conecte-se conosco


Mato Grosso

Estruturação do Instituto PCI é discutida em reunião com representantes

Publicado

Representantes de órgãos, entidades e da sociedade civil ligados ao Instituto PCI – Produzir, Conservar e Incluir – se reuniram para uma apresentação sobre a estrutura da organização.

As responsabilidades do Instituto PCI, estabelecidas no Decreto n º 46, de 27 de fevereiro de 2019, são de viabilizar, coordenar e articular ações entre os múltiplos atores; fomentar, recomendar e executar políticas públicas; identificar oportunidades de captação de recursos financeiros; gerir e monitorar programas, projetos e recursos; além de desenvolver padrões, indicadores e procedimentos de gestão, geração e produção sustentável de ativos ambientais.

O Instituto fará um monitoramento que irá definir as ações prioritárias para identificar os avanços em direção à visão estabelecida para Mato Grosso em 2030, garantir a credibilidade e transparência da estratégia para parceiros, investidores e sociedade em geral, garantir a avaliação da efetividade de ações e subsidiar o aperfeiçoamento ou redirecionamento de ações.

A estruturação do Instituto engloba a regionalização das metas, de forma a alavancar o desenvolvimento de forma sustentável. Também faz parte  a comunicação, com objetivo de estabelecer estratégias de divulgação nos diferentes meios de comunicação e definir uso do nome, marca PCI e calendário de eventos.

Leia mais:   Comunidade Rio da Casca recebe doações da campanha Vem Ser Mais Solidário

O Decreto estabelece que uma estratégia Produzir, Conservar e Incluir seja implementada em parceria com o Instituto. O objetivo do PCI é produzir alimentos com eficiência da produção agropecuária e florestal, conservar vegetação nativa e recomposição dos passivos e incluir a agricultura familiar, os povos indígenas e as comunidades tradicionais para participar do processo de desenvolvimento.

Entre as metas do PCI está atrair recursos de parcerias e cooperação internacional, conectar iniciativas públicas e privadas para um uso eficiente da terra, ampliação de mercados e melhora da imagem no cenário internacional e ser um motor de implementação e monitoramento de políticas públicas.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook

Mato Grosso

Governo assina convênios para asfaltar travessias urbanas em quatro municípios

Publicado

O governador Mauro Mendes assinou, na tarde desta quinta-feira (02.07), convênios com quatro prefeituras para a pavimentação de ruas e travessias urbanas. As obras serão realizadas em parceria com os munícipios e vão beneficiar as regiões Centro-Norte e Norte de Mato Grosso.

Os convênios foram assinados pelo governador, pelo secretário de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), Marcelo de Oliveira, e pelos prefeitos Érico Stevan Gonçalves (Guarantã do Norte), Jair Klasner “Cotcharapa” (Cotriguaçu), Rafael Pavei (Feliz Natal) e a prefeita Carmelinda Leal Martines (Carlinda).

Participaram ainda os deputados estaduais Dilmar Dal Bosco, Xuxu Dal Molin,  doutor Eugênio e Nininho, importantes articuladores junto ao Governo do Estado para que os convênios se concretizassem.

Com os convênios, serão asfaltados mais de 148 mil m² de travessias urbanas. O investimento total no asfaltamento será de aproximadamente R$ 5,8 milhões. Desse valor, R$ 3,4 milhões serão repassados diretamente pela Sinfra às prefeituras, que darão a contrapartida financeira para complementar o investimento e ficarão responsáveis pela execução das obras.

Governo assina convênios para asfaltar travessias urbanas em quatro municípios

De acordo com o governador Mauro Mendes, as parcerias com todos os entes têm auxiliado na melhoria do Estado, especialmente no que diz respeito aos avanços na infraestrutura, logística e  no desenvolvimento dos municípios  de Mato Grosso.

“Graças a tantos parceiros importantes, como  a Assembleia Legislativa, a bancada federal, os munícipios e também o cidadão, estamos mudando Mato Grosso.  Bastou a gente organizar a casa que em um ano e pouquinho temos um outro Governo em um mesmo Estado. O agronegócio é o mesmo, a economia é a mesma, só que é um outro governo trazendo essa outra realidade”, disse o governador, durante reunião virtual com os prefeitos.

Para o secretário de Infraestrutura Marcelo de Oliveira, essas parcerias são exemplos de como é possível garantir mais obras e mais investimentos, além de atender as demandas das cidades, através de mútua cooperação e da união de esforços em prol do cidadão mato-grossense.

Leia mais:   PM é acionada e encontra suspeito de roubo rendido por moradores em Rondonópolis

“Serão executadas muitas obras para que possamos diminuir os obstáculos ao crescimento, produção e dar garantia, sossego e tranquilidade para aqueles que dependem do sistema de transporte e que têm o direito de ir e vir por uma estrada boa. Os desafios são grandes, mas o Governo Mauro Mendes tem trabalhado muito para que esses obstáculos sejam cada vez menores para o desenvolvimento do Estado”, afirmou.

Assinatura foi realizada durante cerimônia virtual com os prefeitos e deputados

Em Guarantã do Norte serão pavimentados mais de 72 mil m² das avenidas Alcides M. Capelini e Jequitibá, além das ruas das Sapucais e das Amendoeiras. Ao todo serão repassados R$ 700 mil pela Sinfra. O valor total do convênio é de R$ 825 mil.

Segundo o vereador Zilmar Assis de Lima, que representou o prefeito de Guarantão do Norte, Érico Stevan Gonçalves, durante o evento, esse convênio estava sendo muito aguardado pelo município e vai resultar em muitas benfeitorias. 

“O prefeito Érico teve que ir para zona rural e não pode participar consoco. Mas esse recurso é muito importante para a nossa cidade. Estávamos aguardando desde a gestão passada e quero aqui agradecer, em nome do prefeito, a todo o trabalho do govenador Mauro Mendes. Está fazendo um belo trabalho, que vai melhorar muita nossa cidade”, afirmou.

No município de Feliz Natal, a pavimentação será realizada nas Ruas das Castanheiras, das Margaridas, das Flores e das Amesclas, totalizando 11 mil m² de extensão. Serão investidos 722 mil na execução da obra, sendo que R$ 700 mil serão empenhados pela Sinfra.

Asfalto vai pôr fim à poeira e lama nas ruas dos municípios

Já em Cotriguaçu serão asfaltados mais de 58 mil m² da Avenida 20 de Dezembro, no município. O valor do convênio é de R$ 3,8 milhões, dos quais R$ 1,6 milhão serão investidos pela Sinfra.

Leia mais:   Governo institui grupo de trabalho para monitorar e reduzir propagação da Covid-19 em territórios indígenas

Para o prefeito de Cotriguaçu, Jair Klasner “Cotcharapa”, o convênio é a concretização de um desejo antigo dos moradores da cidade e demonstra a responsabilidade do atual Governo do Estado diante das necessidades dos municípios, especialmente da região Noroeste.

“Não tenho duvida de que o governador  tem demostrado compromisso com Mato Grosso, com os municípios, desde o primeiro dia de gestão, honrando rigorosamente os repasses constitucionais com os municípios. Tivemos anos difíceis no passado e um grande desafio, em razão dos atrasos que o Estado tinha com os municípios e Mauro Mendes vem honrando e ainda agraciando nosso município com esse convênio. Só temos a agradecer”, destacou.

Pavimentação será realizada no perímetro urbano de Carlinda e outros municípios

Já em Carlinda, o asfaltamento será feito na Rua Ipês, em uma extensão de R$ 6 mil m². O investimento total é de R$ 409 mil e a Sinfra vai fazer o repasse de R$ 400 mil. Esse é apenas um de vários convênios  já firmados com o munícipio para a pavimentação de vias urbanas.

