conecte-se conosco


Estadual

Mais de 620 veículos apreendidos há mais de 60 dias serão leiloados pelo Detran-MT

Publicado

Para participar, os interessados deverão se cadastrar no site até o dia 20 de junho. Os lances se encerram no dia seguinte, 21 de junho, às 9h, horário local.

Mais de 620 veículos apreendidos há mais de 60 dias em Cuiabá, Nobres, Nova Mutum, Lucas do Rio Verde, Sorriso, Vera, Cláudia e Sinop serão leiloados pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT). Este é o terceiro leilão deste ano.

Os lances para os 628 veículos deverão ser ofertados a partir de 5 de junho somente no site da empresa leiloeira www.brbid.com. Para participar, os interessados deverão se cadastrar no site até o dia 20 de junho. Os lances se encerram no dia seguinte, 21 de junho, às 9h, horário local.

O presidente do Detran-MT, Gustavo Vasconcelos, destacou que a estimativa de arrecadação desta edição é de R$ 1,5 milhão.

Os valores arrecadados são destinados ao pagamento das pendências financeiras que cada veículo possui com a administração estadual, uma vez que o leilão não pode gerar lucro. Quando o valor arrematado pelo veículo for superior à dívida, é feito o ressarcimento ao proprietário. Porém, quando não há a quitação da pendência, o proprietário do veículo pode ser inscrito em dívida ativa.

Documentação

Os documentos necessários para pessoa física são: RG, CPF e comprovante de residência (com data máxima de 30 dias anteriores ao leilão). As pessoas jurídicas devem encaminhar cópias digitalizadas do contrato social devidamente registrado, cartão de CNPJ e documento de identidade RG e CPF do sócio dirigente, proprietário ou representante legal.

Comentários Facebook

Estadual

Governo federal garante recurso para rodovias de MT

Publicado

O Diário Oficial da União publicou ontem (15.08), portaria que transfere recursos dos orçamentos Fiscal e da Seguridade Social para o Ministério da Infraestrutura, garantindo investimentos num total de R$ 20 milhões para as BRs 163, 242 e 070 em Mato Grosso. No primeiro semestre, o governo federal havia anunciado o corte de recursos para essas obras, mas o trabalho do senador Wellington Fagundes e de toda a bancada de MT conseguiu reverter.
Agora, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit-MT) que homologou, nesta semana, a licitação para contratação de obras de drenagem no contorno rodoviário de Barra do Garças, já pode contar com esses recursos. A obra tornou-se necessária e teve que ser redimensionada devido ao crescimento da cidade.
“Essas obras de drenagem são essenciais para que se possa continuar a pavimentação do contorno”, explica o senador Wellington Fagundes, que vem acompanhando essa situação.
O superintendente do Dnit em Mato Grosso, Orlando Fanaia, lembra que, com a expansão de Barra do Garças, as obras de drenagem rodoviária precisaram ser substituídas por drenagem urbana e o projeto teve que ser alterado. “Somente com a conclusão da drenagem será possível executar a pavimentação da rodovia no perímetro de Barra do Garças”, diz.
O contorno viário tem 9,9 km ligando as BRs-070 e 158 até a ponte do rio Araguaia, em Barra do Garças e Pontal e vai retirar o tráfego de veículos pesado do perímetro urbano.
“O próximo passo é a iluminação desse anel viário”, disse o senador Wellington, que deve levar o assunto ao conhecimento do ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas.
Da assessoria

Comentários Facebook
Leia mais:   Sema resgata 12 tartarugas nas Regiões do Araguaia e do Xingu; 8 pessoas foram presas
Continue lendo

Cáceres e Região

Assembleia Legislativa aprova projeto que faz de Cáceres a Capital Estadual da Pesca Esportiva

Publicado

A Assembleia Legislativa aprovou em duas votações o projeto de lei estadual 185/2018, de autoria do agora deputado federal Dr. Leonardo (SOLIDARIEDADE-MT), no início de agosto. O PL tem como objetivo fortalecer o município no cenário nacional e internacional do turismo, conferindo reconhecimento legal ao que já ocorre na prática, para facilitar a vinda recursos públicos e a construção de rotas turísticas. O projeto agora segue para sanção do governador Mauro Mendes.

“É vital o reconhecimento oficial de Cáceres como capital estadual da pesca para fortalecer os projetos de turismo para a região. Cáceres foi considerada pelo Governo Federal como uma das 65 cidades do Brasil que são indutoras do turismo, sendo a porta de entrada para a Rota das Águas, que envolve Curvelândia, Lambari d’Oeste, Rio Branco, Salto do Céu e Reserva do Cabaçal, ou para Pantanal, por Poconé”, afirmou Dr. Leonardo.

O município de Cáceres foi reconhecido pelo Instituto Rank Brasil como capital nacional da pesca esportiva, após três anos de estudo levando em consideração a aptidão da cidade para a pesca, o número de estabelecimentos voltados para a pesca esportiva, os profissionais envolvidos e o número de participantes fizeram de Cáceres a maior capital de pesca esportiva do Brasil.

Leia mais:   Gefron e Polícia Federal apreendem quase 100 quilos de drogas em Cáceres

Anualmente, Cáceres realiza o Festival Internacional de Pesca Esportiva (FIPe), conhecido por unir os amantes pela pesca esportiva, valorizando a preservação das espécies e a sustentabilidade do meio ambiente, em especial do Rio Paraguai. O tradicional evento já aparece duas vezes no Guiness Book: a primeira desde 1992, como maior competição de pesca embarcada em água doce do mundo; a segundo a partir de 2010, como maior competição de canoa a remo.

fonte: assessoria

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Mais Lidas da Semana