conecte-se conosco


Policial

De Cara Limpa Contra as Drogas participa de acampamento em aldeia indígena em Campo Novo dos Parecis

Publicado

Assessoria | PJC-MT

O programa social da Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso, De Cara limpa Contra as Drogas, participou de uma atividade de campo voltada para âmbito cultural, realizada ao longo de três dias, com a presença de 55 jovens do município de Pontes e Lacerda (448 km a Oeste).

O evento “Intercâmbio de Mirins”, aconteceu nos dias 12, 13 e 14 de junho, promovido pela Diretoria da Guarda Mirim de Pontes e Lacerda e parceiros. Os 55 participantes se descolaram para cidade de Campo Novo dos Parecis (396 km a Noroeste), sendo recepcionados na Aldeia Indígena 4 Cachoeiras, na região da Rodovia MT 235.

Acomodados em barracas estilo acampamento e desbravando o local durante os dias de programação, os alunos participaram das várias atividades com diferentes instruções, aventuras ecológicas, aulas de arco e flecha, práticas esportivas, tirolesa, caminhadas, além das palestras educativas e preventivas inseridas no programa “De Cara Limpa Contra as Drogas “.

Foram três dias voltados também a cultura indígena, ocasião em que os adolescentes e jovens tiveram oportunidade de mais conhecer sobre a cultura, estudar sobre os modos de convívio dos índios, bem como relação com a natureza.

Leia mais:   PF deflagra operação contra tráfico de drogas e lavagem de dinheiro em Cuiabá e Cáceres

Para o policial civil que desenvolve o programa em Pontes e Lacerda, investigador Sebastião Faria, o momento é somente de agradecer os parceiros responsáveis pelo brilhante evento, de grande aproveitamento cultural por parte dos jovens.

“Quero estender agradecimento aos delegados de Pontes e Lacerda, Carlos Augusto do Prado Bock e Lizzia Kelly Ferrro Noya, os quais estão sempre apoiando os trabalhos sociais desenvolvidos na região”, destacou o investigador de polícia.

Além da Polícia Civil, colaboraram e participaram do evento, representantes do Exército Militar Brasileiro, da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiro Militar.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook

Destaque

Detento é encontrado morto dentro de tambor com água na cadeia publica de Cáceres

Publicado

Detento de 41 anos, identificado como M.J.L., foi encontrado morto na Cadeia Pública de Cáceres, na madrugada desta terça-feira (4). Segundo as informações, o corpo dele estava dentro de um tambor de água com 200 litros, de cabeça para baixo.

De acordo com as informações, um dos funcionários da cadeia percebeu pelas câmeras de monitoramento que os detentos estavam se comportando de maneira estranha, em seguida, teria acenado para a câmera.

Leia também – Testemunhas encontram corpo de homem em rodovia de MT

Um dos servidores desceu e foi até os agentes verificar o que tinha acontecido. Um dos detentos informou que “tinha um b.o para eles resolverem”, apontando a direção.

Dentro da cela, encontraram o corpo do detento dentro de um tambor de 200 litros d’água, de cabeça para baixo. Segundo os outros presos, ele cometeu suicídio. O local foi isolado até a chegada da Perícia Oficial. O caso foi registrado e será investigado pela Polícia Civil.

Comentários Facebook
Leia mais:   Defensoria Pública usa nova lei do Pacote Anticrime em HC e TJMT concede progressão de regime mais benéfica
Continue lendo

Destaque

PF deflagra operação contra tráfico de drogas e lavagem de dinheiro em Cuiabá e Cáceres

Publicado

A ação faz parte da Operação Coincidere, com o objetivo de desmantelar organização criminosa voltada ao tráfico internacional de drogas e lavagem de dinheiro.

A Polícia Federal cumpre na manhã desta terça-feira (4), cinco mandados de busca e apreensão e quatro de prisão em Cuiabá, Cáceres e São Paulo. A ação faz parte da Operação Coincidere, com o objetivo de desmantelar organização criminosa voltada ao tráfico internacional de drogas e lavagem de dinheiro. Um dos alvos já foi preso na semana passada, durante deflagração da Operação Alagados.

Durante a investigação, a PF identificou organização criminosa estabelecida na região de fronteira do Estado do Mato Grosso, com atuação consistente na internalização de grandes cargas de cocaína vindas da Bolívia. Posteriormente, a droga era enviada à Europa, via portos, com uso de caminhões com compartimentos especialmente preparados.

No decorrer da investigação, foram efetuadas duas prisões em flagrante e três apreensões que totalizaram aproximadamente 700kg de cocaína. Na última apreensão, após abordagem realizada pela Força Aérea Brasileira (Fab), a aeronave realizou pouso forçado em uma área rural próximo ao Porto Jofre, em Poconé.

Leia mais:   Defensoria Pública usa nova lei do Pacote Anticrime em HC e TJMT concede progressão de regime mais benéfica

O piloto fez pouso forçado ao perceber que seria abordado e em seguida os ocupantes atearam fogo no avião e fugiram para região de mata.

Por: Fabiana Mendes – Olhar Direto

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana