conecte-se conosco


Destaque

Marinha do Brasil realiza “Operação Celeiro IV” no Estado de Mato Grosso

Publicado

Exercícios operativos serão realizados de 11 a 29 de março, na região de Cáceres-MT.Navios estarão abertos para visitação no domingo, dia 17
A Marinha do Brasil, por meio do Comando do 6o Distrito Naval, realiza a“Operação Celeiro IV” no Estado de Mato Grosso, entre os dias 11 e 29 de março. No período, serão executadas atividades inerentes às tarefas do Com6oDN, como adestra-mentos de Operações Ribeirinhas, Operações de Patrulha Naval e Manutenção de Balizamento Hidrográfico.

A Operação, realizada na região pantaneira de Cáceres-MT, conta com a participação de mais de 400 militares, meios navais, aeronavais e de Fuzileiros Navais doCom6oDN, sendo eles: navios do Comando da Flotilha de Mato Grosso, um helicóptero“Esquilo” e um grupamento operativo de fuzileiros navais.
Além disso, os exercícios contarão, também, com a participação de meios da Força de Fuzileiros da Esquadra e do Comando-em-Chefe da Esquadra, bem como de uma Lancha Guardian-25 do Exército Brasileiro e de um avião A-29 da Força Aérea Brasileira. Está prevista visitação pública aos navios empregados na Operação no domingo,dia 17 de março, no período de 9h às 18h.

Leia mais:   Politec é parceira do Mutirão Rural em 2019

Contato:Assessoria de Comunicação Social do Comando do 6º Distrito Naval Tel: (67)3234-1006/ 99293-7302/ (61) 98285-1535Email: com6dn.imprensa@6dn.mar.mil.br

Comentários Facebook

Destaque

Agressor de violência doméstica terá de reembolsar SUS

Publicado

Em esforço concentrado para apreciar propostas de interesse da bancada feminina, Câmara e Senado aprovam projetos para vítimas de violência

O agressor em casos de violência doméstica e familiar será obrigado a pagar os custos com os serviços de saúde do Sistema Único de Saúde (SUS) e também os dispositivos de segurança usados no monitoramento das vítimas. É o que prevê o projeto aprovado pelos senadores na noite de terça-feira (19).

O projeto modifica trechos da Lei Maria da Penha.

O ressarcimento será revertido ao ente público à qual pertence a unidade de saúde que prestar o serviço.

O texto impede que o agressor utilize o patrimônio da vítima ou dos seus dependentes para efetuar o pagamento.

O projeto volta à Câmara, porque foi alterado no Senado.

Já os deputados federais, aprovaram o projeto de lei que estabelece prioridade de matrícula a filhos de mulher que sofre violência doméstica. Segundo o texto da relatora, deputada Bruna Furlan (PSDB-SP), o juiz poderá determinar a matrícula dos dependentes da vítima em instituição de educação básica mais próxima do seu domicílio, independente da existência de vaga.

Leia mais:   Seis são presos por porte de arma e tráfico de drogas

Autora da proposta, a deputada Geovania de Sá (PSDB-SC), destaca que as matrículas não podem ser negadas “no momento em que a vítima mais precisa”.

O projeto garante a prioridade até a conclusão da educação básica aos 17 anos, contemplando inclusive o ensino médio.

A matéria segue agora para análise do Senado

http://audios.ebc.com.br/7b/7bcee857928b5b99d9cf6518702e4d6f.mp3

Outros destaques desta edição:

Estados Unidos podem abrir as portas da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico ao Brasil 

Agência Brasil
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Mirassol D’Oeste (MT) abre processo seletivo com salário de até R$ 17 mil

Publicado

A Prefeitura de Mirassol D’Oeste, a 329 km de Cuiabá, divulgou um edital de processo seletivo que prevê 67 vagas no município. Segundo a prefeitura, as inscrições começam no dia 29 de março. Os salários vão de R$ 1.006,28 até R$ 17.512,29.

Os cargos são para todos os níveis de escolaridade: auxiliar administrativo, auxiliar de tributação, agente administrativo, fisioterapeuta, fonoaudiólogo, médico, merendeira, motorista, psicólogo, técnico em contabilidade, assistente social, auxiliar administrativo, auxiliar de desenvolvimento infantil, cadastrador social do Bolsa Família, educador social, entrevistador social, educador para idosos, monitor de escola, monitor de informática, monitor de recreação, orientador social, enfermeiro, assistente de informática, bioquímico, mecânico de máquinas pesadas, nutricionista, odontólogo, operador de máquinas pesadas, técnico de enfermagem e outros.

Os interessados devem acessar o site da prefeitura até o dia 17 de abril.

Por G1 MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Mais Lidas da Semana