ação social voluntária que leva serviços gratuitos de cidadania a comunidades de Várzea Grande. No total já foram realizadas cinco edições, levando atendimentos a mais de 10 mil pessoas.

Um dos homenageados por agregar aos trabalhos desenvolvidos pelo VG Mais Ação foi o comandante geral da Polícia Militar de Mato Grosso, coronel PM Jonildo José de Assis. Ele considerou louvável o reconhecimento e parabenizou o deputado pela iniciativa das homenagens.

“Nosso representante aqui na Casa de Leis. Eu gostaria de parabenizá-lo por essa iniciativa muito positiva. Esse é um projeto grandioso, que atende a comunidade e eu fico muito contente e feliz em receber também essa homenagem”, discursou.

Conforme a gestora pública e membro da comissão organizadora Marciany Bustamante, diversos serviços são  oferecidos com a força do voluntariado, como: corte de cabelo feminino e masculino, exames oftalmológicos (com doações de óculos para os de baixa renda); limpeza de pele; atendimento médico adulto , pediátrico e ginecológico; dentistas (aplicações de flúor e limpezas); aferição de pressão arterial e glicose; massagem; apresentações culturais; maquilagem; demonstração de produtos; consultoria para cachos e penteados;  esmalteria;  assistência social; defensoria pública; encaminhamento para confecção de RG 2°, 3° e 4° via; atendimento jurídico; atendimento contábil; atendimento DAE, CAD único; CRAS Santa Maria; psicólogo; fonoaudiólogo; Zoonoses de Várzea Grande; Batalhões da Cavalaria Militar, Rotam, Banda Militar e Ambiental; Prepara Cursos, dentre outros.

Leia mais:   Elizeu Nascimento prestigia aniversário de sua cidade natal

VG Mais Ação surgiu a partir da união de um grupo de amigos, junto à Rádio Estação VGFM 105,9. No decorrer das edições, foi agregando outras parcerias e aumentando a quantidade dos serviços gratuitos oferecidos.

O deputado Max Russi recordou o tempo em que foi prefeito de Jaciara e, com o auxílio de trabalhos sociais, colocou em prática o maior programa habitacional daquele município, entregando quase mil residências durante seu período de gestão. Ele recordou sua gestão, frente a Secretária de Estado de Trabalho e Assistência Social (Setas-MT), onde coordenou mutirões da cidadania em municípios.

“Quando fui apresentado ao projeto, pela Marciany, já pude perceber toda a legitimidade dessa ação. Participei das primeiras edições e estarei sempre dando apoio, pois é  animador ver tantos parceiros juntos nesse belo trabalho de servir a quem mais precisa. Por isso propus essas homenagens, principalmente como forma de estimular projetos como esse. O social é uma das minhas principais bandeiras e eu sempre estarei defendendo o olhar para o próximo. “, assegurou.

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Mais Lidas da Semana