conecte-se conosco


Cáceres e Região

PERIGO NA ESTRADA: Deputado cobra melhorias para as rodovias da região oeste

Publicado

São 11 indicações reapresentadas e uma nova indicação do Dr. Gimenez solicitando ao Governo do Estado recuperação das vias esburacadas e sinalização, entre elas, para a MT 175 conhecida como “Rodovia da Morte”
Da Redação
Devido ao alto índice de acidentes nas rodovias da região oeste, o deputado estadual Dr. Gimenez (PV) cobrou, durante a sessão parlamentar, investimentos do governo do estado. Ele reapresentou 12 indicações que cobram, prioritariamente, recuperação e sinalização de estradas que estão em péssimas condições.
“Não temos mais a justificativa do decreto de calamidade financeira, portanto, peço sensibilidade ao governador e ao secretário de Infraestrutura para que olhem para a nossa região onde este governo teve excelente votação e onde a população aguarda respostas para os problemas”, afirmou o deputado na tribuna.
Já existe uma ação do Ministério Público Estadual (MPE) exigindo da Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra) que faça melhorias na MT-175, conhecida como “Rodovia da Morte”, que corta vários municípios e vai até a BR-174, no entroncamento do Cacho. No final do ano passado, um jovem de 24 anos morreu no trecho entre Mirassol D’Oeste e São José dos Quatro Marcos.
“Essas obras são de extrema importância porque a estrada está em péssimas condições de trafegabilidade, com muitos buracos, não tem acostamento, o mato está invadindo a pista e a sinalização é bastante precária, tudo isso vem resultando quase que semanalmente em acidentes, muitos deles fatais”, lamentou Dr. Gimenez.
Entre as indicações, também estão pedidos de recuperação para a MT-339 de Glória D’Oeste até a BR-174. Essa rodovia é estratégica porque beneficia 11 municípios, entre eles, Quatro Marcos, Mirassol, Araputanga, Indiavaí, Figueirópolis D’Oeste e Jauru. Além disso, facilita o acesso de Curvelândia, Rio Branco, Salto do Céu, Reserva do Cabaçal e Lambari D’Oeste, à região médio-norte.
Outra demanda urgente é para pavimentação asfáltica de um trecho de 5,6 km da MT-250, no município de Mirassol D’Oeste, que inclui trechos da rodovia 175 em Curvelândia e da MT-475 de Aparecida Bela. Essa melhoria, segundo o deputado, vai favorecer o acesso dos trabalhadores da usina de álcool e do frigorífico, incentivando o desenvolvimento econômico regional.
“Recebemos muitas cobranças para a MT-339, entre Quatro Marcos e Glória D’Oeste, que nunca saiu do papel, e é um trecho perigoso. É importante destacar que as estradas são um meio de acesso da população e de entrada e saída de produtos, somos hoje um polo de produção na agricultura familiar e temos o maior rebanho bovino do Estado. Além disso, os investimentos vão dar mais segurança a milhares de estudantes que transitam entre Cáceres, Mirassol, Quatro Marcos e Araputanga”.
Para a MT-248, a demanda é para a construção de uma pista de caminhada entre o auto posto da cidade até a ponte sobre o Rio Brigadeiro, em Figueirópolis D’Oeste, que conforme o vereador Anísio Peres, vai beneficiar diretamente a população. “É um projeto importante que visa estimular a prática de exercícios e ainda dar mais segurança aos trabalhadores do município que fazem uso da rodovia diariamente”.
Também são cobrados serviços de recuperação, com posterior sinalização da MT-170, entre o entroncamento com a BR-174, onde fica o Distrito do Caramujo/Cáceres, passando por Curvelândia, Lambari D’Oeste, Rio Branco e Salto do Céu.
“Esse é um trecho totalmente esquecido pelas gestões passadas que nunca recebeu manutenção e que se encontra uma lástima, mas que compreende uma região belíssima, um cartão-postal do turismo no berço das águas do oeste mato-grossense com incontáveis belezas naturais, como cachoeiras, grutas, lagoas de águas cristalinas, trilhas e praias de água doce”.
O parlamentar também apresentou uma nova indicação reforçando a necessidade de recuperação e sinalização na MT-175, do entroncamento do Cacho (BR-174), até o município do Jauru. A exigência é dos vereadores Elias Lopes, João Martins Martinez, Edson Domingos da Silva e Ronaldo Jardim dos Santos. “Trafegar em dias chuvosos e à noite é bastante perigoso por estar em péssimas condições e sem nenhuma sinalização”, afirmou Lopes.
Rose Domingues Reis
Jornalista/Assessoria Dr. Gimenez
Comentários Facebook
Leia mais:   Emenda garante R$ 480 mil para escolas militares

Cáceres e Região

Começa hoje o carnaval em todo país; em Cáceres serão cinco noites de folia

Publicado

Começa nesta sexta-feira uma das festas mais aguardadas do país, o carnaval. Em Cáceres, serão cinco noites de folia, com duas matinés, uma no domingo e outra na terça-feira.  A praça de eventos da Sicmatur será o palco da festa com apresentação de quatro bandas e dois DJs para animar a festa.

O evento será promovido pelo Grellas Bar e Ronaldinho Eventos.  A abertura acontece a partir das 20h. No primeiro dia estará se apresentando a banda Cheiro da Bahia. Além do Cheiro da Bahia estará se apresentando  a banda Sedu Samba, Tome ai e Fissura, além do grupo Kade e o Dj Sandro.

