conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil representa pela prisão de suspeitos por morte de enfermeira em Sinop

Publicado

Assessoria | PJC-MT

A Polícia Judiciária Civil, através da Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) de Sinop (499 km ao Norte) prendeu em flagrante o cabo da Polícia Militar, Marcos Vinicius Pereira Ricardi, 26, por envolvimento na morte e ocultação de cadáver da enfermeira, Zuilda Correia Rodrigues, 43, que estava desaparecida desde o dia 27 de setembro.

O policial trabalhava no estabelecimento comercial da família e confessou a participação no crime, assim como indicou o local onde o corpo foi ocultado. O desaparecimento da enfermeira foi registrado no dia 28 de setembro pelo marido da vítima, Ronaldo Rosa, que também está envolvido na ação criminosa e que está foragido.

Durante as investigações, foram realizadas diversas diligências como perícias técnicas no carro da vítima, análises imagens, mensuração do tempo em que levaria cada ato narrado pelos suspeitos. O crime foi esclarecido após a equipe da DHPP realizar novo interrogatório com o policial, quando o suspeito confessou o crime, que ocorreu em frente à residência da vítima.

De acordo com o delegado Carlos Eduardo Muniz, a crime foi motivado por constantes discussões entre a vítima e o marido e também com o policial militar, que prestava serviços no estabelecimento da família. “Ele disse que a ideia inicial era apenas dar um susto na vítima, simulando uma tentativa de roubo, porém, a situação saiu do controle e eles acabaram matando a vítima”, informa o delegado.

Leia mais:   Polícias Civil e Militar prendem 6 pessoas em operação de combate a criminalidade

O policial indicou ainda onde eles ocultaram o corpo da vítima, que foi encontrado nesta terça-feira (08.10), a aproximadamente 1,5 quilômetro do local em que foi jogado, uma tubulação de bueiro localizada nas proximidades do Centro de Eventos Dante de Oliveira, no município.

Por se tratar de um local de difícil acesso, as buscas contaram com apoio do Corpo de Bombeiros e também foram acompanhadas pela Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec). O corpo estava em avançado estado de decomposição, mas familiares reconheceram as roupas da vítima.

Com base nas evidências, o delegado lavrou o flagrante contra Marcos Vinícius pelo crime ocultação de cadáver (crime de natureza permanente) e também representou pela prisão preventiva do suspeito e do marido da vítima, Ronaldo da Rosa pelos crimes de feminicídio e ocultação de cadáver.

“A motivação ainda precisa ser verificada uma vez que essa é a versão apresentada pelo policial militar e o marido da vítima continua foragido”, disso Carlos Muniz.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook

Policial

Adolescente de 14 anos é flagrado vendendo entorpecentes no bairro Pedregal

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um adolescente, de 14 anos, envolvido com o comércio de entorpecentes no bairro Pedregal foi apreendido pela Polícia Judiciária Civil, nesta terça-feira (22.10), após ter sua atividade flagrada por policiais da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE).

As diligências que resultaram na apreensão do menor iniciaram após a equipe da DRE receber informações de que um rapaz novo com luzes no cabelo, realizava a mercancia de drogas em um ponto específico no bairro Pedregal.

Em diligências no local, os policiais identificaram o adolescente e após alguns minutos de vigilância flagraram o momento em que um veículo se aproximou para comprar drogas com o suspeito. Neste momento, o menor se direcionou até o muro de uma residência, onde pegou um objeto que foi entregue a pessoa que estava no veículo.

Diante das evidências, os policiais realizaram a abordagem do veículo, em que o motorista confirmou ser usuário de drogas e ter comprado uma porção de cocaína do jovem com “luzes no cabelo”.

Leia mais:   9ª Edição dos jogos encerra com chave de ouro na Acadepol

Com a confirmação, os investigadores retornaram ao ponto de traficância, onde realizaram a abordagem do menor. No muro em que o suspeito havia buscado algo, os policiais encontraram 11 porções de pasta base de cocaína, já embaladas para venda. Com ele, foi encontrado R$ 80 em dinheiro, proveniente da atividade ilícita.

Após ser surpreendido, o adolescente foi encaminhado a DRE onde foi ouvido em declarações e autuado no ato infracional de tráfico de drogas.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende traficante com vários produtos destinados a fabricação de droga

Publicado

Assessoria | PJC-MT

A Polícia Judiciária Civil, em ação da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), realizou a prisão em flagrante de Jonathan Allex dos Reis Timm, 36, na manhã desta terça-feira (22.10), no bairro CPA III, em Cuiabá. Na casa do suspeito, os policiais encontraram diversos produtos destinados a fabricação de cocaína (mistura), além de uma arma de pressão de grande porte.

A prisão do suspeito aconteceu durante cumprimento de mandado de busca e apreensão expedido pela 9ª Vara Criminal de Cuiabá, com base nas investigações da DRE.

Em buscas na casa do investigado, os policiais aprenderam uma arma de pressão, calibre 5.5 com M16R, diversas substancias para preparo de drogas (06 frascos de Efrinalin 1mg, 03 de Epinefrina 1mg, 03 Cloridrato de Petinina 50 mg, 01 sulfato de morfina 10 mg, 11 Hemitartarato de Norepinefrina 2 mg, 01 cloridrato de Dobutamina 12,5 mg), além de R$ 450 em dinheiro e dois aparelhos celulares.

Segundo o delegado da DRE, Vitor Hugo Bruzulato Teixeira, o suspeito é investigado há algum tempo pela especializada, sendo apontado como integrante de facção criminosa envolvida em diversos crimes, entre eles o tráfico de entorpecentes.

Leia mais:   Polícia Civil prende integrantes de quadrilha envolvida em roubos de caminhonetes na fronteira

“Ele é conhecido por fomentar o tráfico de drogas na região do CPA e possui passagens anteriores pelo crime, sendo apreendido em seu poder vários componentes para fabricação de cocaína. A arma apreendida apesar de ser de pressão, assusta, e pode ser utilizada em ações criminosas”, disse o delegado.

Diante das evidências, o investigado foi conduzido a DRE onde foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, previsto no artigo 33, parágrafo 1º, § 1 da Lei de drogas, que prevê a possibilidade do suspeito ser flagrado com produtos químicos destinados ao preparo do entorpecente.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Mais Lidas da Semana