conecte-se conosco


Cáceres e Região

Mais de 4.00 pessoas lotam arena Pantanal na abertura do 13º Encontro Nacional de Educação Matemática

Publicado

Mais de 4.000 professores da Educação Básica, estudantes de licenciaturas em Matemática e Pedagogia, de cursos de pós-graduação e pesquisadores participaram no domingo (14/07), da abertura do 13º Encontro Nacional de Educação Matemática, realizado na Arena Pantanal, em Cuiabá.

Pela primeira vez sediada no Centro-oeste, esta edição tem como temática central “Educação Matemática com as Escolas da Educação Básica – Interfaces entre pesquisas e salas de aula”.

O coordenador da Sociedade Brasileira de Educação Matemática, regional de Mato Grosso (Sebem-MT), e professor da Unemat, Márcio Urel, afirmou que o maior laboratório vivo para a pesquisa é a sala de aula. “Enquanto universidade, entendemos que a solução para este país passa pela Educação Básica, e principalmente as salas de aula lá da base. Do contrário, as nossas pesquisas servirão somente para entulhar bibliotecas e aumentar os currículos lattes dos próprios pesquisadores”.

Este é o mais importante evento da área no âmbito nacional. O reitor da Unemat, Rodrigo Zanin, frisou a importância da relação da universidade, institutos e sociedades científicas com a Educação Básica. “É a universidade saindo dos seus muros e indo lá na ponta, mantendo estreito diálogo com os diferentes atores envolvidos nos processo de ensino e aprendizagem em Matemática. Um evento como este mostra a importância do que está sendo pensado para a Educação”.

Leia mais:   Cão farejador do Canilfron auxilia policiais do Gefron a apreender 3 invólucros de 'supermaconha' no Porto Esperidião

Encontro de Matemática em números- Os números evidenciam o tamanho desse evento. São 1.684 trabalhos durante os quatro dias de Encontro, sendo 2 conferências, 30 palestras, 27 mesas redondas, 904 comunicações científicas, 446 relatos de experiências, 139 pôsteres e 138 minicursos.

Também estão expostos 74 experimentos na Feira de Matemática, trazidos por estudantes oriundos de oito estados brasileiros, de todas as modalidades de ensino. “É um espaço de democratização do ensino e publicização do trabalho realizado em sala de aula e também uma prestação de contas para a comunidade que olha para a Educação como um instrumento de transformação social”, declarou a representante da Comissão Nacional das Feiras de Matemática, Fátima Peres de Oliveira.

O 13º Encontro Nacional de Educação Matemática promove discussões sobre a Educação Matemática, seus fazeres múltiplos e complexos, tendências metodológicas e pesquisas que constituem a área. A Presidente da Sociedade Brasileira de Educação Matemática, Regina Célia Grando, afirmou que há grande diversidade de contextos culturais, sociais e políticos, que marcam o exercício da profissão no País. Entretanto, os desafios experimentados são semelhantes.

“Os desafios diários dos professores e estudantes na sala de aula de Matemática podem ser compartilhados nos diferentes espaços na programação do evento, o que nos possibilita novas ideias e o sentimento de que o trabalho do professor não é solitário”.

Leia mais:   Mato Grosso registra 28.791 casos e 1.077 óbitos por Covid-19

A Secretária de Estado de Educação, Marioneide Kliemaschewsk, declarou que mesmo diante dos desafios, a Seduc está de portas abertas. “Às nossas universidades precisamos dizer que vocês são fundamentais no processo de mudança da educação, ao fazerem o papel de formadores”.

Programação- Os trabalhos serão apresentados em três eixos: Práticas Escolares, Pesquisa em Educação Matemática e Formação de Professores. Espera-se que as discussões possam contribuir, dentre outras esferas, com os processos de ensinar e de aprender matemática nas Escolas da Educação Básica do Brasil.

Nos dias 15, 16 e 17 de julho (de segunda a quarta- feira), das 7h30 às 18h00, haverá mesas redondas, palestras, pôsteres, minicursos, sessão de comunicações científicas e relatos de experiências. A conferência de encerramento será dia 17/07, às 17h00, com o professor Dr. Jonei Cerqueira Barbosa (UFBA), sobre “Perspectivas e desafios nas relações entre os conhecimentos produzidos na universidade e na escola básica”. Saiba mais: https://www.xiiienem.com.br/programacao.php.

Organização: Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), Sociedade Brasileira de Educação Matemática (Sebem) e Sociedade Brasileira de Educação Matemática (Sebem), regional Mato Grosso (Sebem-MT). Apoio: Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer, Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Instituto Federal de mato Grosso (IFMT), CNPq, Capes.–

por Danielle Tavares

Comentários Facebook

Cáceres e Região

Gefron prende três pessoas e apreende drogas, armas e veículos na fronteira

Publicado

As ações ocorreram na zona rural dos municípios de Porto Esperidião, Pontes e Lacerda e no Jardim Aeroporto em Vila Bela da Santíssima Trindade

Em apenas um dia, o Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron) prendeu três pessoas e apreendeu 16 tabletes de substância análoga à pasta base de cocaína, três invólucros de “super maconha”, três armas, dois veículos, uma motocicleta e 120 munições de calibre 22, 36 e 38. As atividades repressivas ocorreram no sábado (11.07) e o prejuízo ao crime resultou na quantia de R$ 343.700 mil.

Por volta das 10h de sábado, na zona rural do município de Porto Esperidião (a 326 km ao Oeste de Cuiabá), durante patrulhamento na estrada vicinal Laranjal foi avistado um Corsa Sedan de cor branca parado com o porta malas aberto e a chave na ignição. Após o condutor do veículo perceber a viatura policial se aproximando, o mesmo seguiu em direção a mata, mas foi realizada varredura no local, onde a equipe policial localizou o veículo que foi encaminhado para a Base do Gefron no município.

A equipe do Canilfron realizou buscas no veículo com o cão farejador. Durante as buscas, três invólucros contendo 545 gramas  de substância análoga à “super maconha” foram encontradas no paralama direito do veículo. Com base nos fatos, o veículo e as drogas foram encaminhados para a Delegacia Especial de Fronteira (Defron), para providências cabíveis.

Leia mais:   Após relato em reunião da bancada feito pelo deputado Dr. Leonardo, Governo busca auxílio técnico em uso de câmara de ventilação no combate a Covid

Mais apreensões de drogas

Ainda no mesmo dia, às 13h, durante patrulhamento na rodovia MT- 473, no município de Pontes e Lacerda (a 445 km ao Oeste da capital), uma equipe policial avistou uma motocicleta Honda NXR de cor preta e um VW Gol de cor branca em atitude suspeita. Diante da situação, sinais sonoros e luminosos foram acionados, mas o condutor da motocicleta empreendeu fuga em direção à cidade. Os policias conseguiram então realizar a abordagem da motocicleta e do veículo Gol.

Durante a busca veicular, foram encontrados na parte interna abaixo dos vidros traseiros, 16 tabletes de substância análoga à pasta base de cocaína. Após questionamento policial, os suspeitos disseram que receberiam a quantia de R$ 5 mil para buscar a droga na Ponta do Aterro e deixá-la no Posto Rondon, em Pontes e Lacerda.

Os dois suspeitos juntamente com a motocicleta, o veículo e os entorpecentes foram encaminhados para a Delegacia Especial de Fronteira do município de Cáceres.

Apreensão de armas e munição

Já às 21h, no Jardim Aeroporto em Vila Bela da Santíssima Trindade (a 521 km ao Oeste), a equipe da Rotam avistou uma caminhonete de cor branca parada na esquina de um local. Foi efetuada a abordagem onde uma pessoa se apresentou como proprietário do veículo e após a checagem veicular nada foi encontrado.

Leia mais:   Situação se agrava e interior concentra 71% dos casos da pandemia do novo coronavírus

Na sequência, os policiais questionaram ao condutor sobre a CNH e o mesmo relatou não estar com os documentos e muito menos com a identidade. A equipe policial perguntou onde ficava a residência do indivíduo e o mesmo informou que residia na Fazenda Palmital e que naquele dia estava hospedado em um hotel do município.

A equipe da Rotam e a GU juntamente com o condutor do veículo se deslocaram até o hotel que o suspeito dizia estar hospedado.  Durante revista no quarto, foram encontrados uma caixa de munição com 50 unidades de calibre 22 e oito munições de revólver calibre 38.  Já na Fazenda Palmito também foram encontrados um revólver calibre 38, um rifle calibre 22 e 36.  67 munições de calibre 38, 36 e 22, além das duas cápsulas deflagradas de calibre 38.

O suspeito possuía antecedentes criminais por danos materiais e foi encaminhado para a Delegacia de Vila Bela.

As ações fazem parte da Operação Hórus/Vigia no combate aos crimes na faixa de fronteira e contou com o apoio da ROTAM, Canilfron, 12º Comando Regional e 2º Cia da Polícia Militar.

(Sob supervisão da jornalista Julia Oviedo)

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Deputado Dr. Leonardo anuncia mais R$ 6,35 milhões para Cáceres

Publicado

Assessoria

O médico e deputado federal Dr. Leonardo anuncia nesta segunda-feira (13) a liberação de mais R$ 6.513.928,98 (seis milhões, quinhentos mil e novecentos e vinte e oito reais e noventa e oito centavos) pelo Governo Federal para a região de Cárceres (MT). Trata-se da segunda parcela de recurso destinado ao município por força da aprovação da Lei Complementar 173/2020, aprovada no Congresso Nacional, com voto favorável do parlamentar, que tem empenhado em direcionar recursos ao combate da pandemia de coronavírus em Mato Grosso.

Em junho, Cáceres já tinha recebido a primeira parcela, também no valor de R$ 6,5 milhões, totalizando R$ 13 mi até agora. As duas próximas remessa de recurso referente a Lei Complementar 173/2020 serão realizadas dia 12 de agosto e 1 de setembro. “A maior parte deste recurso é de uso livre por parte da administração pública, para recompor perdas na arrecadação do Município; mas esperamos ver maior parte aplicada na saúde, devido a urgência do momento”, afirmou Dr Leonardo. “Com essa verba é possível alugar equipamentos para manter leitos de unidades de terapia intensiva (UTI), por exemplo”, recomenda o deputado.

Além dos recursos referentes ao auxílio emergencial, criados com a aprovação da LC 173/20, a Princesinha do Paraguai recebeu ainda R$ 517.769,33 do Fundo Nacional de Saúde exclusivos para combate a Covid-19 e R$ 1.239.538,75 de apoio ao Fundo de Participação dos Municípios (FPM). O município de Cáceres, que é principal referência em saúde da Região Sudoeste/Oeste de Mato Grosso, já sofre com a falta de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para atender pacientes em estado grave de Covid-19, a doença causada pelo coronavírus.

Único parlamentar federal da região, Dr. Leonardo tem trabalhado continuamente para buscar recursos federais para o combate do coronavírus, através da aprovação de leis e indicando as unidades da saúde para receber verbas. “Estamos fazendo a nossa parte, não apenas em busca de recursos junto ao Governo Federal, como de soluções alternativas que temos apresentado ao Governador”, completa o parlamentar.

Comentários Facebook
Leia mais:   Presos em Cáceres traficantes que vendiam drogas até com cartão de débito e crédito: "A pedido da clientela"
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana