conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil e Detran realizam a prensa de 250 veículos na quinta-feira (12)

Publicado

Assessoria | PJC-MT

A Polícia Judiciária Civil, por meio da Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos de Veículos (DERRFVA), em parceria com o Departamento Estadual de Trânsito (Detran), realiza na manhã de quinta-feira (12.09), a 2ª Fase da Operação Pátio Limpo, em que será feita a prensa de 250 veículos, entre carros e caminhões, para reciclagem.

O foco da ação integrada é a descontaminação e limpeza do pátio utilizado pela delegacia, para posterior prensa de aproximadamente 250 veículos, entre caminhões, carretas e automóveis. O processo envolve ações de higienização, prensa e editais de convocação aos proprietários dos veículos que ainda estão aptos a circular.

A imprensa poderá acompanhar a ação que acontece às 09 horas, no pátio da DERRFVA. O delegado titular da DERRFVA, Gustavo Garcia Francisco e o delegado Arnon Osny Mendes Lucas, darão maiores informações sobre o trabalho realizado na operação.

 

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Leia mais:   Polícia Civil flagra traficante transportando dois tabletes de maconha

Policial

Investigado por estelionato na compra de veículo em Matupá, homem é preso em Confresa

Publicado

Assessoria  Polícia Civil / MT      

Um homem procurado da Justiça por crime de estelionato foi preso pela Polícia Civil, nesta quarta-feira (08.07), em Confresa (1.160 km a nordeste de Cuiabá), durante ação para cumprimento de mandado de prisão realizada pelos policiais civis do município, em apoio às investigações conduzidas pela Delegacia de Polícia de Matupá.

Além da prisão do suspeito de 35 anos, que estava com prisão preventiva decretada por cometer estelionato em Matupá, a ação resultou na recuperação de um veículo oriundo do crime em investigação.   

Conforme investigação da Polícia Civil de Matupá, iniciada após boletim de ocorrência registrado em fevereiro deste ano, o suspeito havia comprado uma caminhonete, modelo L-200 GLS e deu como pagamento duas folhas de cheques que seriam de sua esposa. Porém, a vítima, ao compensar os cheques foi comunicada que não seria realizado o pagamento em razão de divergência na assinatura.

A Delegacia de Matupá instaurou inquérito e identificou o autor do estelionato. Também foi apurado que a titular dos cheques não era esposa do investigado, bem como os cheques haviam sido extraviados em Alta Floresta, poucos dias antes da “compra” do veículo.

Leia mais:   Crimes de feminicídios aumentam 75% nos primeiros cinco meses de 2020

Diante das evidências de autoria do crime e pela periculosidade do suspeito em aplicar golpes, a delegada de Matupá, Juliana Rado, representou pelo pedido de prisão preventiva do investigado, com parecer favorável do Ministério Público Estadual e deferido pela Justiça.

Os investigadores descobriram que o suspeito estaria em Confresa e foi solicitado apoio das unidades policiais para o cumprimento do mandado de prisão.
O suspeito foi abordado pelas equipes da Delegacia de Roubos e Furtos de Confresa no centro da cidade. Com ele foram apreendidos vários documentos, contratos de compra e vendas de veículos, além de diversas folhas de cheque. Os investigadores conseguiram levantar ainda informações que levaram à localização do veículo produto do estelionato praticado em Matupá.

Após cumprimento do mandado de prisão, o suspeito foi conduzido para a Delegacia de Confresa, ouvido pelo delegado André Rigonato e após as providências cabíveis, foi encaminhado para Cadeia Pública de Porto Alegre do Norte, onde ficará à disposição da Justiça. O veículo recuperado foi restituído para a vítima.

Leia mais:   Polícia Civil cumpre mandados contra facção envolvida com tráfico de drogas e tortura em Poxoréu

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Policial

Policiais civis fecham boca de fumo no centro de Rondonópolis e prendem três pessoas

Publicado

Assessoria/Polícia Civil-MT

Investigação sobre a venda de drogas na área central de Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá) levou a Polícia Civil a fechar uma boca de fumo e prender três suspeitos por tráfico e associação para o tráfico, nesta quarta-feira (08.07).

 

De acordo com as investigações da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf), o local funcionava como uma espécie de “pensão ” e era alvo constante de denúncias de  moradores e comerciantes da região sobre a venda e uso de drogas em plena luz do dia.

Abordagens anteriores foram feitas, mas o loca, conhecido como ‘boca da Martinha’ continuava funcionando, com o retorno dos traficantes e usuários ao ponto.

Nesta quarta-feira, após diversas diligências, a equipe da DERF conseguiu identificar e prender os responsáveis pela venda drogas no local. Um deles faz uso de tornozeleira eletrônica.  No loca, os policiais encontraram diversas porções de pasta base de cocaína e de maconha, além de dinheiro miúdo.

Após a autuação na delegacia, os três foram encaminhados para a unidade prisional do município.

Leia mais:   Operação cumpre mandado contra menor envolvidos em roubos com restrição de liberdade

As diligências da Derf continuam para prisão de outros suspeitos já identificados nas investigações.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana