conecte-se conosco


Cáceres e Região

Para comemorar seus 80 anos, 2º B Fron realizará corrida pedestre

Publicado

Em 24 de Maio deste ano, o 2º Batalhão de Fronteira, denominado de “Batalhão General José Miguel Lanza”, completará 80 anos de criação. Em razão desta data importante, diversas atividades comemorativas estão sendo planejadas, e dentre elas está a 1ª Corrida do 2º Bfron que acontecerá no dia 19 deste mês.

Os participantes poderão optar por dois percursos , sendo: um de 5 km e outro de 10 km. A largada e chegada, será dentro da unidade militar.

A inscrição, para o evento custa o valor de R$ 70,00 (setenta reais). Este valor, dá direito ao kt do corredor que contém: uma camiseta, sacola personalizada, número de peito, chip para cronometragem e medalha. Haverá premiação em dinheri para os 3 primeiros colocados na categoria geral (masculino e feminino), e na categoria militar/policial (10 km).

As inscrições podem ser feitas, através dos link: https://www.morro.mt.com.br/eventos/1a-corrida-do-2o-bfron-caceres-mt-183.

Presencialmente nos seguintes locais:

– 2º B Fron: Rua XV de Novembro nº 737 – de segunda á quinta-feira, das 09h30 ás 17:00h e sexta, das 09h30 ás 12:00h.

Leia mais:   Parceria Embrapa, Senar e IFMT: Eventos difundem tecnologia de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta em Cáceres

– Jubão: Rua Padre Casemiro, nº  1.299 – de segunda a sexta-feira, das 18 ás 20h e sábado e domingo, das 10:00h ás 12:00h

Data máxima para inscrições; 16 de Maio

Entrega de kits no 2º Bfron – Dias 17 e 18/05 – das 8h as 17h

5ca3f7a9523dc.jpg

História da criação do 2º B fron

O 2º B Fron foi criado em 24 de maio de 1939, a partir da aglutinação da 2ª Companhia de Fronteira (2ª Cia Fron), sediada em Cáceres desde 1932, com a 4ª Companhia de Fronteira (4ª Cia Fron, em Cáceres desde 1937).

Em 27 de julho de 1978, foi transformado em 66º Batalhão de Infantaria Motorizado, sendo subordinado à 13ª Brigada de Infantaria Motorizada, até 1994, quando volta a ter a atual denominação e subordinação.

Em 1999, numa cerimônia que ocorre tanto no Brasil como na Bolívia, recebeu a denominação histórica de Batalhão General José Miguel Lanza. Do lado boliviano, o Batalhão de Infantaria XVII, sediado na cidade fronteiriça de Guayaramerín, recebeu a denominação histórica Batalhão Marechal Luís Alves de Lima e Silva.

Leia mais:   Começa hoje o carnaval em todo país; em Cáceres serão cinco noites de folia

O coronel, Antonio Hervé Braga Júnior, é o atual comandante do 2º Batalhão de Fronteira.

Por: Redação – Luiz Garcia

Comentários Facebook

Cáceres e Região

Começa hoje o carnaval em todo país; em Cáceres serão cinco noites de folia

Publicado

Começa nesta sexta-feira uma das festas mais aguardadas do país, o carnaval. Em Cáceres, serão cinco noites de folia, com duas matinés, uma no domingo e outra na terça-feira.  A praça de eventos da Sicmatur será o palco da festa com apresentação de quatro bandas e dois DJs para animar a festa.

O evento será promovido pelo Grellas Bar e Ronaldinho Eventos.  A abertura acontece a partir das 20h. No primeiro dia estará se apresentando a banda Cheiro da Bahia. Além do Cheiro da Bahia estará se apresentando  a banda Sedu Samba, Tome ai e Fissura, além do grupo Kade e o Dj Sandro.

A entrada dos foliões na praça de eventos será gratuita. Será pago, através de abadás, o folião que optar pelo camarote.  A segurança dos foliões e organizadores estará a cargo da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros e ainda 40 homens contratados para essa finalidade.

Editoria – Sinézio Alcântara

Comentários Facebook
Leia mais:   Parceria Embrapa, Senar e IFMT: Eventos difundem tecnologia de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta em Cáceres
Continue lendo

Cáceres e Região

Estudantes do IFMT Cáceres são aprovados em universidades públicas de referência em cinco estados brasileiros

Publicado

Estudantes dos cursos técnicos integrados ao ensino médio do Instituto Federal de Mato Grosso, IFMT Campus Cáceres – Prof. Olegário Baldo celebram a aprovação para ingresso em cursos de diversas áreas em universidades de referência no Brasil. Até agora a instituição já tem o registro de aprovação em 2020 de 40 estudantes em instituições de ensino superior como Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Instituto Federal de Rondônia (IFRO), Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD) e Universidade Federal de Viçosa (UFV).

Entre as áreas, os cursos de Agronomia e Biologia tiveram o maior número de aprovações de estudantes do IFMT Cáceres por meio da nota do Enem, no Sistema de Seleção Unificada (SISU). Quinze estudantes optaram pelos cursos em instituições com Unemat, UFMT e UFV.

Natan Alves do Nascimento (19 anos) é um desses estudantes. Ele já está em Viçosa realizando o sonho de estudar em um dos cursos mais tradicionais da instituição mineira que foi criada inicialmente para ofertar graduações no campo das ciências agrárias.

“Tenho o maior orgulho de ter me formado no IFMT, esses três anos que passei aí foram de extrema importância para que estivesse aqui na UFV hoje, uma vez que o contato com ótimos profissionais, alguns doutores formados aqui mesmo, despertou em mim o desejo de estudar nessa universidade”, destaca Natan.

Natural de Pontes e Lacerda – MT, filho de pequenos produtores rurais, Natan afirma que sempre esteve próximo da vida do campo e que a possibilidade de cursar o Técnico em Agropecuária Integrado ao Ensino Médio ofertado pelo IFMT foi determinante para a escolha do curso de Agronomia.

“Eu sempre morei na zona rural, então já tinha um certo contato, mas sem sombra de dúvidas foi a formação em técnico que determinou de vez que seguiria a carreira de agronomia. Ao passo que estudava plantas, culturas, solos, gestão e administração rural me aproximava cada vez mais da agronomia”, conta o estudante.

Para o estudante Wellington de Amorim dos Santos, aprovado no curso de bacharelado e licenciatura em Ciências Biológicas da Unemat, campus Jane Vanini em Cáceres, a possibilidade de realizar pesquisas com o incentivo a iniciação científica já no ensino médio no IFMT, o estímulo à reflexão e ao pensamento crítico, e o conhecimento construído no diálogo respeitável e afetuoso com as educadoras e educadores foram fatores indispensáveis para o bom desempenho no Enem e também para a definição de que curso seguir.

“O incentivo à iniciação científica teve muito presente na minha vida no IFMT, principalmente porque eu já gostava muito de pesquisar e questionar. Foi um dos fatores pelos quais eu optei pela Biologia. Todos os meus projetos de iniciação científica, foram voltados para a área da Biologia. Mas, o que me motivou no processo de escolha do curso foi o afeto e a minha admiração pela dedicação dos professores da área”, afirma Wellington.

Persistência

O sonho de fazer medicina em uma universidade pública federal foi transformado em meta pela estudante do Curso Técnico em Informática Integrado ao Ensino Médio do IFMT Cáceres, Letícia Ferreira (19 anos), aprovada em Medicina na Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD).

Letícia concluiu o ensino médio no ano letivo de 2018, fez o Enem e obteve nota que garantiria o ingresso em vários cursos como Odontologia, Enfermagem, Engenharia da Computação, mas ela optou por focar em medicina. No Enem de 2019 foi aprovada no curso desejado na federal de Dourados – MS. Mesmo com a aprovação, Letícia decidiu continuar estudando para ingressar na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), onde reside atualmente, ou na Universidade de São Paulo (USP).

“O IFMT me ajudou de diversas formas, mas eu acho que a mais importante foi o amadurecimento que eu adquiri nesses 3 anos no instituto. Um amadurecimento para vida mesmo, eu fiquei muito independente e entendia que eu tinha que estudar para conseguir alcançar o meu sonho. Então nunca tinha ninguém me obrigando a estudar, porque eu sabia que eu tinha que fazer aquilo”, afirma Letícia.

A estudante também destaca o papel das educadoras e educadores do IFMT para o êxito em sua formação. “Outra coisa que me ajudou muito na persistência e no foco foram os professores que souberam do meu sonho e sempre me incentivaram a escrever e estudar. São profissionais incríveis a quem eu devo muito por essa aprovação tão desejada”, conclui Letícia.

Entre os cursos com aprovação de estudantes do ensino médio técnico do IFMT Cáceres estão bacharelados e licenciaturas em Arquitetura e Urbanismo, Direito, Educação Física, Enfermagem, Engenharia Elétrica, Engenharia Florestal, Farmácia, Geografia, História, Letras, Medicina Veterinária, Odontologia, Pedagogia, Sistemas de Informação e Zootecnia.

Edna Pedro  DRT RJ 5056/2001
Assessoria de Comunicação
IFMT/Campus Cáceres – Prof. Olegário Baldo
(65) 3221-2631
Comentários Facebook
Leia mais:   Prefeito recebe parceiros do projeto "Patrulha Maria da Penha"
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Mais Lidas da Semana