conecte-se conosco


Mato Grosso

Programação da semana inclui shows de humor, teatro, curso e exposições

Publicado

Shows de humor, um contando o cotidiano de um casal e outro abordando as lendas e mitos do Pantanal, são os destaques de lazer e entretenimento da agenda cultural desta semana. Para quem busca um pouco de conhecimento, a opção é um  minicurso sobre cordel e mitologia. 

Amaury Tangará traz o espetáculo ‘Cafundó – onde o vento faz a curva’, na sexta-feira (20.09), em que apresenta com humor um pouco das lendas e tradições pantaneiras. No domingo (22.09), Eduardo Butakka e Thyago Mourão encenam ‘Loucos de Amor’, uma comédia sobre um casal em crise e que está à beira de um ataque de nervos. Os espetáculos integram a programação do Cine Teatro Cuiabá.

Na Biblioteca Pública Estadual Estevão de Mendonça, a opção é o minicurso sobre cordel e mitologia, que será ministrado dias 24 a 26 de setembro, pela escritora Clarissa Loureiro. No Museu Casa Dom Aquino acontece a 13ª Primavera de Museus de 23 a 25 de setembro.

A agenda cultural inclui opções de visitas mediadas no Museu de Arte Sacra e na Residência dos Governadores, além de exposição em cartaz na Galeria de Arte Lava Pés. Todos os eventos são realizados ou apoiados pela Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel).  

Confira a programação:

Cafundó – onde o vento faz a curva (Cine Teatro Cuiabá)

Os mitos, as lendas e as tradições do Pantanal brasileiro são o principal ingrediente do espetáculo ‘Cafundó – onde o vento faz a curva’, um divertido espetáculo solo no qual o contador de causos Amauri Tangará passa em revista o fantástico imaginário cultural do interior do Brasil. O evento é realizado em apoio ao I Encontro Nacional das Mulheres Sem Terra do MST. Ficha técnica – Elenco, Autor e Direção: Amaury Tangará; Diretora de Produção, Técnica de Iluminação e Sonoplastia: Tati Mendes.

Quando: 20/09

Horário: 19h30

Onde: Cine Teatro Cuiabá – Av. Pres. Getúlio Vargas, 247 – Centro, Cuiabá – MT, 78005-600

Ingresso: R$ 30 (inteira), R$ 15 (meia) e R$ 15 + 1 litro de leite (meia solidária).

Informações: (65) 2129-3848 e contato@cineteatrocuiaba.org.br / http://cineteatrocuiaba.org.br/programacao/

Eduardo Butakka e Thyago Mourão apresentam: Loucos de Amor (Cine Teatro Cuiabá)

Escrita, dirigida e encenada por Eduardo Butakka e Thyago Mourão, a comédia mistura teatro e cinema para contar a rotina de um casal à beira de um ataque de nervos. A peça é inspirada no curta de humor ‘Quem é Vanessa?’, que venceu o prêmio Golden Fox em Calcutá, na Índia, como melhor filme para web e novas mídias. A comédia fala sobre as neuroses da vida a dois e sobre as dificuldades de um relacionamento monogâmico. A trama se passa durante um único dia da vida do casal, um fatídico dia em que eles discutem a relação e se preparam para uma possível separação. Classificação 14 anos.

Serviço:

Quando: 22/09

Horário: 20h

Onde: Cine Teatro Cuiabá – Av. Pres. Getúlio Vargas, 247 – Centro, Cuiabá – MT, 78005-600

Ingressos: Ingressos: R$ 40 (inteira), R$ 20 (meia) e R$ 20 + 1 litro de leite (meia solidária)

Leia mais:   Conheça a Lei de Emergência Cultural aprovada na Câmara Federal

Informações: (65) 2129-3848 e contato@cineteatrocuiaba.org.br / http://cineteatrocuiaba.org.br/programacao/

16º Festival Estudantil de Trânsito de Mato Grosso (Cine Teatro Cuiabá)

A 16ª edição do Festival Estudantil de Trânsito de Mato Grosso (Fetran) tem como objetivo sensibilizar a população sobre seus direitos e deveres no trânsito, formando cidadãos comprometidos com a segurança e o bom convívio social. Para isso, utiliza-se das artes cênicas e fomenta a produção cultural e artística no ambiente escolar, além de contribuir na construção de um trânsito seguro. 

