conecte-se conosco


Cáceres e Região

Acusada de participação no assassinato de dentista é presa

Publicado

Brenda Ferreira é acusada de ter investigado a rotina do dentista Guilherme Mancuso para repassar as informações aos criminosos.

A Polícia Civil do município de Araputanga (a 336 quilômetros de Cuiabá) prendeu, na terça-feira (4), Brenda Ferreira – de 25 anos – acusada de participação no assassinato do dentista Guilherme José Mancuso, de 41 anos, no último dia 19 de julho.

O dentista foi morto após uma emboscada na cidade de Cáceres (a 218 km ao Oeste de Cuiabá). Os bandidos, segundo as investigações, queriam roubar a caminhonete Toyota Hilux da vítima.

Para os investigadores existem provas suficientes de que Brenda monitorou a rotina do dentista e repassou as informações aos criminosos, inclusive o horário em que a vítima chegaria em casa na noite do crime.

No aparelho celular da acusada a polícia também encontrou conversas com Devail da Silva Monteiro, autor dos tiros que matou Guilherme.

“Foram reunidas diversas provas técnicas que nos permitem apontar com segurança para o envolvimento dela, que teria agido como isca para se aproximar da vítima e reunir informações”, detalhou o delegado do caso, Alex Souza Cuiabano.

Leia mais:   Morre aos 76 anos, Antônia Liberato Rostey

Brenda Ferreira está presa preventivamente na Cadeia Feminina de Cáceres.

Os investigadores também não descartam a participação de outros criminosos no caso.

Dia do crime

No dia do crime, Guilherme foi surpreendido por dois homens em uma moto, quando chegava a sua residência.

Assustado, o dentista arrancou com o carro e foi perseguido. Ele acabou sendo atingido por três tiros e bateu a caminhonete no muro de uma casa. Os criminosos fugiram sem levar nada.

Vizinhos que escutaram os tiros acionaram a polícia e disseram que ele estaria em companhia de uma mulher.

Os investigadores acreditam que a mulher se trata de Brenda.
Guilherme chegou a ser socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel e Urgência (Samu), mas morreu minutos depois de chegar ao Hospital Regional em Cáceres.

Já o outro acusado pelo crime (Devail) foi preso no início do mês passado em Sapezal.
Conforme a Polícia Civil o criminoso é conhecido como ‘Exterminador’, sendo membro de uma facção criminosa, tendo a função de executar indivíduos de outras organizações.

Leia mais:   Prefeitura começa construção de pontes no bairro jardim das Oliveiras (Empa)

Ele possui passagens pela polícia pelos crimes de posse ilegal de arma de fogo, formação de quadrilha ou bando, corrupção de menores e falsidade ideológica.

Leia mais

Dentista é perseguido e assassinado com três tiros dentro de Hilux

Bandido que matou dentista em Cáceres é preso em Sapezal

MARCIO CAMILO

Comentários Facebook

Cáceres e Região

Morre aos 76 anos, Antônia Liberato Rostey

Publicado

Faleceu neste domingo (23) no Hospital São Luiz, Antônia Liberato Rostey, de 76 anos. Ela que estava hospitalizado, faleceu vítima de falência múltiplas dos órgãos em consequência pós cirúrgicos.

Segundo informações prestadas pela família, o velório será a partir das vinte e uma hora na capela Park dos Ipês. O sepultamento está previsto para as 8 horas no cemitério Parks dos ipês.

Dona Antônia que era escriturária e sempre se dedicou a ajudar o esposo o médico Renato Rostey. Foi um exemplo das virtudes rotaryanas e dos bons costumes cristãos. Sua falta será sentida não só pela família, mas por toda Cáceres e região.

Tia Antônia como era conhecida pelos familiares, é tia da vice prefeita de Cáceres Eliene Liberato Dias.

Ela foi presidente da Casa da Amizade de Cáceres, que é a associação de senhoras de rotarianos. Foi também embaixatriz do Distrito 4440 enquanto seu esposo era o governador do Distrito 95/96.

Deixa a esposo o Ginecologia Renato Rostey, o filho o dermatologista Renato Roberto Liberato Rostey e a filha advogada Deborah Rostey.

Leia mais:   Prefeitura começa construção de pontes no bairro jardim das Oliveiras (Empa)

Por: Joner Campos

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Prefeitura começa construção de pontes no bairro jardim das Oliveiras (Empa)

Publicado

A prefeitura de Cáceres deu início às obras para a substituição das 3 pontes de madeira por tubos ARMCO no bairro Jardim das Oliveiras. Todo trabalho está sendo executado pela Secretaria de Infraestrutura do município.

Os tubos são de aço galvanizado com vazão de 2 e 3 metros de diâmetro e uma vida útil de mais de 40 anos, além de não precisar de reparos contínuos como é feito quando a ponte é de madeira.

O prefeito Francis Maris diz que “a precariedade dessas pontes era grande e elas estavam totalmente deterioradas e traziam insegurança para quem precisava  usa-las, seja de bicicleta, motos, carros e até mesmo a pé. A troca dessas pontes irá melhor a mobilidade dos moradores do bairro que a muito tempo esperam essa obra  ser realizada e agora foi feito a compra de todo material necessário e  em breve será entregue para a população.” Finaliza.

“Esse projeto de substituir as pontes por tubos de aço galvanizado vai ser aumentado gradativamente. Infelizmente hoje é muito difícil conseguir madeira com tamanho adequado, além de toda a burocracia para a extração, além de que as pontes de madeiras exigem muito mais atenção e reparos principalmente nos períodos chuvosos. Com esses tubos de aço de alta resistência e durabilidade, a prefeitura terá uma economia significante com reparos e mão de obra”. Finaliza o secretário Wesley de Sousa

Leia mais:   Morre aos 76 anos, Antônia Liberato Rostey

Cronograma:

A primeira ponte está sendo construída na Av. Pedro Henry com tubos de 2,0m de diâmetro e logo que for finalizada será iniciada na Rua Madri também com a mesma dimensão. Posteriormente será executada a ponte da Av. Beira Rio (Cabo Nilson) com tubos de 3,0m de diâmetro.

Assessoria

Comentários Facebook
Continue lendo

Cáceres e Região

Policial

Política MT

Mato Grosso

Entretenimento

Mais Lidas da Semana