conecte-se conosco


Economia

Luverdense domina seleção do Mato-Grossense; Alfredo é o craque

Publicado

O Luverdense dominou a seleção do Campeonato Mato-Grossense, eleita pelos jornalistas do Globo Esporte MT. Cinco jogadores do campeão foram escolhidos entre os onze melhores do estadual, que acabou neste final de semana com a vitória do Luverdense sobre o Sinop por 1 a 0.

O craque do torneio foi o atacante Alfredo, que marcou 13 gols, inclusive o da vitória na decisão. Com faro de gol, o atleta foi fundamental na campanha do título estadual.

O treinador escolhido foi Marcos Birigui, que pegou um time desacreditado e conseguiu chegar na final. Além do Luverdense, jogadores do Araguaia, Cuiabá, Dom Bosco e Sinop emplacaram jogadores entre os onze.

Seleção do Mato-Grossense

Goleiro – André (Cuiabá)
Lateral-direito – Gabriel Passos (Luverdense)
Lateral-esquerdo – Matheus Leoni (Luverdense)
Zagueiro – Luiz Otávio (Luverdense)
Zagueiro – Mateus Lima (Sinop)
Volante – Natan (Dom Bosco)
Volante – Ricardo (Luverdense)
Meia – Cabralzinho (Araguaia)
Meia – Robinho (Dom Bosco)
Atacante – Cleberson (Sinop)
Atacante e craque – Alfredo (Luverdense)
Treinador – Marcos Birigui (Sinop)

Leia mais:   Treze municípios de MT estão com alto risco de contaminação pela Covid-19
Fonte: GE/MT
Comentários Facebook

Destaque

Gasolina no Centro-Oeste está 4,54% mais cara em relação a janeiro

Publicado

Assessoria GD

De acordo com o Índice de Preços Ticket Log (IPTL), o litro da gasolina encontrado na Região Centro-Oeste nos primeiros dias de fevereiro é o mais caro do País. Comercializado a R$ 5,090, o preço médio do combustível cresceu 4,54% em comparação ao fechamento de janeiro. Em contrapartida, o etanol, vendido a R$ 3,604 na região, é o mais barato quando comparado às outras regiões, mesmo tendo registrado alta de 1,95% em relação ao fim do mês anterior.

O litro dos principais combustíveis foram encontrados pelo menor preço no Mato Grosso. A gasolina apresentou média de R$ 4,989, sendo 3,96% mais cara em comparação ao fechamento de janeiro. Já o litro do etanol foi encontrado a R$ 3,406 nos postos do Estado – um aumento de 1,19%.

No Mato Grosso do Sul, a gasolina foi comercializada a R$ 5,205 e se apresentou como a mais cara da Região. Já no Distrito Federal, o destaque negativo foi para o etanol, que registrou o maior preço nas bombas – de R$ 3,832.

Leia mais:   Treze municípios de MT estão com alto risco de contaminação pela Covid-19

Em Goiás, os preços médios do diesel comum e do diesel S-10 foram os mais baratos do Centro-Oeste na primeira quinzena do mês. O litro dos combustíveis foi encontrado a, respectivamente, R$ 3,942 e R$ 3,993 – altas de 1,94% e 1,86% em relação ao fechamento de janeiro. Já nas bombas mato-grossenses, ambos os combustíveis foram comercializados com a maior média de preços da região, a R$ 4,176 o diesel, e R$ 4,297 o diesel S-10.

“Todos os combustíveis seguem mantendo cenário de alta na Região. Nos estados de Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, o etanol compensou mais no bolso do consumidor, se considerada a relação de vantagem 70/30 com a gasolina. Já o motorista que abastece no Distrito Federal, pode optar pela gasolina que, mesmo tendo registrado alta de 6,04%, segue sendo a mais vantajosa”, afirma Douglas Pina, Head de Mercado Urbano da Edenred Brasil.

O IPTL é um índice de preços de combustíveis levantado com base nos abastecimentos realizados nos 18 mil postos credenciados da Ticket Log, que tem grande confiabilidade, por causa da quantidade de veículos administrados pela marca: 1 milhão ao todo, com uma média de oito transações por segundo. A Ticket Log, marca de gestão de frotas e soluções de mobilidade da Edenred Brasil, conta com mais de 25 anos de experiência e se adapta às necessidades dos clientes, oferecendo soluções modernas e inovadoras, a fim de simplificar os processos diários.

Comentários Facebook
Continue lendo

Destaque

Governo paga servidores estaduais nesta sexta-feira (26)

Publicado

Sefaz – MT

Pelo sexto mês consecutivo, os servidores estaduais receberão seus salários dentro do mês trabalhado. Nesta sexta-feira (26.02), os salários dos servidores públicos estaduais ativos, inativos e pensionistas, relativos ao mês de fevereiro, estarão disponíveis em suas contas bancárias. O pagamento cumpre o anunciado em janeiro pelo governador Mauro Mendes.

De acordo com a Secretaria Adjunta do Tesouro Estadual, da Secretaria de Fazenda, a folha liquida do mês de fevereiro chega a R$ 471.531.582,96, sendo R$ 296.442.460,24 para ativos e R$ 175.089.122.72 para inativos e pensionistas.

Receberão salários e proventos 107.819 pessoas. Desse total 67.422 são servidores ativos das administrações direta e indireta; 36.023 inativos e mais 4.354 pensionistas. O dinheiro estará liberado tanto para quem tem contas no BB, como para aqueles que fizeram portabilidade para outros bancos.

A secretária adjunta do Tesouro Estadual, Luciana Rosa, informa que o fechamento da folha de pagamento e a transmissão ao Banco do Brasil foi concluído na manhã desta quinta-feira (25). Os documentos impressos foram enviados para o banco também nesta manhã e até o meio dia desta sexta-feira todos os depósitos já terão sido processados pelo Banco do Brasil

Leia mais:   Saúde estadual alerta municípios para aumento de casos de malária
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana