conecte-se conosco


Mato Grosso

Criminoso envolvido em chacina em MT é capturado em Goiás

Publicado

Condenado a mais de 50 anos de prisão por triplo homicídio em Mato Grosso e com mais de 20 estupros confirmados no Estado de Goiás, Wellington Ribeiro da Silva (52 anos) foi preso em ação integrada da Gerência Estadual de Polinter e Capturas (Gepol-MT) e Superintendência de Combate a Corrupção e ao Crime Organizado de Goiás. Os policiais cumpriram nove mandados de prisão contra o homem.

Wellington é apontado como autor do crime que ficou conhecido como “Chacina do Monte Líbano”, quando, em 1997, ele teria assassinado a sua companheira e os dois filhos dela em Rondonópolis.

Na época dos fatos, Wellington comandava uma quadrilha envolvida em diversos roubos e homicídios e tinha um relacionamento com a vítima, Luzia Pereira da Cruz, que tinha dois filhos de outros relacionamentos. Depois de desconfiar que a companheira estava passando informações para a Polícia, o suspeito decidiu matá-la.

Na noite do crime, Wellington foi até a casa da vítima e depois de conversarem algum tempo, ele a abraçou e esfaqueou a vítima violentamente, sem possibilidade de defesa. Não satisfeito, o suspeito decidiu tirar a vida dos dois filhos da vítima, um de 10 e outro apenas de 03 anos de idade. Os corpos foram encontrados dias depois.

Leia mais:   Governo abre chamamento público para pavimentação de seis rodovias

Pelos crimes praticados, Wellington foi condenado a mais de 50 anos de prisão em regime fechado. Ele chegou a ser preso, mas fugiu do Presídio Major PM Eldo Sá Correa (Mata Grande) em 2013 e desde então seu paradeiro era desconhecido.

Na última semana, Wellington foi preso no Estado de Goiás, onde é considerado um criminoso em série pela polícia de Goiás, maníaco sexual, investigado pelo cometimento de crimes sexuais e apontado como autor de mais 22 estupros confirmados com as vítimas identificadas e confissão de alguns crimes.

A prisão do suspeito ocorreu após a troca de informações entre o Núcleo de Inteligência Operacional da Gepol e policiais civis de Goiás. A equipe da Polinter fez o encaminhamento dos mandados de prisão expedidos pela Justiça de Mato Grosso e que ainda não haviam sido cumpridos.

O delegado, Carlos Levergger, um dos responsáveis, pela força tarefa nas investigações dos estupros praticados no Estado de Goiás, disse que no momento da prisão, Wellington, fazia uso de documento falso, sendo também autuado em flagrante pelo crime.

Leia mais:   Escola de Itaúba aposta em aula de campo para ensinar bioma amazônico

Na quinta-feira (19.09), o suspeito foi apresentado a imprensa na sede da Secretaria Estadual de Segurança Pública do Estado de Goiás.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook

Mato Grosso

Setasc faz o repasse de R$ 6,4 milhões do cofinanciamento para os municípios de MT

Publicado

A Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc) fará o repasse de R$ 6,4 milhões do cofinanciamento do Fundo Estadual da Assistência Social (FEAS) para os municípios mato-grossenses. O pagamento começa em janeiro e será dividido em quatro parcelas iguais, de R$ 1,6 milhão, nos meses subsequentes. Os valores, por município, assegurados pela Resolução Nº 01 de janeiro de 2020, foram publicados no Diário Oficial nesta quarta-feira (22.01).

O repasse é a contrapartida do Estado para a rede do Sistema Único de Assistência Social (Suas) e é referente ao ano de 2019. A secretária da Setasc, Rosamaria Carvalho, explica que o Estado vem seguindo com o compromisso de liquidar o débito do cofinanciamento. “No ano passado, no começo do mandato, assumimos uma dívida referente ao ano de 2018 da gestão passada. O pagamento foi feito em oito parcelas. Neste ano, conseguimos reduzir o número de parcelar, antecipando o pagamento para o começo de 2020. Essa antecipação só foi possível por meio do empenho e comprometimento com a assistência social da primeira-dama Virgínia Mendes”.

Leia mais:   Prédio da Nilo Póvoas se transformará em centro de referência em educação inclusiva

Devido o decreto de calamidade financeira de Mato Grosso, em 2019, foram pagos R$ 6,4 milhões dividido em oito parcelas, começando em abril e finalizando no mês de dezembro. O valor está previsto desde 2004, por meio da Política Nacional de Assistência Social, que estabeleceu obrigações a cada ente federativo. “Ao Estado compete cofinanciar os serviços, ações, programas e projetos que se desenvolvem dentro da Assistência Social de cada município”, ressalta Rosamaria.

Na prática, esses repasses são revertidos em ações voltadas para o cidadão, por meio das unidades socioassistenciais (Centros de Referência de Assistência Social, Centros de Referência Especializado de Assistência Social, Centro dia, Centro Pop e unidades de acolhimento).

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Mato Grosso

Adolescentes são apreendidos por tentativa de roubo de Cáceres

Publicado

Policiais militares de Cáceres apreenderam nesta terça-feira (21.01), quatro adolescentes entre 14 e 16 anos por tentativa de roubo no bairro Jardim das Oliveiras.

Conforme o boletim de ocorrência, uma vítima denunciou via 190 que teria sofrido uma tentativa de roubo quando passava em uma rua e teve seu veículo atingido por paus e pedras.

Os policiais foram até o local e encontraram os adolescentes deitados no chão tentando se esconder. Eles disseram que como a rua é escura jogavam pau e pedras nos carros obrigando o motorista a parar, ocasião em que eles fariam o roubo. Acrescentaram ainda que o ‘modus operandi’ era ameaçar e utilizar a força física. Não foram encontradas armas de fogo nem arma branca.

Serviço 

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 0800.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Fonte: GOV MT
Comentários Facebook
Leia mais:   Veículos novos serão utilizados na regularização fundiária do interior
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Mais Lidas da Semana