conecte-se conosco


Brasileirão Série A

Com força caseira, Argel chega ao 50º jogo no Inter em duelo contra o Sport

Publicado

Argel, técnico do Inter (Foto: Ricardo Duarte / Inter, DVG)Argel completará 50 jogos contra o Sport 
(Foto: Ricardo Duarte / Inter, DVG)

Assim que o técnico Argel Fucks entrar no gramado do Beira-Rio nesta quinta-feira para enfrentar o Sport a partir das 16h, poderá se orgulhar de um feito: completará 50 jogos no comando do Inter. Para o confronto, válido pela terceira rodada do Brasileirão, o treinador pode alcançar o primeiro triunfo no Beira-Rio pela competição e ainda recuperar a força caseira, o que foi marca da equipe no ano passado.

Desde que assumiu o clube, Argel conta com números positivos. São 49 jogos, com 27 vitórias, 14 empates e oito derrotas, o que dá um aproveitamento de 64,6%. O treinador já conquistou duas taças pela equipe: a Recopa Gaúcha e o Gauchão.

LEIA MAIS
> Seijas evita comparação a D’Ale
> Argel mantém mistério em time
> Sasha e Vitinho mandam no ataque

Para o decorrer da temporada, o comandante conta com objetivos ambiciosos. Quer recolocar o Inter na briga por competições nacionais, seja Brasileirão ou Copa do Brasil. E tudo isso tem como consequência a conquista por uma das vagas para a disputa da Libertadores em 2017. 

Confira abaixo cinco episódios marcantes da Era Argel:

01

Regime “militar”

Argel, técnico do Inter (Foto: Ricardo Duarte / Inter, DVG)Argel com seus “soldadinhos” (Foto: Ricardo Duarte / Inter, DVG)

Argel prefere evitar o termo “militar”. Ele mesmo já disse não ser um “Capitão Nascimento”. Mas com algumas mudanças na rotina adotou a ordem como lema e, com um estilo “paizão”, ganhou os jogadores, a quem costuma chamar de “soldadinhos”. Por outro lado, passa por um momento conturbado com Alex. Nesta semana, o meia fez uma postagem nas redes sociais que gerou polêmica e seriam supostamente direcionadas ao comandante, o que foi negado pelo atleta.

01

Força caseira

Tabela Argel Fucks  (Foto: Arte / GloboEsporte.com)

Desde que foi contratado para substituir Diego Aguirre, em agosto do ano passado, Argel sempre contou com o Beira-Rio como grande aliado. Somente pelo último Brasileirão, por exemplo, conseguiu uma boa campanha de reabilitação e conquistou nove vitórias em 10 partidas – somente empatou com o Figueirense. 

O treinador não conseguiu o mesmo sucesso longe dos próprios domínios pelo nacional passado, o que foi determinante pela não classificação para a Libertadores. Em 10 jogos, foram somente duas vitórias, dois empates e seis derrotas longe dos próprios domínios. 

01

Defesa sólida

 
 
 
no gauchãoGol de Ernando com passe de Paulão leva Inter à final
na finalPaulão faz o segundo gol do Inter na vitória por 3 a 0 sobre o Ju
vitória abertaNas quartas de final do Gauchão, Paulão faz contra o São Paulo

É inegável. O ponto mais positivo da gestão de Argel Fucks é a defesa. Antes da vitória contra o São Paulo por 2 a 1, a equipe colorada estava há sete jogos sem sofrer gols. Além disso, já são 15 partidas sem sofrer qualquer revés na temporada. E a dupla de zaga, Paulão e Ernando, ainda decide na frente. Na semifinal do Gauchão, contra o São José, Paulão passou para Ernando fazer o gol da classificação no Passo D’Areia. Por sua vez, Paulão já marcou 4 gols.

01

Título estadual

Inter ergue a taça do hexa do Gauchão (Foto: Ricardo Duarte/Divulgação, Inter)Inter ergue a taça do hexa do Gauchão (Foto: Ricardo Duarte/Divulgação, Inter)

Argel já pode se orgulhar de contar com um título importante pelo clube gaúcho. Em uma campanha em ascensão, chegou às finais do estadual em alta e não deu chances ao Juventude para levar o hexacampeonato. Ainda foi eleito o melhor treinador da competição. 

01

Mudança tática

Sasha e Vitinho em treino do Inter  (Foto: Ricardo Duarte / Inter, DVG)Sasha e Vitinho são as principais peças ofensivas de Argel (Foto: Ricardo Duarte / Inter, DVG)

Se o treinador disse ser adepto a um centroavante de origem na chegada ao Inter, mudou suas próprias tendências. Passou a apostar em um ataque móvel, formado com Vitinho e Sasha, com Andrigo na armação. Para o confronto contra o São Paulo, adotou os três volantes. Resta saber se a ideia tática será mantida para o jogo com o Sport. 

01

inter x sport

Local: Beira-Rio, em Porto Alegre
Data e horário: quinta-feira, 16h (horário de Brasília)
Escalação provável: Danilo Fernandes; William, Paulão, Ernando e Artur; Anselmo, Fernando Bob Fabinho e Andrigo; Eduardo Sasha e Vitinho
Desfalques: Alex, Valdívia, Anderson, Rodrigo Dourado, Marquinhos e Raphinha
Transmissão: Premiere e Premiere HD. O GloboEsporte.com acompanha em tempo real.
Arbitragem: Igor Junio Benevenuto apita, auxiliado por Eduardo Gonçalves da Cruz e Marconi Helbert Vieira

Confira as notícias do esporte gaúcho no globoesporte.com/rs

Fonte: Globo Esporte

Comentários Facebook

Brasileirão Série A

Em Minas, Cuiabá perde para o líder Atlético-MG e cai invencibilidade

Publicado

A Gazeta

Após 12 jogos sem derrotas fora de casa pelo Campeonato Brasileiro, o Cuiabá perdeu a longa invencibilidade que acumulava na série A para o líder Atlético-MG neste domingo (24), em Belo Horizonte, pela 28ª rodada do Brasileirão. O galo venceu por 2 a 1 e pôs fim a longa série do auriverde sem derrotas longe de casa.

O Dourado continua com 35 pontos, em décimo lugar na tabela de classificação. O Galo, por sua vez, chegou aos 59 tentos e é mais líder do que nunca.

A mil por hora, assim começou o início do jogo entre Cuiabá e Atlético-MG no Mineirão. Logo aos 2 minutos, Nathan Silva, contra, inaugurou o marcador em recuo infeliz para Everton, que viu a bola entrar lentamente no gol. Aos 4, Hulk, dentro da pequena área, deixou tudo igual após jogada ensaiada de escanteio.

O time mineiro conseguiu a virada com Jair, que completou de cabeça para as redes após assistência de Guilherme Arana.

No início da etapa final, Hulk marcou o terceiro para o Atlético, mas o gol foi anulado após a arbitragem pegar um toque de mão do atacante. Daí em diante o Atlético continuou pressionando, mas sempre parando nas defesas seguras do goleiro Walter.

À medida que o relógio foi passando, o Atlético deixou o Cuiabá mais a vontade para trabalhar com a bola e passou a contar com os contra-ataques. O Dourado martelou, porém não conseguiu criar chances claras de gol.

O próximo compromisso do Cuiabá no campeonato brasileiro é contra o Red Bull Bragantino no dia 1º de novembro, na Arena Pantanal, às 19h30 (de MT.

Comentários Facebook
Continue lendo

Brasileirão Série A

Seleção Brasileira encerra preparação para amistoso contra República Tcheca

Publicado

Programa No Mundo da Bola desta segunda-feira (25) também destacou a reta final dos principais campeonatos estaduais do país; ouça na íntegra

O programa No Mundo da Bola desta segunda-feira (25) destacou o amistoso da Seleção Brasileira com a República Tcheca. Waldir Luiz, Márcio Guedes, Bruno Mendes e toda a nossa equipe também analisaram a reta final dos principais campeonatos estaduais do país e as principais notícias do esporte nacional e internacional.

Clique no player e ouça o programa na íntegra:

No Mundo da Bola é transmitido pela Rádio Nacional do Rio de Janeiro, de segunda a sexta-feira, a partir das 17h. Para participar das transmissões, o internauta deve ligar para (21) 2117-6918 ou (21) 2117-6919.

Fale com a equipe de esportes das Rádios EBC pelo e-mail: esporte.radios@ebc.com.br.

Agencia Brasil
Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Mais Lidas da Semana