conecte-se conosco


Mato Grosso

Governo assina 148 títulos de regularização fundiária

Publicado

O governador Mauro Mendes assinou 148 títulos de regularização fundiária urbana das cidades de Campo Verde e Figueirópolis D’Oeste. O ato aconteceu na manhã desta quarta-feira (17), no Palácio Paiaguás, e contou com a presença dos prefeitos Fábio Schroeter (Campo Verde), Eduardo Vilela (Figuierópolis D’Oeste) e do deputado estadual Dilmar Dal’Bosco.

São 78 títulos para a cidade de Campo Verde, do bairro Residencial Cuiabá, e 70 de Figueirópolis, do bairro Cidade Alta. O trabalho de legalização dessas áreas foi realizado pelo Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat), que está sob o comando de Francisco Serafim, em parceria com as prefeituras.

“Essa ação devolve a dignidade dessas famílias. O Intermat tem uma missão de regularizar não só as áreas urbanas, mas também as rurais. Quem vive sobre um teto ou sobre uma área rural e cumpriu com os requisitos legais precisa ter não só a sua posse, mas a propriedade e é o nosso trabalho regularizar isso”, destacou o governador.

Além dessas duas cidades, segundo explicou o presidente do Intermat, há outros três municípios com títulos em aptos para serem assinados, sendo eles: Alto Araguaia (76), Nova guarita (50) e Guiratinga (76).

Leia mais:   Alunos aprovam cursos de EAD oferecidos pela Seciteci

De acordo com o deputado Dilmar Dal’Bosco, o papel do Estado é fundamental nesse processo de devolver ao cidadão o poder sobre o bem, seja ele urbano ou rural. “O governo traz oportunidade de a pessoa ter o seu título e a segurança da sua propriedade. Nessa pequena atitude ela dá condição dela ter dignidade, de conseguir financiamento e mostrar para os filhos e herdeiros que tem um capital, e deixa um patrimônio documentado”, disse, acrescentando que esse é o caminho certo, o de trazer as pessoas para a legalidade.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook

Destaque

Governo de Mato Grosso recebe doação de 100 mil testes rápidos da JBS

Publicado

Entrega foi realizada por meio do programa “Fazer o Bem Faz Bem” e auxiliará o funcionamento do Centro de Triagem da Covid-19

O Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT), recebeu 100 mil testes rápidos nesta segunda-feira (13.07). A doação foi realizada pela empresa JBS, por meio do programa “Fazer o Bem Faz Bem – Alimentando o Mundo com Solidariedade”, e auxiliará o funcionamento do Centro de Triagem da Covid-19, na Arena Pantanal.

Além de subsidiar a atuação dos profissionais da Saúde, a doação promoverá benefícios às pessoas que estão com sintomas leves do coronavírus e poderão ser testadas gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

“Essa doação é extremamente relevante neste momento. A iniciativa privada pode nos auxiliar neste contexto de pandemia, em que equipamentos e insumos estão cada vez mais escassos. É com muita gratidão que recebemos esses 100 mil testes, que vão subsidiar o trabalho do Governo do Estado e, consequentemente, beneficiar a população mato-grossense”, disse o secretário Estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo.

Leia mais:   Mato Grosso paga até 69% mais barato por testes rápidos em relação a outros estados

De acordo com a assessoria da JBS, a empresa está doando R$ 26,7 milhões em itens de Proteção Individual e equipamentos para Mato Grosso. Do total, cerca de R$ 10 milhões são para o Estado e R$ 16,7 milhões para 18 municípios, beneficiando cerca de 1,5 milhão de pessoas.

No dia 06 de julho, a empresa também doou dez respiradores para a gestão estadual. Os equipamentos estão sendo usados no enfrentamento à Covid-19 e tratamento intensivo de pacientes com o quadro grave da doença.

“A JBS estruturou um programa dedicado a apoiar o país no enfrentamento a essa pandemia. Essa nova doação que chega vem em um momento oportuno. Quando tudo isso passar, também teremos deixado um legado importante para o Sistema de Saúde”, conclui Marcelo Grapiglia, gerente industrial da unidade da JBS Biodiesel em Campo Verde (MT), município próximo a Cuiabá.

Ana Lazarini | SES-MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Deputado Dr. Leonardo anuncia mais R$ 6,35 milhões para Cáceres

Publicado

Assessoria

O médico e deputado federal Dr. Leonardo anuncia nesta segunda-feira (13) a liberação de mais R$ 6.513.928,98 (seis milhões, quinhentos mil e novecentos e vinte e oito reais e noventa e oito centavos) pelo Governo Federal para a região de Cárceres (MT). Trata-se da segunda parcela de recurso destinado ao município por força da aprovação da Lei Complementar 173/2020, aprovada no Congresso Nacional, com voto favorável do parlamentar, que tem empenhado em direcionar recursos ao combate da pandemia de coronavírus em Mato Grosso.

Em junho, Cáceres já tinha recebido a primeira parcela, também no valor de R$ 6,5 milhões, totalizando R$ 13 mi até agora. As duas próximas remessa de recurso referente a Lei Complementar 173/2020 serão realizadas dia 12 de agosto e 1 de setembro. “A maior parte deste recurso é de uso livre por parte da administração pública, para recompor perdas na arrecadação do Município; mas esperamos ver maior parte aplicada na saúde, devido a urgência do momento”, afirmou Dr Leonardo. “Com essa verba é possível alugar equipamentos para manter leitos de unidades de terapia intensiva (UTI), por exemplo”, recomenda o deputado.

Além dos recursos referentes ao auxílio emergencial, criados com a aprovação da LC 173/20, a Princesinha do Paraguai recebeu ainda R$ 517.769,33 do Fundo Nacional de Saúde exclusivos para combate a Covid-19 e R$ 1.239.538,75 de apoio ao Fundo de Participação dos Municípios (FPM). O município de Cáceres, que é principal referência em saúde da Região Sudoeste/Oeste de Mato Grosso, já sofre com a falta de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para atender pacientes em estado grave de Covid-19, a doença causada pelo coronavírus.

Único parlamentar federal da região, Dr. Leonardo tem trabalhado continuamente para buscar recursos federais para o combate do coronavírus, através da aprovação de leis e indicando as unidades da saúde para receber verbas. “Estamos fazendo a nossa parte, não apenas em busca de recursos junto ao Governo Federal, como de soluções alternativas que temos apresentado ao Governador”, completa o parlamentar.

Comentários Facebook
Leia mais:   MT é estado que menos testou para Covid; SES rebate números
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana