conecte-se conosco


Cáceres e Região

Cratera abre no meio de sala de aula em Cáceres; Defesa Civil avalia interditar o prédio

Publicado

Uma cratera de cinco metros de diâmetros abriu no meio de uma sala de aula no Colégio Estadual Onze de Março (CEOM), no centro da cidade, em Cáceres. O incidente ocorreu na noite de terça-feira (09) durante uma forte chuva que caia na região. Felizmente, não houve vítimas porque, não havia ninguém, no colégio a essa hora. A Defesa Civil Municipal orientou o isolamento do bloco, com três salas, mas adiantou que deverá interditar o prédio todo.

“Há eminente risco de outras partes do prédio ceder. A olho nú, percebemos que o piso de outras salas também estão em desníveis. Temos que preservar a vida das nossas crianças” justificou a coordenadora da Defesa Civil, Arinéia Graciela Ardaia, informando que, estava aguardando apenas o parecer técnico dos engenheiros e arquitetos da prefeitura, para tomar a decisão.

A direção da escola informou que desde o ano passado a sala estava interditada. “Essa sala estava isolada, desde o ano passado. Servia apenas de depósito provisório. Nós pressentimos que o piso já apresentava problemas” disse a diretora Maria José de Oliveira Godoy. Apesar da afirmação, imagens mostram um amontoado de carteiras e mesas, no fundo da sala. O coordenador Leocir Antônio Sfozer, informou que a erosão no prédio existe desde 2007.

Leia mais:   IFMT Cáceres realiza seminário sobre Carreiras e Empregabilidade do Curso de Tecnologia em Biocombustíveis

Maria José informou ainda que, assim que tomou conhecimento do incidente informou ao Corpo de Bombeiros, a Secretaria de Estado de Educação (Seduc) e a Defesa Civil Municipal. A diretora disse que, já está providenciando um novo espaço para alojar os alunos para que não seja interrompido o ano letivo. O CEOM é uma das mais antigas e tradicionais escolas do município. No colégio estão matriculados 935 alunos.

Editoria – Sinézio Alcântara

Comentários Facebook

Cáceres e Região

Cáceres – Reeducandos constroem cidade cenográfica da Paixão de Cristo

Publicado

O evento reuniu aproximadamente três mil pessoas e teve um espaço construído especialmente para contar a história da paixão e morte de Jesus, com 85 metros de cenário, 150 atores, em uma hora e meia de duração

Reeducandos da unidade prisional de Cáceres (200 km a oeste de Cuiabá) participaram de mais um projeto da área de cultura e turismo desenvolvido pela prefeitura do município. Desta vez, eles construíram a cidade cenográfica para a encenação da Paixão de Cristo, realizada no último fim de semana na praça de eventos da cidade.

O evento reuniu aproximadamente três mil pessoas e teve um espaço construído especialmente para contar a história da paixão e morte de Jesus, com 85 metros de cenário, 150 atores, em uma hora e meia de duração.

Os reeducandos receberam o direito de assistir ao espetáculo, com autorização judicial. Diretor da unidade prisional, Welton Ribeiro explica que a parceria com a prefeitura inclui diversas atividades para ao reeducandos ao longo do ano, como o trabalho na área de serviços urbanos e também a confecção das decorações da cidade para o Festival de Pesca e Natal. “Uma série de atividades desenvolvidas pela unidade permite a qualificação dos reeducandos, além de outras parcerias firmadas com a unidade prisional, empresas e o poder público de Cáceres, como o emprego de mão de obra em atividades da prefeitura e de empresas da cidade”.

Leia mais:   Município perde mais de R$ 1 milhão de recursos da Saúde, denuncia vereador

A Secretaria Municipal de Turismo e Cultura organizou o espetáculo em parceria com a equipe do Grupo de Oração Santa Terezinha da Catedral São Luiz de Cáceres. O evento teve o apoio do Sistema Penitenciário, Conselho da Comunidade e Primeira Vara Criminal da Comarca de Cáceres.

“Todos os atores foram voluntários, num esforço muito grande em ensaio e dedicação, durante 30 dias. Graças a Deus levamos para a população um espetáculo de qualidade, num cenário espetacular, digno das grandes produções de cinema”, acentuou Junior.

Com informações da Prefeitura de Cáceres 

Raquel Teixeira | Sesp-MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Espetáculo que encenou Paixão de Cristo atraiu milhares de pessoas em Cáceres

Publicado

Sensacional! Foi a palavra que mais se ouviu nos três dias de apresentação do espetáculo teatral que encenou a Paixão de Cristo, ao ar livre, na Praça de Eventos da Secretaria Municipal de Turismo e Cultura, nesse fim de semana, nos dias 19, 20 e 21.

Cerca de três mil pessoas a cada dia se maravilharam com o desempenho dos atores e de um cenário construído especialmente para contar a história da paixão e morte de Jesus.

A realização foi da Prefeitura de Cáceres, através da Secretaria Municipal de Turismo e Cultura, em parceria com a equipe do Grupo de Oração Santa Terezinha da Catedral São Luiz de Cáceres, com o objetivo de investir na cultura da população e respeitar os valores religiosos.

Segundo o secretário de Turismo e Cultura, Junior Trindade, foi uma parceria de sucesso que apresentou o maior espetáculo da Paixão do Estado, com 85 metros de cenário, envolvendo 150 atores, em uma hora e meia de duração. “É importante ressaltar que todos os atores foram voluntários, num esforço muito grande em ensaio e dedicação, durante 30 dias. Graças a Deus levamos para a população um espetáculo de qualidade, num cenário espetacular, digno das grandes produções de cinema. Muita gente não acreditou que aqueles atores eram pessoas de Cáceres, gente simples, do nosso meio, mas com talentos incríveis, revelando artistas de verdade”, acentuou Junior.

Leia mais:   Polícia investiga sumiço de jumenta que participou das encenações da 'Paixão de Cristo'

O secretário informou ainda que o espetáculo vai ficar no calendário de eventos do município com potencial de incentivar o turismo e cultura, atraindo pessoas de longe, além de brindar os munícipes.

A cidade cenográfica foi construída com a mão de obra dos reeducandos do sistema prisional de Cáceres, em parceria com o Conselho da Comunidade, Cadeia Pública de Cáceres e Juíza da 1ª Vara Criminal da Comarca de Cáceres.

O prefeito Francis Maris Cruz falou em entrevista para uma equipe de reportagem da TV Centro América, na manhã de hoje, e disse que ficou muito satisfeito com o trabalho realizado pela equipe de Turismo, Cultura e parceiros. “Foi o primeiro ano de um espetáculo como esse e já de início com grande repercussão. É muito bom participar das celebrações religiosas com um trabalho significativo e dignificante como esse”, enalteceu Francis.

Ficha técnica do espetáculo

Coordenação geral
Junior Trindade – secretário de Turismo e Cultura

Luiz Tolloti
técnico da Secretaria de Turismo e Cultura

Lauro Alcântara
coordenador de Turismo

Leia mais:   Ministro da Saúde defende cooperação internacional para aumentar vacinação nas fronteiras

Edson Flávio – diretor artístico
Jair Aparecido Silva – assistente artístico

Marcio Nei
cenógrafo

Roteiro
Gustavo Franco da Silva

Participação
Emerson Reis

Da Assessoria

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Mais Lidas da Semana