Os espetáculos são dirigidos e encenados por estudantes de escolas públicas e privadas do ensino fundamental e médio, educação especial e profissionalizante. O Fetran é organizado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) há 16 anos em Mato Grosso. A edição de 2019 já envolveu mil estudantes em 121 espetáculos. A final, no Cine Teatro Cuiabá, conta com apresentação de 22 espetáculos classificados nas seis etapas regionais. Os estudantes concorrem nas categorias: infantil, infanto-juvenil, juvenil e especial. Classificação livre.

Serviço:

Quando: 23 a 27/09

Horário: 8h

Onde: Cine Teatro Cuiabá – Av. Pres. Getúlio Vargas, 247 – Centro, Cuiabá – MT, 78005-600

Informações: (65) 2129-3848 e contato@cineteatrocuiaba.org.br / http://cineteatrocuiaba.org.br/programacao/

Minicurso sobre mitologia e cordel (Biblioteca Pública Estadual Estevão de Mendonça)

A Biblioteca Pública Estadual Estevão de Mendonça promove uma atividade com a escritora Clarissa Loureiro nos dias 24 a 26 de setembro. A autora conduzirá um minicurso para professores, estudantes e/ou público geral interessado em mitologia e cordel nordestino. Ao todo, são 60 vagas gratuitas, e as inscrições podem ser feitas na Biblioteca. 

Clarissa Loureiro é autora do livro ‘Laurus’ e irá apresentar a obra durante a atividade, dialogando com os participantes sobre o processo de escrita e compartilhando experiências. Ela também irá apresentar um pouco da história dela com a literatura.  O minicurso integra a programação da oficina ‘Encenando a Poesia’, que está sendo realizada desde o mês de julho na Biblioteca Pública Estadual Estevão de Mendonça. Ela é conduzida pelo escritor Luiz Renato de Souza Pinto, com a proposta de oferecer aos participantes ferramentas de criação, interpretação, leitura, audição e encenação de poemas. 

Serviço: 

Quando: 24 a 26/09

Horário: 14h às 17h

Ingresso: Gratuito, mas é necessário fazer inscrição na Biblioteca

Onde: Biblioteca Pública Estadual Estevão de Mendonça – Rua Antônio Maria, nº 251, Praça da República, Centro de Cuiabá 

Mais informações (65) 3613-9240/9230

13ª Primavera dos Museus (Museu Casa Dom Aquino)

Com exposições, visitas guiadas, oficina de Catalogação e higienização de acervo arqueológico, o Museu Casa Dom Aquino realiza a 13ª Primavera dos Museus.

O evento acontece de 23 a 25 de setembro e conta com: Exposição Amigos da Cerâmica – Patrimônio Cultural Imaterial; Exposição das Máscaras Sagradas Waura; Visita guiada na exposição museológica; Visita guiada Conhecendo a Reserva técnica; e Oficina de Catalogação e higienização de acervo arqueológico.

Mais detalhes da programação podem ser conferidos no link para inscrição: AQUI 

Exposição Sen[S]Ação (Galeria de Artes Lava Pés)

Com obras de Vitória Basaia, Gonçalo Arruda, Junne Fontenelle, Marcelo Velasco e Miguel Penha, a exposição coletiva Sen[s]ação está em cartaz na Galeria Lava Pés, de segunda-feira a sexta-feira, das 08h às 18h, com entrada franca e livre para todas as idades. A mostra fica aberta ao público até 15 de outubro.

Leia mais:   Sexta-feira (29): Mato Grosso registra 2.262 casos e 57 óbitos por Covid-19

A curadoria da mostra é de Marcelo Velasco, e reúne pinturas, esculturas e instalações. Nela, os cinco artistas exibem seus trabalhos mais recentes, organizados num projeto de expografia que promete mexer com as sensações do público.

Quando: De segunda-feira a sexta-feira, em cartaz até dia 15 de outubro 

Horário: das 8h às 18h

Onde: A Galeria de Artes Lava Pés está localizada no piso térreo da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), na Avenida José Monteiro de Figueiredo (Lava Pés) nº 510, bairro Duque de Caxias, em Cuiabá

Ingresso: Gratuito

Informações: (65) 3613-0232

Museu de Arte Sacra

O Museu de Arte Sacra de Mato Grosso funciona de quarta a domingo, das 9h às 17h, e oferece ao público uma exposição permanente composta por peças do período setecentista, remanescentes da antiga Catedral do Bom Jesus de Cuiabá, da Igreja de Nossa Senhora do Rosário e São Benedito, Nossa Senhora dos Passos, acervo pessoal do bispo Dom Francisco de Aquino Corrêa e peças adquiridas por doações particulares. Destaque para os famosos retábulos da antiga Catedral demolida em 1968 e a nova ala de instrumentos musicais da Igreja do Bom Jesus de Cuiabá do período colonial. 

O Museu de Arte Sacra de Mato Grosso é considerado um dos mais importantes monumentos de estilo eclético que exibe combinações de elementos da arquitetura clássica, medieval, renascentista, barroca e neoclássica. Foi fundado em 10 de março de 1980. 

Serviço

Quando: Aberto à visitação de quarta a domingo

Horário: 9h às 17h

Onde: Praça do Seminário, na Rua Clóvis Hugney, 239, bairro Dom Aquino. O Museu de Arte Sacra de Mato Grosso está localizado no prédio do Seminário Nossa Senhora da Conceição que fica ao lado da Igreja Nossa Senhora do Bom Despacho

Ingresso: quarta a sábado: R$10 ou meia entrada R$ 5. Domingo: entrada gratuita

Mais informações: (65) 3646-9101 

Residência dos Governadores 

Primeira edificação de status oficial, a Residência dos Governadores foi inaugurada na década de 1940. Além de servir como morada a 14 governadores, serviu de hospedagem para o ex-presidente Getúlio Vargas, em 1941, quando ele fez sua primeira visita a Mato Grosso. 
 
A Residência dos Governadores está aberta para visitação com uma mostra permanente e didática, composta por itens do antigo mobiliário, como objetos, pratarias e louças. 
Serviço

A Residência dos Governadores é um dos equipamentos culturais da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel). Está localizada na rua Barão de Melgaço, nº 3565, Centro de Cuiabá. A entrada é gratuita. Aberto à visitação de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 14h às18h. Telefone: (65) 3613-0232. Email: equipamentos@secel.mt.gov.br

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook

Mato Grosso

Domingo (31): Mato Grosso registra 2.485 casos e 63 óbitos por Covid-19

Publicado

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde deste domingo (31.05), 2.485 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 63 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado. As últimas cinco mortes envolveram residentes de Chapada dos Guimarães, Sinop, Cuiabá, Várzea Grande e Rondonópolis.

Dentre os 20 municípios com maior número de casos de Covid-19, estão: Cuiabá (747), Várzea Grande (231), Rondonópolis (204), Tangará da Serra (112), Primavera do Leste (108), Sorriso (86), Confresa (79), Lucas do Rio Verde (74), Barra do Garças (72), Sinop (54), Campo Verde (43), Rosário Oeste (42), Jaciara (38), Alta Floresta (37), Nova Mutum (32), Cáceres (31), Pontes e Lacerda (30), Peixoto de Azevedo (25), Aripuanã (25) e Sapezal (23). 

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada no Boletim anexado ao final desta matéria.

Nas últimas 24 horas, surgiram 75 novas confirmações em Araputanga (2), Campo Novo do Parecis (2), Campo Verde (3), Confresa (5), Cuiabá (24), Jaciara (1), Juscimeira (4), Nova Mutum (1), Pontes e Lacerda (2), Porto Esperidião (2), Primavera do Leste (7), Rondonópolis (13),  Sapezal (1), Sorriso (2), Tangará da Serra (1), Várzea Grande (4) e municípios de outros Estados (1).

Contudo, a área técnica esclareceu que houve a correção de quatro casos de duplicidade em Sinop (1), Barra do Garças (1), Pedra Preta (1) e na categoria dos municípios de outros Estados (1). Além disso, um caso anteriormente notificado em Cáceres foi reposicionado para Alto Boa Vista, município de residência do paciente.  

Leia mais:   Centro Estadual de Cidadania retoma atendimento na quarta-feira (03)

Dos 2.485 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 1.567 estão em isolamento domiciliar e 696 estão recuperados. Há ainda 159 pacientes hospitalizados, sendo 78 em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 81 em enfermaria.

No boletim, a SES também divulga que a rede do Sistema Único de Saúde (SUS) dispõe, atualmente, de 248 leitos de UTI e 847 leitos de enfermaria especificamente para pacientes com coronavírus no Estado. 

Considerando o número total de casos em Mato Grosso, 50,3% dos diagnosticados são do sexo feminino e 49,7% masculino; além disso, 706 pacientes têm faixa-etária entre 31 a 40 anos. O documento ainda aponta que um total de 7.375 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 363 amostras em análise laboratorial.

Os pacientes são devidamente acompanhados pelas equipes de Vigilância Epidemiológica do Estado e dos municípios. Mais informações estão detalhadas na Nota Informativa divulgada diariamente pela SES disponível neste link, a partir das 17h.

Cenário nacional

Até o último sábado (30), o Governo Federal confirmou 498.440 casos da Covid-19 no Brasil e 28.834 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, divulgado pelo Ministério da Saúde, o país contabilizava 27.878 mortes e 465.166 casos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus. Até o fechamento deste material, não foram atualizados os dados deste domingo (31).

Leia mais:   Drone com celulares é abatido na Penitenciária Feminina de Cuiabá

Recomendações

Atualmente, não existe vacina para prevenir a infecção pelo novo coronavírus. A melhor maneira de prevenir a infecção é evitar ser exposto ao vírus. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca do novo coronavírus. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo coronavírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes. Ficar em casa quando estiver doente;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Governo de MT reduziu despesas em mais de R$ 1 bilhão em 2019, comprova CGE

Publicado

O Governo de Mato Grosso reduziu suas despesas em R$ 1,03 bilhão durante o ano de 2019. A informação consta no Relatório Técnico Conclusivo das Contas do ano passado, elaborado por auditores da Controladoria Geral do Estado.

O documento será entregue nesta segunda-feira (1º de julho) ao Tribunal de Contas do Estado (TCE-MT) pelo governador Mauro Mendes, juntamente com o controlador-geral do Estado, Emerson Hideki, e os secretários Mauro Carvalho (Casa Civil) e Rogério Gallo (Fazenda).

“Esse resultado é fruto das medidas que tomamos desde o início da gestão, quando encontramos o Estado em uma situação muito difícil, com mais de R$ 4 bilhões em dívidas. Reduzimos de 25 para 16 secretarias, cortamos cargos, renegociamos contratos e dívidas bancárias, fizemos ajustes fiscais necessários e também criamos um ambiente menos burocrático, que incentiva os investimentos e fortalece a economia”, afirmou o governador.

A auditoria da CGE mostrou que a Lei Orçamentária Anual (LOA) estimou que o Estado teria uma receita total de R$ 19,2 bilhões e despesas na ordem de R$ 20,9 bilhões. Desta forma, a previsão era que o Governo encerraria o ano com déficit bilionário.

Leia mais:   Campanha Vem Ser Mais Solidário beneficia mais de 200 famílias de artesãos

Porém, com as medidas tomadas pela gestão, foi possível incrementar a receita para R$ 20,7 bilhões. Já as despesas estimadas inicialmente em R$ 20,9 bilhões foram reduzidas para R$ 19,8 bilhões, ou seja, uma economia de R$ 1.031.287.895 bilhão.

Além da redução de despesas, a auditoria demonstrou que o Governo conseguiu “virar o jogo” em 2019, tendo conseguido angariar mais receitas (R$ 20,7 bilhões) do que despesas (R$ 19,8 bilhões), o que não acontecia desde 2015.

“Verifica-se que no exercício de 2019 houve resultado orçamentário positivo de R$ 870,6 milhões”, diz trecho da auditoria.

É importante destacar que a economia foi possível sem comprometer os serviços essenciais. Pelo contrário, todos os repasses aos Poderes e municípios, relativos a 2019, foram pagos rigorosamente em dia.

Menos dívidas

Outro dado positivo trazido pelo relatório foi a redução significativa dos restos a pagar.

“Em comparação com o exercício de 2018, a diferença foi de R$ 680,9 milhões, ou seja, queda de 28,7%”, afirmou a CGE.

Na prática, isso significa que o Estado eliminou boa parte do estoque das dívidas deixadas em gestões anteriores. 

Leia mais:   Procon Estadual registra mais de 2 mil reclamações na plataforma consumidor.gov.br em abril

O relatório também constatou que o Estado de Mato Grosso incrementou as receitas primárias em 3% e reduziu as despesas primárias em 7,9%, além de ter cumprido com os repasses definidos em lei para Educação e Saúde e observado as normas para o teto de gastos e o Regime de Recuperação Fiscal.

A CGE também pontuou que as auditorias realizadas pelo órgão geraram mais de R$ 279 milhões de economia em contratos e expectativa de ressarcimento ao Governo do Estado. Também é citado na auditoria que foi possível recuperar mais de R$ 194 milhões com os acordos de leniência firmados com seis empresas que praticaram irregularidades.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana