conecte-se conosco


Cáceres e Região

Eliene reforça ações contra Covid; fará auditoria nas contas da prefeitura e irá revisar taxas e impostos

Publicado

Prefeita Eliene Liberato

Sinézio Alcântara – Expressão Notícias

            Eleita com uma votação surpreendente, a prefeita Eliene Liberato Dias (PSB), pretende corresponder com ações a confiança da população. Será ampliado, de imediato, o atendimento na Central da Covid para 24 horas, estruturando com a implantação de seis novos leitos com respiradores; fará uma auditoria nas contas da prefeitura, herdada pelo ex-prefeito Francis Maris (PSDB) e formará uma comissão para revisar as taxas e impostos que estão divergentes  com o  Código Tributário Municipal. Abaixo a entrevista ao site Expressão Notícias.

Expressão Notícias – O seu nome era o favorito da população para a sucessão municipal. Mas, o que a senhora acha ter sido preponderante para a vitória avassaladora?

Eliene – Na campanha, levamos uma mensagem séria, consciente do que Cáceres necessita  e do que o povo precisa. A prefeitura tem como oferecer serviços públicos de qualidade e  humanizado. Visitei todos os quatro cantos do município e vi que, apesar dos avanços que tivemos com a ex-gestão, da qual eu fiz parte, muita coisa ainda precisa ser feita. O povo entendeu que seremos capazes de melhorar o que não está bom e fazer o que não foi feito.

Expressão Notícias – Pela avaliação dos órgãos de saúde, tanto estadual quanto nacional e até mundial, deverá haver um aumento ainda maior dos casos de infecção por Covid- nos próximos dias, diante das aglomerações de final de ano. A senhora pretende adotar novamente o lockdown?

Eliene– O Dr Sérgio e Dr Odenilson estão empenhados em fazer um levantamento técnico e preciso dos dados e das informações  sobre o número de casos da Covid 19, reunindo com toda a rede de saúde, que agrega  clínicas, laboratórios, UPAs, etc.  As decisões serão  em conjunto com a Comissão da Covid e realizaremos uma ampla campanha de conscientização e, ao mesmo tempo, efetuaremos  uma fiscalização rigorosa para evitar aglomerações e o não cumprimento dos protocolos de segurança contra o coronavírus. Considerando o expressivo aumento do número de casos, estamos ampliando o atendimento na Central da Covid para 24 horas, estruturando com a implantação de seis leitos com respiradores,  para  pacientes que após o atendimento clínico,  necessitarem   ficar em observação.

Leia mais:   IFMT Cáceres realiza até a próxima sexta matrículas de convocados em seletivo de ensino médio integrado

Expressão Notícias – No final do mandato e até durante sua posse o ex-prefeito Francis Maris apresentou documento afirmando que deixará para a senhora uma situação muito mais tranquila financeiramente de que como recebeu. Com 35 milhões em caixa. Quais suas prioridades com esses recursos?

Eliene – Estamos ainda fazendo levantamento do real valor dos saldos existentes, considerando que temos compromissos também a serem cumpridos com esses recursos, como por exemplo contrapartida de empreendimentos  como creches e outros,  além das   obras    tocadas pelo município com recursos próprios. Desse total ainda tem os recursos da saúde destinados à Covid 2.7 milhões, e da educação (FUNDEB) no valor de 1 milhão de reais. Iremos priorizar a saúde e as situações emergenciais  de atendimento à população.

Expressão Notícias – É normal até certo ponto, os novos gestores realizarem auditoria nas contas públicas. A senhora pretende determinar essa medida?

Eliene – É praxe realizar auditorias.  Estaremos fazendo  levantamentos precisos  de processos.  Isso é normal até para resguardar o ex-gestor, como também  para  quem está assumindo.

Leia mais:   Mato Grosso Saúde reforça a importância das teleconsultas em tempo de pandemia

Expressão Notícias – A Autarquia Águas do Pantanal é apontada como a “galinha dos ovos de ouro” da administração, por ser bastante rentável. Porém, a população reclama do valor da tarifa de água, existe a possibilidade de haver uma redução dessa taxa?

Eliene – Formaremos  uma comissão para revisar  as taxas e impostos que estão divergentes  com o  Código Tributário Municipal. Vamos ainda ampliar  a rede de distribuição de água nos bairros que ainda sofrem com a falta do precioso líquido em suas torneiras, melhorando esse atendimento.

Expressão Notícias – Como será o relacionamento do Executivo e demais poderes, com o Legislativo e Judiciário?

Eliene – O relacionamento será de muito respeito e harmonia. Cada Poder tem suas finalidades e temos que respeitar a competência de cada um. Sendo assim, tenho certeza que a parceria será sadia e benéfica para a nossa população, que terá muito a ganhar com isso.

Expressão Notícias – Algum recado em especial à população?

Eliene – Aproveitando a oportunidade, gostaria de pedir aos munícipes que confiaram em nosso projeto para administrar a Prefeitura de Cáceres, que mantenham a esperança e a confiança, pois, estamos imbuídos, juntamente com os secretários e funcionários, em transformar para melhor a qualidade de vida da população. Cáceres é uma cidade linda e hospitaleira, que acolhe a todos que aqui aportam em busca de sonhos. Foi assim comigo, e certamente com milhares de outras pessoas. Sinto-me na obrigação de retribuir com muito trabalho essa missão que nos foi dada por Deus e pelo povo desta terra.

Comentários Facebook

Cáceres e Região

MPF pede informações sobre o consumo de oxigênio na região de Cáceres

Publicado

Assessoria GD

O Ministério Público Federal (MPF), por meio da unidade no município de Cáceres (MT), solicitou ao Escritório Regional de Saúde em Cáceres, ao Hospital São Luiz e às secretarias municipais de Saúde de Cáceres, Mirassol D’Oeste, Pontes e Lacerda e Comodoro informações sobre o consumo e a regularidade do abastecimento de oxigênio medicinal nas respectivas unidades de saúde.

Conforme despacho do procurador da República Bernardo Meyer, é notório o caos vivenciado em parte do país pela ausência de oxigênio nas unidades de saúde, após o substancial aumento no consumo do gás resultado, principalmente, do aumento do número de casos de contaminação pelo Sars-COV-2, de novembro de 2020 até janeiro de 2021.

Além disso, ressalta que “é de conhecimento de todos que a insuficiência de oxigênio gera consequências danosas como a morte de pacientes internados em hospitais ou em tratamento em home care ou graves sequelas causadas pela asfixia. Ademais, o problema é ainda maior pois tem o potencial de atingir indistintamente todas as pessoas internadas que dependem do oxigênio, independentemente se a causa da assistência médico-hospitalar for a covid-19”.

O procurador também ressalta que o estado do Mato Grosso vive atualmente novo crescimento de casos – fenômeno que vem ocorrendo em outros estados da Federação – em razão de diversos fatores, o que poderá resultar em um pico acentuado da doença, com o consequente aumento nos casos de assistência hospitalar e internações, resultando, eventualmente, em vertiginoso aumento no consumo de oxigênio medicinal. “A título ilustrativo, o painel analítico da covid-19 mostra que o Mato Grosso registrou 1.979 novos casos e 31 novos óbitos, com a respectiva média móvel de 1.310 casos e 17,5 mortes”.

Leia mais:   1º Lote da vacina chega em Mato Grosso às 16h35; Logística para distribuição já está preparada

Dessa forma, o MPF requisitou ao Escritório Regional de Saúde em Cáceres, ao Hospital São Luiz e às secretarias municipais de Saúde de Cáceres, Mirassol D’Oeste, Pontes e Lacerda e Comodoro, informações, com prazo de cinco dias para a resposta, acerca do consumo médio de oxigênio medicinal pelas unidades de saúde (m³) e a regularização do abastecimento e estoque de oxigênio medicinal para o provimento das respectivas unidades de saúde.

Solicitou aos destinatários, ainda, que seja realizado o monitoramento contínuo do estoque de oxigênio medicinal (na forma líquida ou gasosa), a fim de identificar substancial aumento no consumo – se comparado ao consumo médio -, potencial ou a iminência de falta de oxigênio medicinal (líquido ou gasoso). Em caso de potencial insuficiência ou iminente falta do referido oxigênio medicinal, devem notificar os responsáveis pelo reabastecimento com o intuito de manter o estoque regularizado e o normal fornecimento dos estabelecimentos de saúde.

Procedimento administrativo

Tramita no Ministério Público Federal em Cáceres o procedimento administrativo para acompanhamento de políticas públicas relacionadas às ações emergenciais e de enfrentamento da pandemia da covid-19. O objetivo é fiscalizar as medidas adotadas para a prevenção e tratamento da doença causada pelo vírus na área de atribuição da unidade.

Leia mais:   IFMT Cáceres realiza até a próxima sexta matrículas de convocados em seletivo de ensino médio integrado

Assim, em razão do aumento do número de casos verificado no estado de Mato Grosso e da elevada ocupação de leitos clínicos e de terapia intensiva (UTI), a triste e lamentável situação vivenciada pela população no estado de Amazonas e, mais recentemente, no Pará, em razão da ausência de oxigênio, e a necessidade de acompanhamento contínuo das medidas tomadas no enfrentamento da atual pandemia, o MPF em Cáceres requisitou, no bojo do mencionado procedimento, as informações sobre o consumo e a regularidade do abastecimento de oxigênio medicinal nas respectivas unidades de saúde.

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Fim de semana será de chuva e com alerta de temporais para 10 cidades

Publicado

Assessoria GD

A sexta-feira (22) amanheceu com céu encoberto e temperatura amena. O clima deve permanecer durante todo o fim de semana. Há alerta de temporais para 10 cidades.

De acordo com o Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (Cptec), a mínima chega a 24°C e a máxima não passa de 34°C em Cuiabá. Não deve chover somente no sábado (23).Em Chapada dos Guimarães (67 km ao Norte), a mínima chega a 18°C e máxima a 30°C. Fim de semana chuvoso.A previsão do tempo para Cáceres (225 km a Oeste) é de termômetros marcando entre 22°C e 31°C. Deve chover nos próximos dias.Já em Sinop (500 km ao Norte), chove todos os dias e a temperatura varia de 21°C a 34°C.Chove todos os dias em Rondonópolis (225 km ao Sul) e os termômetros marcam entre 23°C e 33°C.

Confira cidades sob alerta

Alto Araguaia
Alto Taquari
Barão de Melgaço
Cáceres
Itiquira
Nossa Senhora do Livramento
Pedra Preta
Poconé
Rondonópolis
Santo Antônio do Leverger

Comentários Facebook
Leia mais:   Girlaine Matos é a nova gerente do Atacado Pantanal
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana