conecte-se conosco


Esportes

Assassino confesso de Daniel é transferido após suspeita de tentativa de fuga

Publicado

Assassino confesso do jogador Daniel Corrêa, Edison Brittes Júnior foi transferido na manhã desta sexta-feira da Casa de Custódia de São José dos Pinhais para a Casa de Custódia de Curitiba, em mais um capítulo do caso Daniel.

Leia também: Testemunha diz ter conversado com Daniel na suíte: “Ele queria usar o banheiro”


Em mais um capítulo do caso Daniel, Edison Brittes foi transferido após suspeita de tentativa de fuga
Reprodução

Em mais um capítulo do caso Daniel, Edison Brittes foi transferido após suspeita de tentativa de fuga

Por meio de sua assessoria de imprensa, o Departamento Penitenciário do Paraná (Depen), afirmou que a transferência do homem que lidera a lista dos suspeitos do caso Daniel aconteceu às 10h e foi feita por motivos de segurança, sem dar mais detalhes.

Em entrevista à Rede Massa , no entanto, o advogado de defesa de Brittes, Claudio Dalledone, revelou que a mudança foi feita após seu cliente receber uma oferta para fugir da cadeia.

“O que ocorre dentro da cadeia é que eles [os presos] recebem bilhetes e em um dos bilhetes existia uma proposta de arrebatamento dele. Um preso fez um bilhete e disse ‘Se você me pagar R$ 70 mil, eu consigo te arrebatar’”, afirmou Dalledone.

Leia mais:   Mixto sofre virada e encara derrota contra Luverdense

Leia também: Caso Daniel: assista aos vídeos com os depoimentos das testemunhas do crime

A motivação do crime confessado por Edison Brittes contra a vida de Daniel teria sido porque ele encontrou o atleta deitado ao lado de sua esposa, no quarto do casal. Antes de ser agredido e morto, o próprio jogador mandou fotos para um amigo em que ele realmente aparecia deitado junto com Cristiana Brittes.

Edison, então, com a ajuda de outras pessoas, espancou o jogador e o levou para uma rua deserta, onde ali ele o decepou e o matou. Antes, Daniel havia participado da festa de 18 anos da filha de Edison, Allana Brittes.

Leia também: Cris Brittes pediu para não matar Daniel dentro de casa, revela testemunha

No total, sete pessoas são acusadas de envolvimento pela morte do jogador – seis estão presas (Edison Brittes, Cristiana Brittes, Allana Brittes, Eduardo da Silva, Ygor King e David William da Silva). Já Evellyn Brisola Perusso responde no caso Daniel em liberdade.

Fonte: IG Esportes
Comentários Facebook

Esportes

Mixto sofre virada e encara derrota contra Luverdense

Publicado

Willian Amendoim foi o responsável por marcar o primeiro gol em favor do Mixto (foto acima)

O Mixto Esporte Clube perdeu de virada para o Luverdense Esporte Clube por placar de três a um, nesse sábado (16.03), na Arena Governador José Fragelli, em partida válida pela oitava rodada do Campeonato Mato-grossense Martinello 2019, em Cuiabá. Caiu para a quinta posição na tabela de classificação e se prepara para enfrentar o Clube Esportivo Operário Várzea-grandense, no dia 20 de março (próxima quarta-feira), às 20h30, na Arena Pantanal, na Capital.

“Tivemos três desfalques para esse jogo. Os dois laterais esquerdos, Rodrigo Biro e Leandro da Silva não jogaram por lesões e o volante, Alexsandro Léo por suspensão. Como temos um grupo pequeno, improvisamos, mas isso não serve de desculpa. Saímos ganhando, eles empataram com pênalti, marcaram um segundo e fomos ao intervalo. Lá modificamos, mas eles fizeram um terceiro gol e foram merecedores da vitória”, comentou o treinador, Toninho Pesso.

No 1° tempo, o Tigre foi pra cima, pressionou o oponente e abriu o placar aos cinco minutos com gol de Willian Amendoim. Continuou a apertar o adversário, mas a arbitragem marcou pênalti aos 35 minutos e o Luverdense não perdeu a oportunidade e empatou com gol de Wilson Junior. Isso equilibrou a partida e ambos foram ao intervalo. E o Tigre fez mudanças, tirou Marlon Lopes e colocou Valtinho, trocou Alan Jr por John Lennon e Marco Lapa por Renan Neves.

No 2° tempo, o Alvinegro voltou determinado a recuperar, tentou criar chances para pontuar, jogou com uma equipe mais aberta, teve posse de bola e mostrou esforço físico, mas o rival aproveitou uma bola e marcou o terceiro para dar números finais ao confronto. E, com o resultado, o Lec ganhou três pontos, subiu de quinto para quarto colocado na classificação e o Mixto desceu de quarto para quinto e ambos avançam para a última rodada da primeira fase do estadual.

“Temos evoluído partida após partida e acredito numa tendência de crescimento para os próximos jogos. Temos que mostrar resultados dentro de campo ou nós acabaremos eliminados da competição. Fui feliz com a finalização do gol, mas fiquei chateado pela derrota. Vamos concentrar mais, levantar a cabeça e agora descansar, pois já temos outro jogo na próxima quarta-feira”, avaliou o jogador, Willian Amendoim, autor do gol mixtense contra o Luverdense.  

O Alvinegro está na quinta posição classificatória com 11 pontos, tendo feito oito jogos, sendo três vitórias (1×0 Dom Bosco, 1×0 Juara e 3×0 Operário FC), dois empates (0x0 Araguaia e 0x0 Sinop) e três derrotas (1×3 União, 0x1 Cuiabá e 1×3 Luverdense) e saldo de gols zerado (marcou sete e levou sete gols). Agora retorna para a rotina de treinos na segunda-feira (18) e encara o Ceov na quarta-feira (20.03), às 20h30, na Arena Pantanal, pela nona rodada, em Cuiabá.

Parceiros

O Mixto Esporte Clube tem apoio do Sistema de Crédito Cooperativo (Sicredi), da Unimed Cuiabá, do Fort Atacadista, da Zaeli Alimentos, da Rede de Hotéis Mato Grosso e do Cuiabá 300 Anos. Mais informações estão disponíveis no site e na página do clube no Facebook.

Texto e fotojornalismo: Junior Martins

Comentários Facebook
Leia mais:   Mixto sofre virada e encara derrota contra Luverdense
Continue lendo

Esportes

Palmeiras volta a ter time feminino depois de 9 anos

Publicado

Repórter Lincoln Chaves trouxe todas as informações da preparação do Verdão para o Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino dentro do programa No Mundo da Bola desta quinta-feira (14); ouça na íntegra
Começa neste sábado (16) a sétima edição do Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino. E a Rádio Nacional traz uma série de matérias sobre a principal competição do futebol feminino no país. A terceira reportagem fala do Palmeiras e dos seus reforços para disputar a competição além do projeto da diretoria para a modalidade. O repórter Lincoln Chaves trouxe todas as informações do Verdão dentro do programa No Mundo da Bola desta quinta-feira (14).

Ouça no player abaixo:

O Palmeiras retorna ao feminino após nove anos. O time vai jogar em Vinhedo, cidade parceira do versão nesta edição.

A equipe foi apresentada em meados de fevereiro e é comandada pela treinadora Ana Lúcia Gonçalves.

O No Mundo da Bola é transmitido pela Rádio Nacional do Rio de Janeiro, de segunda a sexta-feira, a partir das 17h. Para participar das transmissões, o internauta deve ligar para (21) 2117-6918 ou (21) 2117-6919. Fale com a equipe de esportes das Rádios EBC pelo e-mail: esporte.radios@ebc.com.br.
Tags: Palmeiras Futebol Feminino Brasileirão Feminino

Leia mais:   Mixto sofre virada e encara derrota contra Luverdense

Agência Brasil

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Mais Lidas da Semana