conecte-se conosco


Destaque

MPF aciona o DNIT na Justiça para garantir obras na Serra do Mangaval

Publicado


De acordo com o MPF, frequentemente ocorrem acidentes no referido trecho, causados por diversos fatores, dentre os quais se destacam a velocidade excessiva.

Uma Ação Civil Pública foi movida pelo Ministério Público Federal em Mato Grosso (MPF/MT) contra o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) com a finalidade de assegurar a realização dos atos administrativos necessários à segurança no tráfego na BR-070, por intermédio do DNIT, no trecho conhecido como Serra do Mangaval.

De acordo com o MPF, frequentemente ocorrem acidentes no referido trecho, causados por diversos fatores, dentre os quais se destacam a velocidade excessiva com que os motoristas transitam pelo local e a insuficiência das medidas de segurança de tráfego adotadas pela instituição. Já ocorreram diversos acidentes graves que resultaram na morte de dezenas de pessoas ao longo dos anos. Apesar da instalação de radares para controle de velocidade na área, a medida não gerou resultados, pois, além das ações de segurança de tráfego irem além do controle de velocidade, os equipamentos são alvo de constantes ataques de vandalismo.

Leia mais:   Procon estadual conta com Posto de Atendimento do Juizado Especial

O inquérito civil pede que, além da instalação dos radares, a Superintendência Regional do DNIT informou que, quanto a duplicação da via, está em andamento a realização de estudo de viabilidade técnica, econômica e ambiental. O MPF também recomendou a implantação de sinalização nos trechos de risco e de mais radares para fiscalização de velocidade.

Conforme a ACP, o DNIT ocupou-se de, a cada depredação realizada, instalar novos equipamentos depois de várias semanas em que os radares ficam tombados no chão. Trata-se de providência meramente paliativa, na medida em que a autarquia apenas trata dos danos após serem causados, não procurando medidas tendentes a prevenir essas ações. Ainda que as condutas de vandalizar os equipamentos sejam constantes, nenhuma solução definitiva é adotada.

Diante disso, o MPF recomendou a instalação de câmeras ou construção de barreiras físicas com o objetivo de impedir as práticas de vandalismo direcionadas a destruir os equipamentos de fiscalização eletrônica de velocidade. Porém, o DNIT encaminhou resposta em que somente informou os motivos pelos quais não realizaria a instalação, sem apresentar alternativas destinadas a prevenir ou impedir ações de vandalismo direcionadas a destruição dos equipamentos de fiscalização eletrônica de velocidade.

Leia mais:   Aguardada com expectativa eleição que irá escolher nova diretoria do SSPM

O MPF ainda requer que o DNIT apresente estudo técnico, elaborado por engenheiro com notável conhecimento e experiência no campo de engenharia de trânsito, fora dos quadros da autarquia, acerca de medidas necessárias e recomendáveis para aprimorar a segurança viária da rodovia BR-070 no trecho da Serra do Mangaval. Após a apresentação em juízo do referido estudo, seja fixado prazo para efetiva execução das medidas, considerando a complexidade das soluções sugeridas.

O DNIT deve também manter em funcionamento todos os equipamentos de fiscalização de velocidade localizados no referido trecho, não podendo o prazo de recuperação dos equipamentos danificados superar 15 dias, bem como apresentar plano de redução os impactos dos atos de vandalismo contra os equipamentos. O MPF também requer multa diária caso a autarquia descumpra as medidas determinadas na ACP.
.

FONTE: MPF-MT

Comentários Facebook

Destaque

Grupo Cometa recebe visita de vice-presidente Honda em Cáceres

Publicado

Por: Grupo Cometa

Nessa quarta-feira, 22 de maio o Grupo Cometa recebeu a visita do vice-presidente Honda América Latina, Sr. Shingo Kimata, acompanhado do diretor comercial Honda, senhor Alexandre Cury e outros executivos da empresa. A visita ocorrida teve como destino as instalações da concessionária Cometa Motocenter e o Escritório Central, ambas localizadas em Cáceres/MT. A concessionária Cometa Motocenter pertence ao Grupo Cometa, grupo de empresas que reúne atualmente 19 concessionárias estrategicamente localizado em 05 estados brasileiros, atendendo a mais de 200 cidades.

Ele foi recebido pelo proprietário e prefeito senhor Francis Maris Cruz e diretor presidente do Grupo Cometa senhor Cristinei R. Melo, e diretores da empresa. O objetivo da visita foi conhecer a empresa, do grupo Cometa que é uma das maiores revendedoras de motocicletas do país. O vice-presidente Honda América Latina, senhor Shingo Kimata elogiou muito as instalações, os processos e resultados, e a equipe do Grupo Cometa após sua visita.

Colaborando com a conservação do meio ambiente, o vice-presidente Honda América Latina, Sr. Shingo Kimata, participou do projeto Cometa Frutificar e ajudou com o plantio de uma das mudas que o projeto disponibiliza aos clientes que adquirem veículos, acessórios ou serviços. O projeto Cometa Frutificar tem o objetivo de contribuir para preservação do meio ambiente, a sensibilização e conscientização por meio da educação ambiental.

Leia mais:   MTI e Detran restabelecem conexão com o Sistema Nacional de Gravames (SNG)

SOBRE O GRUPO COMETA

Com mais de 45 anos de história, o Grupo Cometa é um dos maiores revendedores nacionais de motocicletas Honda, a empresa está presente em cinco estados (Amazonas, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará e Rondônia), com 13 concessionárias de motocicletas, e também atua no segmento de automóveis, com 6 revendas das montadoras Volkswagen e Hyundai.

O Grupo Cometa também está presente no segmento de Agronegócios, no qual desenvolve o manejo de gado da raça Nelore (puro de origem), além de ações específicas, como coleta de embriões, fertilização in vitro e organização de leilões.

Referência no mercado pela qualidade no atendimento, gestão de processos, inovação e gestão de pessoas, o Grupo Cometa acrescenta ao seu histórico de premiações, mais um reconhecimento importante que, com certeza, vai impulsionar ainda mais líderes e equipes pela sua PAIXÃO EM SERVIR.

Presença do Grupo Cometa

Motocicletas

Amazonas – Manaus, Tabatinga e Tefé.

Mato Grosso – Alta Floresta, Cáceres, Colíder e Pontes e Lacerda.

Mato Grosso do Sul – Campo Grande e Paranaíba.

Leia mais:   Procon estadual conta com Posto de Atendimento do Juizado Especial

Rondônia – Ji-Paraná e Ouro Preto.

Pará – Belém e Ananindeua.

Veículos de passeio

Mato Grosso – Cáceres (Volkswagen), Sinop (Hyundai) e Rondonópolis (Hyundai).

Rondônia – Ariquemes (Volkswagen) e Ji-Paraná (Volkswagen e Hyundai).

Grupo Cometa

Atendimento à Imprensa

Marketing do Grupo Cometa: GUILHERME POLLONI – mkt@viacometa.com.br – (65) 2122-1054 THIAGO ABREU – mkt02@viacometa.com.br – (65) 2122-1053

Comentários Facebook
Continue lendo

Destaque

Grupo Cometa incentiva e participa de eventos esportivos em Cáceres

Publicado

Por: Grupo Cometa

O Grupo Cometa e a Cometa Volkswagen patrocinaram a 1ª CORRIDA DO 2º B FRON realizada no ultimo domingo, dia 19 de maio de 2019 no município de Cáceres. Com o intuito de ser um elo com a sociedade, o Grupo Cometa que nasceu na cidade de Mirassol D’Oeste em 1973, foi um dos patrocinadores máster. Essa parceria junto com o Exercito brasileiro foi de grande sucesso, aproveitando a oportunidade, ainda foi sorteado um monitor cardíaco para os participantes,

O objetivo é apoiar diversos eventos nas cidades onde possui concessionárias do grupo (Honda, Volkswagen e Hyundai) e participar do desenvolvimento esportivo nas regiões para contribuir com a sociedade.

Além de apoiar o Evento, o Grupo Cometa incentivou seus colaboradores para que participassem da corrida. Com o apoio da empresa os colabores montaram a 1ª Equipe de corrida da Cometa e com 20 atletas inscritos.

SOBRE O GRUPO COMETA

Com mais de 45 anos de história, o Grupo Cometa é um dos maiores revendedores nacionais de motocicletas Honda, a empresa está presente em cinco estados (Amazonas, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará e Rondônia), com 13 concessionárias de motocicletas, e também atua no segmento de automóveis, com 6 revendas das montadoras Volkswagen e Hyundai.

Leia mais:   Detran-MT prepara chamamento para habilitar empresas de pagamento de cartões

O Grupo Cometa também está presente no segmento de Agronegócios, no qual desenvolve o manejo de gado da raça Nelore (puro de origem), além de ações específicas, como coleta de embriões, fertilização in vitro e organização de leilões.

Referência no mercado pela qualidade no atendimento, gestão de processos, inovação e gestão de pessoas, o Grupo Cometa acrescenta ao seu histórico de premiações, mais um reconhecimento importante que, com certeza, vai impulsionar ainda mais líderes e equipes pela sua PAIXÃO EM SERVIR.

Presença do Grupo Cometa

Motocicletas

· Amazonas – Manaus, Tabatinga e Tefé.

· Mato Grosso – Alta Floresta, Cáceres, Colíder e Pontes e Lacerda.

· Mato Grosso do Sul – Campo Grande e Paranaíba.

· Rondônia – Ji-Paraná e Ouro Preto.

· Pará – Belém e Ananindeua.

Veículos de passeio

· Mato Grosso – Cáceres (Volkswagen), Sinop (Hyundai) e Rondonópolis (Hyundai).

· Rondônia – Ariquemes (Volkswagen) e Ji-Paraná (Volkswagen e Hyundai).

Grupo Cometa

Atendimento à Imprensa

Marketing do Grupo Cometa:

GUILHERME POLLONI – mkt@viacometa.com.br – (65) 2122-1054

Leia mais:   Publicado resultado preliminar do processo seletivo do Socioeducativo

THIAGO ABREU – mkt02@viacometa.com.br – (65) 2122-1053

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Mais Lidas da Semana