De acordo com a prefeita de Carlinda, Carmelinda Leal Martines, o asfalto vai mudar a realidade da cidade, que hoje tem apenas pouco mais de 5 quilômetros de ruas pavimentadas, apesar dos mais de 20 anos de existência.  Com o asfalto,  segundo a prefeita, haverá a diminuição da poeira, da lama e haverá  mais qualidade de vida e saúde aos moradores.

“Nós tínhamos feito esse projeto desde 2017 e foi prometido e não foi cumprido. Mas o governador Mauro Mendes demorou apenas um ano e pouquinho para  liberar essa benfeitoria no meu munícipio.  É assim que deve ser. Assim que o Governo do Estado deve se comportar: prometendo e cumprindo. Por isso quero apenas agradecer ao governador Mauro Mendes e todos que foram fundamentais para que esse asfato saísse do papel”, encerrou.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Quinta-feira (02): Confira lista de municípios com classificação de risco muito alto de contaminação

Publicado

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) divulgou nesta quinta-feira (02.07), o Boletim Informativo n° 116 com o panorama da situação epidemiológica da Covid-19 em Mato Grosso. O documento mostra (a partir da página 8) que 25 municípios do Estado configuram na classificação com risco “muito alto” para o novo coronavírus: Cuiabá, Várzea Grande, Rondonópolis, Sorriso, Lucas do Rio Verde, Primavera do Leste, Cáceres, Pontes e Lacerda, Nova Mutum, Campo Verde, Tangará da Serra, Sinop, Peixoto de Azevedo, Colíder, Querência, Guarantã do Norte, Poxoréo, Marcelândia, Mirassol D’0este, Claudia, Sapezal, Jaciara, Campo Novo do Parecis, Juruena e Porto Esperidião.  

Ainda de acordo com informações contidas no boletim, os municípios que estão na classificação de risco “alto” para a disseminação do coronavírus são: Barra do Garças, Vila Bela da Santíssima Trindade, Rosário Oeste, Nossa Senhora do Livramento, Alto Garças, General Carneiro, Rio Branco, Nova Bandeirantes, Paranaíta, Nova Nazaré, Denise, Chapada dos Guimarães, Juscimeira, Feliz Natal, Nova Santa Helena, Nobres, Gaúcha do Norte, Jangada, Juara, Araputanga, Barra do Bugres, Alto Paraguai, Nova Canãa do Norte, União do Sul, Alto Taquari, Nova Xavantina, Porto Estrela, Barão de Melgaço, Cocalinho, Itaúba, Campos de Júlio, Poconé, Água Boa, Diamantino, Pontal do Araguaia, Ribeirão Cascalheira, Aripuanã, Porto dos Gaúchos, Acorizal, Comodoro, Lambari D’Oeste, Novo Mundo, Campinápolis, São José do Quatro Marcos, Ipiranga do Norte, São Felix do Araguaia, Dom Aquino, Santo Afonso e Ribeirãozinho.

Leia mais:   Bombeiros salvam vítima de soterramento em Nova Xavantina

O Governo de Estado publicou decreto restringido ainda mais as medidas que devem ser adotadas pelos municípios, com base na classificação de risco para prevenir a disseminação da Covid-19. O Decreto n° 532 foi publicado na edição extra do Diário Oficial de 24 junho. O documento altera as tabelas de classificação de risco, criando uma terceira tabela. Para saber mais informações clique AQUI.

O sistema de classificação que indica o nível de risco é definido por cores: muito alto (vermelho), alto (laranja), moderado (amarelo) e baixo (verde). De acordo com a definição dos riscos é necessária a adoção de medidas restritivas para o controle da propagação do coronavírus nas cidades. Os indicadores de classificação de risco são atualizados duas vezes por semana e os resultados são divulgados nos Boletins informativos da SES-MT  disponíveis neste link.

Veja a tabela de classificação de risco por município

Recomendações e cuidados

– Evitar contato próximo com pessoas que sofrem de infecções respiratórias agudas;

– Usar máscara quando sair de casa;

Leia mais:   Sede da Sema em Cuiabá não terá expediente nesta sexta-feira (03)

– Evitar aglomerações;

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes. Ficar em casa quando estiver doente;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana