conecte-se conosco


Cáceres e Região

Operação apreende 590 quilos de pescado irregular e 12 mil iscas vivas

Publicado

As multas para as apreensões totalizaram R$ 257,8 mil, com ações conjuntas entre Sema e Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMPA) durante o feriado prolongado

A equipe de fiscalização da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema) apreendeu um total de 590 quilos de pescado irregular e 12 mil iscas vivas durante o feriado prolongado na região do Vale do Rio Cuiabá. As ações foram realizadas em conjunto com o Batalhão de Polícia Militar de Proteção Ambiental (BPMPA). As multas aplicadas totalizaram R$ 257,8 mil.

Conforme o superintendente de Fiscalização da Sema, major Fagner Nascimento, a primeira apreensão ocorreu na quarta-feira (25.05), quando foi flagrado no município de Poconé o transporte irregular de 12 mil iscas vivas da espécie tuvira. Foi aplicada multa administrativa no valor de R$ 240,7 mil, apreensão do tanque de combustível e das iscas, que foram devolvidas ao rio. “Por semana, o pescador devidamente cadastro pode capturar 4 mil iscas, o que totaliza 16 mil iscas vivas no mês. Mas o cadastro deve estar regular.”

Leia mais:   Atacado Pantanal recebe feira de saúde neste sábado

No domingo (29.05), após dois dias de patrulhamento, as equipes de fiscalização ambiental da Sema e do Batalhão Ambiental fizeram três apreensões em Porto Cercado, também em Poconé. Uma delas foi de 465,5 quilos de pescado de diversas espécies por documentação irregular e com cadastro do veículo vencido. O veículo também foi apreendido. O infrator foi autuado em R$ 10,6 mil e o pescado doado para instituições filantrópicas e a uma escola estadual de Cuiabá.

Em relação às outras duas ações, correspondem a um total de 124,6 quilos de pescado apreendidos que estavam com documentação irregular, sem cadastro de transporte para o veículo. Um dos infratores estava sem carteira de pescador e com pescado abaixo da medida e foi conduzido para a Delegacia de Poconé. Além do peixe, foram apreendidos um veículo e duas carretas reboque. As multas somaram R$ 7,2 mil.

Regras para pesca

Embora esteja fora do período de defeso da piracema, os pescadores profissionais e amadores precisam seguir algumas regras determinadas pela Lei Estadual nº 9.096/2009. Ela estabelece a proibição para uso de apetrechos de pesca como: tarrafa, rede, espinhel, cercado, covo, pari, fisga, gancho, garateia pelo processo de lambada, substâncias explosivas ou tóxicas, equipamento sonoro, elétrico ou luminoso.

Leia mais:   Feira de saúde realizada no Atacado Pantanal foi um sucesso

As medidas mínimas dos peixes constam na carteira de pesca do Estado e algumas delas são: piraputanga (30 cm), curimbatá e piavuçu (38 cm), pacu (45 cm), barbado (60 cm), cachara (80 cm), pintado (85 cm) e jaú (95 cm).

Denúncias

A pesca depredatória e outros crimes ambientais podem ser denunciadas por meio da Ouvidoria Setorial da Sema: 0800-65-3838; no site da Sema, por meio de formulário; ou ainda nas unidades regionais do órgão ambiental.

Comentários Facebook

Cáceres e Região

Adolescente é assassinado com tiros na cabeça em Mirassol D’Oeste

Publicado

Testemunhas contaram que um suspeito atirou diversas vezes na vítima, que tentou fugir, mas foi novamente baleada em sequência

Um adolescente de 17 anos foi assassinado com tiros na cabeça na noite deste domingo, nas proximidades da Praça da Lagoa dos Interlados, no município de Mirassol D’Oeste.

Testemunhas contaram, segundo o boletim de ocorrência, que um suspeito teria se aproximado e efetuado alguns disparos contra o jovem. A vítima ainda tentou fugir e correu por alguns metros na tentativa de escapar do criminoso.

No entanto, o atirador se aproximou novamente do rapaz e desferiu mais dois tiros na cabeça do menor.

Uma ambulância foi chamada para socorrer a vítima. No entanto, ao chegar no local informado, a equipe médica constatou o óbito do jovem.

A guarnição da Polícia Militar isolou a área até a chegada de profissionais da Perícia Oficial de Identificação Técnica (Politec), que coletaram provas e fizeram os primeiros trabalhos de apuração.

O corpo dele foi levado para o Instituto Médico Legal (IML).

O bandido fugiu em uma motocicleta logo após o crime e não foi encontrado até o momento.

Leia mais:   SELETIVO 2020/1 Inscrições para Curso Técnico Subsequente em Agropecuária do IFMT em Cáceres estão abertas até o dia 06.11

A Polícia Civil investiga a autoria e a motivação do caso.

Por – João Freitas

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Feira de saúde realizada no Atacado Pantanal foi um sucesso

Publicado

A Feira de Saúde realizada nas dependências do Atacado Pantanal, no último sábado (19), foi um sucesso.

O evento realizado pelo Lions Clube de Cáceres “Portal do Pantanal”, em parceria com o curso de medicina da Unemat e Grupo Juba, movimentou a loja.

Centenas de clientes e pessoas da comunidade receberam diversos serviços na área de saúde como aferição de pressão arterial, peso, altura, índice de massa corporal – IMC, medida da circunferência abdominal e exame de destro (medida de açúcar no sangue), tudo gratuitamente.

Além de atender os clientes e cidadãos, colaboradores do Atacado Pantanal também tiveram acesso aos atendimentos.

Para o colaborador Jaime Conradi Soares Araújo, a feira foi uma boa oportunidade , não só para a sociedade, mas para eles que trabalham ali. “Para mim foi ótimo participar descobri que minha pressão está boa, meu

peso está compatível com minha altura e minha glicose está ótima para minha idade”, avaliou Jaime.

Já o fiscal de prevenção Evair Almeida Cruz, observou que a ação foi muito importante. Para ele, as pessoas não tem tempo, oportunidade e muitas vezes acesso a estes serviços prestados na Feira de Saúde. Eu tive a oportunidade de verificar meu índice de massa corporal, fazer o teste de glicemia e aferir a pressão arterial e tudo grátis. E mais, é muito bom saber que a saúde da gente está tudo em cima, está bem”, discorreu Evair.

Leia mais:   PARCERIA DO BEM Instalação de academias da primeira infância da parceria Dr. Leonardo e Rotary chega a fase final

A psicóloga do Grupo Juba, Kátia Deise Moreira, responsável pela Gestão de Pessoas, aprovou a atividade e a participação dos colaboradores. “Foi mais uma oportunidade de prevenção e controle à saúde, através de exames e serviços oferecidos neste espaço”, analisou Kátia.

O gerente do Atacado Pantanal, Thiago Monteiro, finalizou agradecendo os parceiros e reconhecendo que o acontecimento movimentou a loja no sábado e contribuiu com a saúde, também, de seus colaboradores, já que todos utilizaram os serviços disponíveis.

Por: Esdras Crepadi

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Mais Lidas da Semana