A entrada dos foliões na praça de eventos será gratuita. Será pago, através de abadás, o folião que optar pelo camarote.  A segurança dos foliões e organizadores estará a cargo da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros e ainda 40 homens contratados para essa finalidade.

Editoria – Sinézio Alcântara

Comentários Facebook
Leia mais:   Gefron recupera dois veículos nos últimos dois dias e prende um suspeito
Continue lendo

Cáceres e Região

Estudantes do IFMT Cáceres são aprovados em universidades públicas de referência em cinco estados brasileiros

Publicado

Estudantes dos cursos técnicos integrados ao ensino médio do Instituto Federal de Mato Grosso, IFMT Campus Cáceres – Prof. Olegário Baldo celebram a aprovação para ingresso em cursos de diversas áreas em universidades de referência no Brasil. Até agora a instituição já tem o registro de aprovação em 2020 de 40 estudantes em instituições de ensino superior como Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Instituto Federal de Rondônia (IFRO), Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) e Universidade Federal de Viçosa (UFV).

Entre as áreas, os cursos de Agronomia e Biologia tiveram o maior número de aprovações de estudantes do IFMT Cáceres por meio da nota do Enem, no Sistema de Seleção Unificada (SISU). Quinze estudantes optaram pelos cursos em instituições com Unemat, UFMT e UFV.

Natan Alves do Nascimento (19 anos) é um desses estudantes. Ele já está em Viçosa realizando o sonho de estudar em um dos cursos mais tradicionais da instituição mineira que foi criada inicialmente para ofertar graduações no campo das ciências agrárias.

“Tenho o maior orgulho de ter me formado no IFMT, esses três anos que passei aí foram de extrema importância para que estivesse aqui na UFV hoje, uma vez que o contato com ótimos profissionais, alguns doutores formados aqui mesmo, despertou em mim o desejo de estudar nessa universidade”, destaca Natan.

Natural de Pontes e Lacerda – MT, filho de pequenos produtores rurais, Natan afirma que sempre esteve próximo da vida do campo e que a possibilidade de cursar o Técnico em Agropecuária Integrado ao Ensino Médio ofertado pelo IFMT foi determinante para a escolha do curso de Agronomia.

“Eu sempre morei na zona rural, então já tinha um certo contato, mas sem sombra de dúvidas foi a formação em técnico que determinou de vez que seguiria a carreira de agronomia. Ao passo que estudava plantas, culturas, solos, gestão e administração rural me aproximava cada vez mais da agronomia”, conta o estudante.

Para o estudante Wellington de Amorim dos Santos, aprovado no curso de bacharelado e licenciatura em Ciências Biológicas da Unemat, campus Jane Vanini em Cáceres, a possibilidade de realizar pesquisas com o incentivo a iniciação científica já no ensino médio no IFMT, o estímulo à reflexão e ao pensamento crítico, e o conhecimento construído no diálogo respeitável e afetuoso com as educadoras e educadores foram fatores indispensáveis para o bom desempenho no Enem e também para a definição de que curso seguir.

“O incentivo à iniciação científica teve muito presente na minha vida no IFMT, principalmente porque eu já gostava muito de pesquisar e questionar. Foi um dos fatores pelos quais eu optei pela Biologia. Todos os meus projetos de iniciação científica, foram voltados para a área da Biologia. Mas, o que me motivou no processo de escolha do curso foi o afeto e a minha admiração pela dedicação dos professores da área”, afirma Wellington.

Persistência

O sonho de fazer medicina em uma universidade pública federal foi transformado em meta pela estudante do Curso Técnico em Informática Integrado ao Ensino Médio do IFMT Cáceres, Letícia Ferreira (19 anos), aprovada em Medicina na Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD).

Letícia concluiu o ensino médio no ano letivo de 2018, fez o Enem e obteve nota que garantiria o ingresso em vários cursos como Odontologia, Enfermagem, Engenharia da Computação, mas ela optou por focar em medicina. No Enem de 2019 foi aprovada no curso desejado na federal de Dourados – MS. Mesmo com a aprovação, Letícia decidiu continuar estudando para ingressar na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), onde reside atualmente, ou na Universidade de São Paulo (USP).

“O IFMT me ajudou de diversas formas, mas eu acho que a mais importante foi o amadurecimento que eu adquiri nesses 3 anos no instituto. Um amadurecimento para vida mesmo, eu fiquei muito independente e entendia que eu tinha que estudar para conseguir alcançar o meu sonho. Então nunca tinha ninguém me obrigando a estudar, porque eu sabia que eu tinha que fazer aquilo”, afirma Letícia.

A estudante também destaca o papel das educadoras e educadores do IFMT para o êxito em sua formação. “Outra coisa que me ajudou muito na persistência e no foco foram os professores que souberam do meu sonho e sempre me incentivaram a escrever e estudar. São profissionais incríveis a quem eu devo muito por essa aprovação tão desejada”, conclui Letícia.

Entre os cursos com aprovação de estudantes do ensino médio técnico do IFMT Cáceres estão bacharelados e licenciaturas em Arquitetura e Urbanismo, Direito, Educação Física, Enfermagem, Engenharia Elétrica, Engenharia Florestal, Farmácia, Geografia, História, Letras, Medicina Veterinária, Odontologia, Pedagogia, Sistemas de Informação e Zootecnia.

Edna Pedro  DRT RJ 5056/2001
Assessoria de Comunicação
IFMT/Campus Cáceres – Prof. Olegário Baldo
(65) 3221-2631
Comentários Facebook
Leia mais:   Xuxu Dal Molin acompanha andamento das obras de reforma e ampliação do Hospital Regional de Sorriso
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Mais Lidas da Semana