O Juba Supermercados, mais uma vez demonstra seu compromisso social com Cáceres, e ajuda um atleta mirim, de 11 anos, a poder praticar Jiu Jitsu, uma arte marcial japonesa, que utiliza uma série de diferentes técnicas e golpes corporais com objetivo de derrotar ou imobilizar o adversário .

O cacerense, Carlos Alberto de Souza Silva, é uma das grandes promessas da modalidade no estado de Mato Grosso e quiçá do Brasil.

O menino de origem humilde, já participou de três campeonatos estaduais, tendo se sagrado campeão em Rondonópolis e conquistado diversos outros torneios e títulos. Mas segundo seus pais, o pedreiro Rodenil da Silva e Elisângela Leite, não está sendo fácil. “O Carlos Alberto é um talento, mas enfrentamos muita dificuldade para obter apoio e patrocínio para competições dentro e fora do estado. Sempre de pires nas mãos e fazendo promoções, rifas e arroz carreteiro para conseguirmos manda-lo aos eventos, e nem sempre conseguimos”, conta a mãe Elisângela.

Ela explica que o esporte ajudou sobre maneira o desenvolvimento escolar do menino, que tinha um déficit de aprendizagem, e principalmente nas relações humanas com a família e grupos sociais.

“O que era para ser uma brincadeira se tornou um esporte de nível para ele, que é talentoso e vencedor”, comemora o pai Rodenil, apresentando com orgulho diversas medalhas conquistadas pelo filho. “Se conseguirmos recursos, em junho ele vai para o mundial de Jiu Jitsu em São Paulo”, anuncia.

A Professora do atleta Professora Nilza Helena, foi quem procurou o Grupo Juba, solicitando o patrocínio de um quimono oficial para que Carlos Alberto pudesse participar de grandes competições, já que o menino lutava com quimono emprestado.

“Prontamente recebemos resposta do Diretor Marcelo Ribeiro, dizendo que havia encomendado o uniforme em São Paulo, de primeira linha e assim que chegasse entregaria as peças ao “Jiujiteiro”, e hoje acompanho este momento de alegria do Carlos Alberto e de sua família”, vibra Nilza, que divulga telefones para quem também quiser ajudar o menino. “ Nos ajudem é só ligar 999511217 e 999835405, toda ajuda é bem vinda”, informa.

A Coordenadora de Recursos humanos do Grupo Juba, Gláucia Pinheiro, que participou da entrega do quimono, disse que valorizar pessoas e incentivar a prática do esporte, está no gene da responsabilidade social das empresas Juba. “Sensibilizamo-nos com esta causa e fizemos nossa parte, doando este material de primeira, espero que outras empresas e pessoas possam ajudar o menino neste projeto esportivo e de vida”, salienta Gláucia.

Ela ainda citou dois projetos esportivos patrocinados pelo Grupo Juba, o Volei Kids, que atende 50 crianças no bairro DNER e o Basquete no bairro Vila Nova, do Professor Joilson do Espírito santo, que atende também dezenas de adolescentes, entre tantos outros patrocínios e apoios.

Esdras Crepaldi /Assessoria

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA