conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil prende suspeito de esfaquear vítima e largar ao lado de Pronto Socorro de Várzea Grande

Publicado

Assessoria |PJC-MT

A Polícia Judiciária Civil esclareceu a autoria de um homicídio ocorrido no dia 31 de março de 2019, em Várzea Grande. A vítima Otaniel Monteiro dos Santos, 38 anos, foi deixada com perfurações de arma branca, em uma lanchonete ao lado do Pronto Socorro do município, local onde foi à óbito na noite do mesmo dia.

O suspeito foi identificado pelo nome de Willian dos Santos, 37 anos, Ele teve a prisão temporária (30 dias) representada nas investigações da Delegacia Especializada de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP) e cumprida na quinta-feira (18), na zona rural do município de Poconé, onde também responde por outro homicídio, em que uma pessoa morreu enforcada.

Testemunhas ouvidas no inquérito policial contaram que a vítima foi largada por desconhecidos na porta do estabelecimento, com muito sangramento. Quatro populares carregaram a vítima em um carrinho de mão, emprestado de uma obra vizinha, até o PSM-VG.

Na investigação, os policiais apuraram que a vítima foi deixada no local (lanchonete) por uma motocicleta, que após largá-la sangrando na calçada tomou rumo ignorado. Outras testemunhas também viram a vítima sendo largada no local e informaram que ela estava na garupa da motocicleta, muito debilitada e sem capacete, que logo saiu em alta velocidade, impossibilitando anotar a placa.

Leia mais:   Policiais trocam experiências em reunião na Diretoria Geral

Foi apurado que o suspeito, Willian, residia com a vítima em uma das quitinetes no bairro Jardim Icaraí, em Várzea Grande.

Conforme o delegado Caio Fernando Álvares de Albuquerque, o homicídio foi praticado por motivo fútil e recurso que impossibilitou a defesa da vítima. “Demonstra haver indícios suficiente de autoria em face do suspeito. Era pessoa conhecida por todos que se encontravam no local”, disse.

O delegado acrescentou que a prisão temporária será representada pela conversão em prisão preventiva, por o suspeito ser réu confesso e reconhecido por testemunhas como autor das facadas.

 

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook

Policial

Acusado de matar menor é preso em Confresa pela PC

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Com mandado de prisão preventiva, expedido pela comarca de Porto Alegre do Norte/MT, Diogo Pereira da Silva, 22, foi preso pela Policia Civil, em Confresa, na sexta-feira (20.09).Ele é acusado de crime de homicídio  ocorrido no mês de novembro de 2017.

A vítima do crime foi um adolescente (Carlos Cardoso Figueiredo, conhecido por Carlinhos), que teve o corpo encontrado com várias perfurações de faca, e já em avançado estado de decomposição, na pista de motocross, no município de Confresa.

Durante as investigações, a Polícia Civil comprovou a participação do suspeito no crime, que à época possuía um veículo Gol vermelho,  que foi utilizado durante a ação criminosa. Além de Diogo, outros três menores também participaram da morte de “Carlinhos”, sendo que estes já haviam confessado o crime e também delatado Diogo como um dos autores do crime.

O delegado de Confresa André Rigonato representou pela prisão preventiva de Diogo Pereira da Silva. O mandado de prisão foi deferido e ele preso.

Leia mais:   Atividades de prevenção às drogas iniciam em Porto Esperidião

O suspeito será encaminhado para a Cadeia Pública de Porto Alegre do Norte.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Profissionais que atuam em investigações de roubo de veículos e ações de trânsito são treinados

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Policiais civis, militares, agentes de trânsito e peritos participam neste sábado (21.09) de treinamento visando a identificação e procedência de veículos. A capacitação ocorre das 8 às 18 horas, no auditório da Diretoria Geral da Polícia Judiciária Civil, em Cuiabá.

A iniciativa é da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Veículos Automotores (Derrfva), visando o aperfeiçoamento das investigações policiais. Participaram do curso, investigadores e delegados da Derrfva e das Delegacias Especializadas de Roubos e Furtos (Derf) de Cuiabá e Várzea Grande, da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), além de policiais militares e servidores da Politec, Semob e Detran.

O curso é ministrado pela Dekra Vistoria, em com a parceria da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Veículos Automotores (Derrfva) e Conselho Nacional de Vistoria Veicular (CNVV).

Objetivo é aperfeiçoar os profissionais de segurança pública e atividades fins, para maior facilidade na identificação de veículos adulterados, durantes as blitze e outras fiscalizações preventivas de trânsito.

A empresa Dekra vai repassar conhecimentos adquiridos na área de inspeção veicular, aos agentes que atuam no combate aos roubos, furtos e receptações de veículos utilizados para crimes, como casos envolvendo adulteração de chassi e documentação veicular, itens fundamentais para identificação imediata de práticas ilícitas.

Leia mais:   Operação cumpre 13 mandados contra autores de crimes contra o patrimônio em Várzea Grande

Além de preparar ainda mais o profissional para a verificação de imediato, se o veículo é produto de furto ou roubo, já que, normalmente esses veículos automóveis costumam ser usados para a prática de outros tipos de crimes, como o tráfico de entorpecentes.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Mais Lidas da Semana