conecte-se conosco


Mato Grosso

PM prende quatro suspeitos de roubo e cárcere privado de família em Cáceres

Publicado

Policiais do 6º Batalhão de Cáceres (225 km de Cuiabá) prenderam em flagrante quatro suspeitos do roubo e cárcere privado de uma família, na manhã deste sábado (14.09). A prisão de A.C.L., 24, M.A.L., 18, I.A.S.C., 22, e J.H.C.C.M., 22, seguida da confissão do envolvimento nesse e outros roubos, pode levar à descoberta de uma organização criminosa autora de vários assaltos em cidades da região.

Os suspeitos invadiram a casa, anunciaram o assalto e mantiveram cinco pessoas sob a mira de arma de fogo, inclusive um idoso de 80 anos. Também deixaram uma das vítimas amarrada e trancada em um banheiro.

Os dois primeiros suspeitos presos haviam contratado serviço de moto-táxi para fugir. Eles foram localizados no bairro DNER, próximo a uma praça, e já estavam embarcados nas motocicletas, quando foram interceptados pelos policiais militares. Logo depois, em outro endereço do mesmo bairro foram presos mais dois.

Com um deles, o mais jovem do bando, foi apreendida a arma usada no roubo, um revólver calibre 38. Além de confessar o crime, revelou outros, que agora estão sendo apurados.

Leia mais:   Infração de trânsito pode ser aplicada por diversos órgãos do sistema nacional de trânsito

Com a prisão deles foram recuperados o notebook, as joias, celulares, óculos e pouco mais de R$ 80, que levaram da família.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook

Mato Grosso

Setasc faz o repasse de R$ 6,4 milhões do cofinanciamento para os municípios de MT

Publicado

A Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc) fará o repasse de R$ 6,4 milhões do cofinanciamento do Fundo Estadual da Assistência Social (FEAS) para os municípios mato-grossenses. O pagamento começa em janeiro e será dividido em quatro parcelas iguais, de R$ 1,6 milhão, nos meses subsequentes. Os valores, por município, assegurados pela Resolução Nº 01 de janeiro de 2020, foram publicados no Diário Oficial nesta quarta-feira (22.01).

O repasse é a contrapartida do Estado para a rede do Sistema Único de Assistência Social (Suas) e é referente ao ano de 2019. A secretária da Setasc, Rosamaria Carvalho, explica que o Estado vem seguindo com o compromisso de liquidar o débito do cofinanciamento. “No ano passado, no começo do mandato, assumimos uma dívida referente ao ano de 2018 da gestão passada. O pagamento foi feito em oito parcelas. Neste ano, conseguimos reduzir o número de parcelar, antecipando o pagamento para o começo de 2020. Essa antecipação só foi possível por meio do empenho e comprometimento com a assistência social da primeira-dama Virgínia Mendes”.

Leia mais:   Estado e município alinham ações de enfrentamento à dengue em Sinop

Devido o decreto de calamidade financeira de Mato Grosso, em 2019, foram pagos R$ 6,4 milhões dividido em oito parcelas, começando em abril e finalizando no mês de dezembro. O valor está previsto desde 2004, por meio da Política Nacional de Assistência Social, que estabeleceu obrigações a cada ente federativo. “Ao Estado compete cofinanciar os serviços, ações, programas e projetos que se desenvolvem dentro da Assistência Social de cada município”, ressalta Rosamaria.

Na prática, esses repasses são revertidos em ações voltadas para o cidadão, por meio das unidades socioassistenciais (Centros de Referência de Assistência Social, Centros de Referência Especializado de Assistência Social, Centro dia, Centro Pop e unidades de acolhimento).

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Adolescentes são apreendidos por tentativa de roubo de Cáceres

Publicado

Policiais militares de Cáceres apreenderam nesta terça-feira (21.01), quatro adolescentes entre 14 e 16 anos por tentativa de roubo no bairro Jardim das Oliveiras.

Conforme o boletim de ocorrência, uma vítima denunciou via 190 que teria sofrido uma tentativa de roubo quando passava em uma rua e teve seu veículo atingido por paus e pedras.

Os policiais foram até o local e encontraram os adolescentes deitados no chão tentando se esconder. Eles disseram que como a rua é escura jogavam pau e pedras nos carros obrigando o motorista a parar, ocasião em que eles fariam o roubo. Acrescentaram ainda que o ‘modus operandi’ era ameaçar e utilizar a força física. Não foram encontradas armas de fogo nem arma branca.

Serviço 

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Leia mais:   Escolas estaduais recebem verba adicional para melhorar estrutura
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Mais Lidas da Semana